-->

25 de setembro de 2016

Grupo é detido ao tentar fraudar concurso da Polícia Militar

Quatro pessoas foram detidas por tentarem fraudar a prova do concurso da Polícia Militar do Estado do Ceará, neste domingo (25), segundo informações da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). As prisões foram feitas pela Polícia Civil, a pedido do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). 

"Os envolvidos, que estavam portando pontos eletrônicos e objetos proibidos pelo edital do certame", diz a nota, enviada pela secretaria via assessoria de imprensa. 

O grupo de pessoas foi conduzido para a Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF), mas, por conta da greve, foram remanejados para o 2º Distrito Policial (DP).

O Concurso da Polícia Militar ofertou 4.200 vagas e remuneração inicial de R$ 3.134,58.

Diário do Nordeste

Casa de candidato a prefeito é atingida por tiros em Icó

Um motociclista disparou contra a casa do candidato a prefeito de Icó pelo PV, Gliobel Correia, localizada na Rua Dr. Inácio Dias, por volta das 20h do último sábado (26). O atirador conduzia uma moto Honda Today preta, de placa não identificada. 

Já por volta das 22h30m na Rua Expedito Vieira, a casa do fisioterapeuta e militante político Marcos Barreto também foi atingida por disparos por uma dupla em uma moto vermelha.

Foram enviados para Icó policiais do Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio), que irá se somar a outras forças, que, segundo o tenente coronel Tibúrcio, irá se somar a outras forças, como Comando Tático Rural (Cotar), Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), e Comando Tático Motorizado (Cotam). Desde a semana passada a Polícia Federal também está na cidade.

Diário do Nordeste