-->

4 de novembro de 2016

Gestão de Camilo Santana é recordista na história do Ceará em assassinatos de agentes da Segurança. Já são 40 mortes

Em apenas um ano, 10 meses e quatro dias da gestão de Camilo Santana (PT) à frente do Governo do Ceará, o estado amarga a estatística de  40 agentes da Segurança Pública assassinados no período, um triste recorde na história cearense.  No ano passado, foram 15 servidores da área executados. Agora, em 2016, já são 25 mortos.

O mais recente servidor da Segurança Pública a tombar em território cearense foi o cabo PM Fábio Romeu Morais de Lima. Na madrugada desta sexta-feira (4), ele trabalhava em uma viatura ostensiva da 4ª Companhia do 1º Batalhão da PM, sediada na cidade de Limoeiro do Norte (a 203Km de Fortaleza), quando foi morto,junto com outros dois militares, tentou abordar bandidos que se preparavam para invadir o depósito de uma loja no Centro. O que seria uma simples ocorrência de furto, virou tragédia.

Na troca de tiros com a quadrilha, o cabo PM Romeu, 31 anos de idade, casado, pais de uma criança ainda de colo, acabou sendo atingido com dois tiros na cabeça e um no braço. Apesar de socorrido pelos colegas para o hospital local, não resistiu e tornou-se o 21º PM morto, neste ano no Ceará.

Em 2016, a Polícia Militar já perdeu em seus quadros, oito soldados, seis sargentos, quatro subtenentes, dois casos e um tenente.

Além dos 21 policiais militares, também foram assassinados em 2016, dois policiais civis (inspetores)  e dois agentes penitenciários.

Veja lista completa dos agentes da Segurança Pública mortos no Ceará em 2015-2016:

2015

01 (14.01) – SAMUEL RODRIGUES TABOSA, soldado da PM, morto em tentativa de assalto na porta de casa, no Conjunto Prefeito José Walter.

02  (28.01) – TONY ÍTALO LIMA PINHEIRO, inspetor da Polícia Civil, baleado em uma tentativa de assalto na Rua Monsenhor Salazar, no bairro São João do Tauape. Morreu três dias depois.

03  (02.03) – SELBIANO FREIRE BARROSO, soldado PM morto em um assalto nas dependências de um cartório no bairro Maraponga.

04 (08.06) – ANTÔNIO MÁRCIO RIOS DE SOUSA, inspetor da Polícia Civil, morto a tiros por bandidos durante assalto a uma lan house no bairro Monte Castelo , em Fortaleza.2

05  (12.06) – MARIA GORETE DE OLIVEIRA, inspetora da Polícia Civil, assassinada a tiros por um assaltante na Avenida José Leon, no bairro Parque Manibura.

06  (24.06) – DOUGLAS DOS SANTOS SILVA, soldado PM, assassinado por bandidos na Rua Riacho Doce, no bairro Mondubim. Caso sob investigação 

07 (31.07) - JESSÉ DE MOURA FREIRE NETO, subtenente PM assassinado durante uma tentativa de assalto no Centro de Fortaleza.

08 (03.08) – LUCIANO TAVARES SIMÕES, sargento PM, 64 anos, da Reserva, assassinado e tem o corpo carbonizado na cidade de Russas.

09 (14.08) – CÍCERO SOARES, soldado PM, faleceu em decorrência de tiros sofridos aos reagir a um assalto em um supermercado na cidade de Barbalha, no dia 4.8.2015

10 (29.08) – JOÃO AUGUSTO DA SILVA FILHO, ex-sargento PM, conhecido por “Joãozinho Catanã”, assassinado, a tiros, na porta de sua casa, no bairro Dom Lustosa. A Polícia suspeita de vingança. Ele era suspeito de chefiar uma milícia ligadas à  vigilância clandestina.

11 (08.09) – LUÍS GOMES PLÁCIDO, 54 anos, sargento da Reserva da PM assassinado a golpes de faca em um suposto crime passional na localidade de Garrote, no Município de CAUCAIA. O acusado, Fernando Antônio Sousa Dias, preso em flagrante.

12 (08.10)  PAULO ROBERTO COSME BEZERRA, 44 anos, escrivão da Polícia Civil do Ceará, lotado na Delegacia Municipal de Pacajus, foi assassinado, a tiros, quando se encontrava em um restaurante na Avenida Washington Soares, no bairro Messejana. Suposta pistolagem.

13 (11.11) – VALTEMBERG CHAVES SERPA,  Soldado da Polícia Militar, destacado no 16º BPM (Messejana), foi morto, com um tiro na cabeça, durante uma tentativa de assalto no campo da Uniclinic, no bairro Lagoa Redonda.

14 (14.11) – JOSÉ MARQUES FERREIRA, Cabo da PM,  destacado no Tribunal de Justiça do Estado, tentou intervir no assalto a uma agência lotérica e foi morto a tiros. Crime ocorreu na Avenida Lineu Machado, no bairro João XXIII, em Fortaleza.

 15 (31.12) – ANTÔNIO ROBÉRIO DE OLIVEIRA, Policial civil do Distrito Federal, cearense. Foi assassinado, a tiros, ao reagir a um assalto em BEBERIBE, onde passava férias com a família. Bandidos atiraram contra o agente.

2016

01 (07.01) – HUDSON DANILO DE OLIVEIRA, policial militar, soldado, baleado por assaltantes durante uma ocorrência de roubo em uma fazenda na zona rural de Jaguaretama.

02  (19.01) – BENEDITO GOMES ASSUNÇÃO, subtenente, baleado e morto durante uma briga de trânsito na cidade de Juazeiro do Norte. Dois suspeitos do crime foram presos.

03 (28.01) – JOSÉ EUDES DA SILVA MONTE,  policial militar, na graduação de sargento, morto a tiros durante assalto a um coletivo no bairro Conjunto Ceará.

04 (12.02) – AUGUSTO HERBERT FÉLIX, policial militar, destacado no BPRaio, morto numa tentativa de assalto na Travessa Santo Amaro, no bairro Pici.

05 (19.02) – CARLOS HERBÊNIO ALMEIDA BEZERRA, subtenente, comandante do Destacamento da PM na cidade de Jaguaretama. Morto por bandidos quando fazia cooper.

06 (06.04) – ÁLISSON PAULINELLI MEDEIROS DE MENDONÇA, policial civil (inspetor), assassinado por bandidos durante uma tentativa de assalto no bairro Cidade dos Funcionários, em Fortaleza. Ele matou um dos ladrões.

07 (18.04) – FRANCISCO WELLINGTON DA SILVA, policial militar, subtenente da PM, morto a tiros durante assalto dentro da agência do Bradesco de Pacajus.

08 (24.04) – MARCELO ANDRADE VIANA, policial militar (soldado), destacado na Cavalaria, estava em Licença para Tratamento de Saúde (LTS), morreu numa troca de tiros com colegas de farda, na Barra do Ceará. Atirava no portão da casa da ex-esposa e reagiu na chegada de uma patrulha do Ronda do Quarteirão. Morte considerada suspeita.

09 (07.05) – ANTÔNIO ANDERSON DO NASCIMENTO, 25, soldado destacado em Alcântaras, foi morto, a tiros, na cidade de Sobral, ao tentar evitar um homicídio no bairro Sinhá Sabóia.

10 (08.05) – JOSÉ ROBERTO LEMOS - policial militar (soldado), destacado no BPRAIO da cidade de Juazeiro do Norte, morto numa troca de tiros com traficantes em um bar no bairro Aparecida, na periferia da cidade de Campos Sales.

11 (23.05) – EVANDRO ALVES RAMOS, Soldado da Reserva Remunerada da Polícia Militar, baleado e morto durante um jogo de baralho em um bar na Rua Professora Maria Clara, no bairro Jardim Iracema.

12 (10.6) – JOSÉ FARIAS DO NASCIMENTO – Sargento da Reserva da PM, morto a tiros ao entrar em uma loja situada no bairro Santa Teresa, na cidade de Juazeiro do Norte.

13 (30.06) – FRANCISCO GUANABARA FILHO – Sargento da Ativa da PM, destacado no 9º BPM, em Quixadá, morto s tiros de fuzil no Distrito de Juatama, por volta das 17h30, por uma quadrilha que planejava atacar um carro-forte. Ele fazia parte de uma patrulha da FTA.

14 (30.06) – ANTÔNIO JOEL DE OLIVEIRA PINTO – Cabo da Ativa da PM, destacado no 9º BPM, em Quixadá, morto s tiros de fuzil no Distrito de Juatama, por volta das 17h30, por uma quadrilha que planejava atacar um carro-forte. Ele fazia parte de uma patrulha da FTA.

15 (30.06) – ANTÔNIO ALVES FILHO – Soldado da Ativa da PM, destacado no 9º BPM, em Quixadá, morto s tiros de fuzil no Distrito de Juatama, por volta das 17h30, por uma quadrilha que planejava atacar um carro-forte. Ele fazia parte de uma patrulha da FTA.

16 (1.07) – MARCOS PAULO ANDRADE DA ROCHA – Subtenente, afastado das funções, morto a tiros dentro de um bar no bairro Conjunto Palmeiras, por uma dupla que fugiu de moto.

17 (2.07) – ANDRÉ NOGUEIRA PIRES – Agente penitenciário assassinado por um assaltante na Rua Jorge Dummar, no bairro Jardim América, em Fortaleza. Teve sua arma roubada, o que caracterizou o crime de latrocínio.

18 (15.7) – FRANCISCO MOÉSIO PINHEIRO BARBOSA – Sargento da reservada Remunerada da PM, baleado numa tentativa de assalto no bairro Carrapicho, em Caucaia.

19 (2.8) – JOSILEUDO LEITE DA SILVA – Agente penitenciário morto por assaltantes ao tentar impedir uma “chegadinha” bancária na porta da agência do Bradesco, na esquina das ruas Major Facundo e Senador Alencar, no Centro de Fortaleza.

20 (04.8) – FRANCISCO EDNARDO MENEZES DE SOUSA – 1º Sargento da Ativa da PM, destacado no Batalhão de Eventos (BPE), morto na porta de casa, na Rua Isaías Pereira, bairro Maraponga, em Fortaleza, durante uma tentativa de roubo seguida de tiroteio. Um dos bandidos também morreu – FRANCISCO ANDERSON NUNES BRANDÃO, 26 anos. A esposa do PM ficou ferida com um tiro na perna.

21 – (12.8) – SAMUEL DAVID NOGUEIRA MORAIS – Soldado da Ativa da Polícia Militar, Destacado no Ronda do Quarteirão (Conjunto Ceará/Capital), foi baleado e morto por assaltantes (na presença do filho de 5 anos), numa abordagem na Rua Araripe Prata, no bairro Parangaba. Ladrões roubaram o carro e a arma da vítima (latrocínio).

22 – (20.8) – JOSÉ CLÁUDIO NOGUEIRA – Inspetor da Polícia Civil, lotado na Delegacia Regional de Senador Pompeu, 51 anos, morto a tiros por pistoleiros na CE-156, na localidade de Inharé, na zona rural. Vítima atingida por vários tiros dentro de seu carro.

23 – (08.9) – JOSÉ ADAÍLSON FERREIRA DO NASCIMENTO, 68 anos, sargento da Reserva da PM, assassinado durante um assalto na localidade de Felipa de Cima, na zona rural do Município de Morada Nova. Foi atingido por três tiros.

24 – (14.10) – MARCOS PAULO LIRA RIBEIRO, 32 anos, 1º Tenente da Polícia Militar, subcomandante da 1ª Companhia do 5º BPM (Centro), foi assassinado por bandidos durante um assalto a uma loja de celulares no bairro Jardim América, na Capital.

25 – (4.11) – FÁBIO ROMEU MORAIS DE LIMA, 30 anos, cabo da PM, destacado na 4ª Companhia do 1º BPM, na cidade de Limoeiro do Norte. Foi morto de serviço quando sua patrulha foi prender uma quadrilha que iria arrombar a Loja Zenir, em Limoeiro. Cinco bandidos também foram mortos.

Última atualização em 4.11.2016

Blog do Fernando Ribeiro

Polícia confirma nomes dos bandidos assassinados da Cidade Alta e na Clóvis Alexandrino em Limoeiro do Norte

Conforme informações da Polícia Militar, nesta sexta-feira, dia 04, por volta das 10h, na Avenida Manoel Fidélis Maia, bairro Antônio Holanda (Cidade Alta), foram vítimas de homicídio à bala, José Carlos de Aquino, 33 anos, natural de Limoeiro do Norte-CE, e Francisco Francileudo de Aquino, 32 anos, natural de Limoeiro do Norte-CE.

Nas proximidades das vítimas foi encontrada uma motocicleta Honda/NXR 150 BROS, de cor vermelha, de placa PMW-5619. O caso está sob investigação.

A Polícia Militar também registrou nesta sexta-feira, dia 04 de novembro, por volta das 12h30min, na Rua Coronel Clóvis Alexandrino, nas proximidades da NOVA HONDA, centro, foram vítimas de homicídio à bala, Francisco Diego Nogueira Lopes, 23 anos, natural de Limoeiro do Norte-CE, e Francisco Adriano Nogueira Lima, 28 anos, natural de Limoeiro do Norte-CE.

Na mesma ocorrência, foi baleado com um tiro no pé direito, a pessoa de Jaerd Souza Silva Ferreira, 29 anos, que foi socorrido para o hospital local e passa bem. O caso também está sob investigação policial.

TV Jaguar

Mais um tiroteio é registrado nesta sexta, 04, em Limoeiro do Norte; duas pessoas morreram e uma ficou ferida

Tiroteio foi registrado no início da tarde desta sexta-feira, 04 de novembro em Limoeiro do Norte, nas proximidades da Nova Onda.

Esse é o terceiro momento de terror registrado no dia de hoje município de Limoeiro do Norte, sendo que desta vez um duplo homicídio foi registrado, por volta das 12h45, na Avenida Coronel Clóvis Alexandrino, aonde dois jovens, de nomes ainda não divulgados pela policia, mas na rede do whatsapp, relatos diz serem Adriano e Diego da cidade alta, que foram executados a bala por homens armados enquanto trafegavam de moto pela via que liga a Avenida Dom Aureliano até o Ginásio Municipal.

Ainda de acordo com informações de populares, uma terceira pessoa ficou ferida durante a ação dos meliantes.

Madrugada de terror

Um policial e cinco assaltantes foram mortos em troca de tiros na madrugada desta sexta-feira (4), no Centro de Limoeiro do Norte, durante uma tentativa de assalto. 

A Polícia Militar travou uma intensa troca de tiros pelas ruas do centro colocando em pânico a população limoeirense, invadiram uma residência nas proximidades da Praça do Banco do Nordeste e fizeram algumas pessoas refém, a polícia continuando na empreita fechou o cerco, e, em mais uma violenta troca de tiros, três homens do grupo foram alvejados, outros conseguiram furar o cerco, mas, a polícia continuou no encalce e pela manhã por volta das 7h30 houve o terceiro confronto, dois suspeitos vieram a óbito após troca de tiros com a Policia na Cidade Alta, .

O Cabo PM Fabio Romeu Morais e Lima, lotado na 4ªCIA/1ºBPM, foi atingido com um tiro na cabeça. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital de Russas, mas não resistiu.

Cabo Fábio Romeu é o 21º Policial morto no Ceará em 2016

Fábio Romeu Moraes de Lima, de 30 anos, foi morto após uma troca de tiros entre criminosos e policiais é mais um policial militar que foi morto na madrugada desta sexta-feira (4) em Limoeiro do Norte, a 200 quilômetros de Fortaleza.

De acordo com a Polícia Civil do município, o cabo Fábio Romeu Moraes de Lima, de 30 anos, foi morto após uma troca de tiros entre criminosos e policiais em frente a um estabelecimento comercial no Centro.

De acordo com a polícia, os criminosos tentavam arrombar o estabelecimento e foram impedidos pelos PMs. Durante o confronto, Romeu foi atingido com três tiros na cabeça e outro no braço esquerdo.

Ao fugirem do local, os assaltantes entraram numa residência e fizeram uma pessoa de refém. Contudo, após novo confronto com policiais, três criminosos, que ainda não foram identificados, foram mortos e outros dois conseguiram fugir. Ainda segundo a polícia do município, os outros dois envolvidos ainda não foram presos.

Crescimento

O número de agentes de segurança pública mortos em confrontos vem crescendo nos últimos anos. Em 2014, 14 policiais foram vítimas de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs).

Em 2016, com mais essa morte, sobe para 21 o número de policiais, entre civis e militares, mortos somente este ano no Ceará.

TV Jaguar

Ocupação de Câmara Municipal deixa Juazeiro do Norte sem prefeito

Manifestantes ocupam Câmara Municipal de Juazeiro contra aprovação de reajuste salarial para vereadores, prefeito e secretários
Há oito dias ocupada sob protestos por cerca de 40 pessoas contra reajuste salarial de vereadores, vice-prefeito, prefeito e secretários da Prefeitura, Câmara Municipal de Juazeiro do Norte viveu ontem dia movimentado e tenso.

Na última terça, 1º, a Justiça determinou reintegração de posse e desocupação imediata da Câmara, autorizando intervenção policial. O município, sem prefeito após afastamento de Raimundo Macedo (PMDB) – o Raimundão –, ainda aguarda posse do vice-prefeito Luiz Ivan Bezerra (PTB) que deve ocorrer hoje, com a Câmara desocupada. Manifestantes previam que isso iria acontecer antes do final da noite de ontem, o que não se confirmou até o fechamento desta página.

Mesmo com movimento em Juazeiro do Norte e serviços públicos aparentemente dentro da normalidade, o clima é de indefinição e no que diz respeito à administração municipal: prefeito Raimundão foi afastado do cargo na última segunda-feira, 31, por decisão do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE) e, três dias depois, o posto não foi assumido pelo vice-prefeito Luiz Ivan Bezerra.

A ocupação foi iniciada em protesto contra reajuste salarial de vereadores, vice-prefeito, prefeito e secretário da Prefeitura, aprovado na quinta-feira passada, 27 de outubro. Com a medida, salário de vereadores aumentaria 20% (passando de R$ 10 mil para R$ 12,6 mil), prefeito e vice passariam a ganhar R$ 33 mil e R$ 21 mil, respectivamente – um salto de 32% – e secretários do município teriam remuneração mensal de R$ 12,6 mil.

Segundo Valdir Medeiros (Psol), diretor-executivo da Intersindical – Central da Classe Trabalhadora, o reajuste é “imoral e inapropriado”. “Por conta disso, movimentos sociais se organizaram, junto com algumas pessoas da sociedade, e resolvemos, em reunião, ocupar a Câmara do Vereadores”, conta Valdir.

Sem sucesso na negociação com vereadores e o presidente da Câmara, Dante Benedito (PMN), manifestantes receberam visita, na manhã desta quinta-feira, da juíza Samara de Almeida Cabral, titular da 3ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza. Irredutíveis, manifestantes trancaram portões com correntes e cadeados.

Acionados, policias militares se dirigiram ao local e desfizeram bloqueios com ajuda de chaveiro da região. Valdir Medeiros diz que conversa com comandante da Polícia Militar foi “tranquila” e “respeitosa” e não houve confronto.

Plenária foi marcada para acontecer no final da noite de ontem para encerrar a ocupação. “Deliberamos o plebiscito, com colhimento de assinaturas, para que a população diga se aprova ou não o reajuste dos salários”, diz Valdir Medeiros.

Saiba mais

Plebiscito

De acordo com Valdir Medeiros, plebiscito com a população de Juazeiro do Norte deve ser encaminhado à Câmara Municipal “para que se torne lei”. A previsão é de que a coleta de assinaturas seja iniciada “a partir do dia 20” e uma reunião neste fim de semana defina a estrutura e participação de entidades.

Raimundão afastado

Por decisão do TJ-CE, atual prefeito Raimundão foi afastado até o fim do mandato. A medida foi tomada pelo desembargador Raimundo Nonato Silva Santos, que acatou denúncia do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) apontando diversas irregularidades na administração pública, como associação criminosa, concussão, lavagem de dinheiro, ocultação de bens, direitos e valores. Raimundão já havia sido afastado pela Justiça em julho de 2015 por acusações de desvio de dinheiro público, conseguindo retorno quarenta e cinco dias depois, sob decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ). Esta é a segunda vez que Raimundão está no comando do município de Juazeiro, tendo sido prefeito entre 2005 e 2008. O peemedebista havia inciado campanha para reeleição no pleito deste ano, mas acabou desistindo na última semana antes da votação, pelas altas taxas de rejeição e baixa intenção de votos. Arnon Bezerra (PTB), aliado do governador Camilo Santana (PT), assumirá o cargo em janeiro.

O Povo

Preso é levado a hospital por engolir celular

O ajudante geral Douglas Eduardo Quirino Lopes, de 21 anos, está preso no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Jundiaí. Ele engoliu um telefone celular e teve de ser levado ao Pronto Socorro do Hospital São Vicente de Paulo

O rapaz teria engolido o aparelho, de 7 centímetros de comprimento, durante revista de rotina no presídio, da Rodovia dos Bandeirantes.

Um agente penitenciário desconfiou das ações do detento e o conduziu ao hospital, no centro de Jundiaí, para a realizar um raios x. No exame foi confirmado que o aparelho estava no estômago do detento. O preso acabou confessando que engoliu porque ficou com medo de ser flagrado com o aparelho.

Os médicos do hospital de Jundiaí realizaram procedimentos para o preso expelir o aparelho pela boca, do contrário seria necessária uma cirurgia.

O delegado Seccional de Polícia Civil, Luiz Carlos Branco Júnior, afirmou que agora os investigadores vão tentar descobrir quem levou o aparelho para a cela do preso no CDP. Lopes já recebeu alta médica e voltou para a cadeia.

Com informações O Dia – Rio de Janeiro

Polícia Federal desarticula quadrilha do tráfico internacional de drogas na operação 'Cavalo Doido'

A Polícia Federal deflagrou na madrugada desta sexta-feira (4) a operação ''Cavalo Doido'', que visa desarticular uma quadrilha especializada no tráfico internacional de entorpecentes. A organização criminosa produzia drogas no Paraguai e distribuía para os estados de Goiás, Pará, Distrito Federal e Mato Grosso do Sul. 

A operação, que conta com a participação de 200 policiais e também a participação da Polícia do Paraguai , cumpre no Mato Grosso e em Goiás, 81 mandados judiciais, sendo 21 de prisão preventiva, 11 de prisão temporária, 15 de conduções coercitivas e 34 de busca e apreensão. A Polícia Federal estima que o grupo tenha movimentado mais de R$ 1 bilhão de reais. Foram também bloqueadas 80 contas bancárias do grupo.

As investigações apontaram que uma das rotas do grupo era feita pela região fronteiriça de Pedro Juan Cabalero, cidade do Paraguai. Durante as investigações, foram apreendidas mais de 10 toneladas de drogas, armas de grosso calibre e carros de luxo. Os investigados devem responder por tráfico internacional de drogas, associação para o tráfico, corrupção ativa, tráfico internacional de armas, adulteração de arma de fogo e porte internacional de armas. As penas somadas podem passar de 30 anos. 

Layanna Vasconcelos
O Globo

Romeu é o policial morto na troca de tiros com bandidos que tentavam assaltar a Loja Zenir em Limoeiro

Foto: Reprodução Whatsapp
O fato aconteceu na madrugada de sexta feira 04 de novembro, quando uma viatura da Polícia Militar abordou um veículo de cor escura, de placas de São Caetano do Sul, no estado de São Paulo, no momento da abordagem encontrava-se em atitude suspeita, possivelmente, em uma ação preparatória para arrombamento da loja Zenir, situada no centro comercial de Limoeiro do Norte.

Durante a abordagem, aconteceu uma intensa troca de tiros entre policiais e bandidos, culminando, de imediato, com a morte do Cabo Romeu. Durante a fuga, parte do grupo seguiu em direção ao bairro Antônio Holanda, onde momentos depois, o corpo de um dos elementos foi encontrado já sem vida, enquanto outra parte, em número de dois, adentraram uma residência localizada ao lado do BNB, e fizeram algumas pessoas de reféns.

Em tentativa de negociação, aconteceu uma nova troca de tiros, onde mais dois bandidos vieram a tombar sem vida.

A movimentação policial é intensa no centro da cidade de Limoeiro do Norte, onde várias viaturas policiais continuam em estado de alerta com o intuito de garantir a ordem e a segurança da cidade. Informações dão contas de que existe a possibilidade de outros bandidos estarem foragidos.
Bandidos mortos durantes trocas de tiros com a Polícia
TV Jaguar

Policial Militar morre em troca de tiros, com bandidos, no centro de Limoeiro do Norte

Foto: Tom Gurgel
Um policial e três assaltantes foram mortos em troca de tiros na madrugada desta sexta-feira (4), no Centro de Limoeiro do Norte, cidade a 199 km de Fortaleza, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Informações preliminares repassadas pela escrivã Lucinilda de Moura, da Delegacia Regional de Limoeiro, davam conta de seis assaltantes mortos. Contudo, a SSPDS confirmou a morte de três. Um deles, ainda sem identidade revelada, está foragido.

A PM recebeu uma denúncia de que um grupo estava tentando assaltar uma loja de eletrodomésticos no Centro da cidade. Chegando ao local, a Polícia foi recebida a tiros.

Naquele momento, um policial militar, Cabo PM Fabio Romeu Morais e Lima, lotado na 4ªCIA/1ºBPM, foi atingido com um tiro na cabeça. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital de Russas, cidade vizinha, mas não resistiu.

Os bandidos fugiram em uma Honda CRV. Na perseguição, o tiroteio continuou e três assaltantes foram mortos, conforme informações da Delegacia Regional de Limoeiro.

Buscas continuam

Policias de outros batalhões foram chamados para reforçar as buscas em um matagal próximo ao Triângulo e Limoeiro do Norte.