-->

27 de agosto de 2014

Homem é preso em Marco-CE após tentar envenenar ex- com bombons envenenados


Foi preso na manhã do ultimo domingo (24/8) , um jovem de Bela Cruz/CE, na saída de Marco, na rodovia que liga a cidade a localidade do Araticuns, o citado estava na garupa de um moto-táxi no momento da abordagem, a prisão se deu após denuncias anonimas, o rapaz teria ido até o Triangulo de Marco, atras de uma suposta ex, ele levava consigo bombons recheados com veneno, mas de acordo com própio acusado ele teria “se arrependido” no meio da ação, e deixou a caixa com os doces, na calçada de uma residencia, e próximo a várias crianças, moradores do local que presenciaram o fato, acionaram a policia militar, pois desconfiaram da ação, o jovem no momento da abordagem, portava R$ 50,00 no bolso, e de antemão disse que iria envenenar a ex, que havia terminado o relacionamento, mas num segundo interrogatório, disse que foi pago para entregar os doces, e alegou não saber que os mesmos continham chumbinho. 
FONTE Plantão Policial Do CEARÁ




“HOMEM É ASSASSINADO A GOLPES DE FACA EM SOBRAL.


No início da noite desta terça-feira, 26, por volta das 18h30, a polícia sobralense registrou mais um crime de homicídio na cidade. Desta vez a vítima foi um jovem identificado como Antônio Anderson Silva Lopes, vulgo “Titela”, 20 anos idade, o qual foi morto com vários golpes de faca. O sinistro aconteceu na Rua Cesário Melo, no bairro Terrenos Novos. Policiais militares realizam diligências por toda área no sentido de capturar os autores do crime.
Com informações de Robens Dias
FONTE Plantão Policial Do CEARÁ



Vereadores de Fortaleza consagram trajetória de Donizete Arruda


A Câmara Municipal realiza na próxima sexta-feira, 29, sessão solene para outorga do Título de Cidadão de Fortaleza ao jornalista e empresário Antônio Donizete Arruda Linhares. A solenidade, de autoria do vereador Robert Burns (PTC), reconhece os relevantes serviços prestados e a trajetória do homenageado na cidade de Fortaleza. O evento acontece no Plenário Fausto Arruda, a partir das 19h.

Natural de Sobral, Donizete Arruda veio para a capital cearense ainda jovem, onde conclui osegundo grau no Colégio Cearense em 1980. Cursou Engenharia Civil na Universidade de Fortaleza (UNIFOR) e Administração de Empresas na Universidade Estadual do Ceará (UECE), mas não chegou a concluir os cursos. Em 1983, ingressou no curso de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo na Universidade Federal do Ceará (UFC), concluindo em 1990. Fez Pós-Graduação em Ciência Política e Econômica na UECE e MBA em Administração e Marketingno Instituto Português de Administração e Marketing (IPAM).

O jornalista Donizete Arruda saiu Brasil afora e conquistou seu espaço na área da comunicação. Atuou como assessor de imprensa, como repórter policial, nacional e internacional, foi editor da Revista Isto É, do Tribuna do Ceará, O Estado e Diário do Nordeste, foi correspondente do jornal O Globo, da Folha de São Paulo. Entre 1993 e 1996 atuou na coordenação de Comunicação da Câmara Municipal de Fortaleza e da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará.

Após atuação nos mais diversos meios jornalísticos, Donizete Arruda decidiu criar sua própria empresa de comunicação e em 1999 tornou-se sócio-diretor da Draco Marketing Comunicação. Hoje é proprietário do 4º maior grupo de comunicação do Ceará, o Grupo Ceará Sat, que engloba o Portal de notícias na internet, Ceará News7, 19 emissoras de rádio espalhadas por todo estado, e o jornal do Cariri. Além disso, o jornalista tem escritório em Brasília, onde TRABALHA como consultor político há 12 anos.

Fonte: Ceará News 7, com informações da CMFOR




Ceará registra 90% dos casos de sarampo do Brasil

O Ceará vem sofrendo, nos últimos meses, um surto de sarampo, com casos identificados em vários municípios. O Ministério da Saúde registrou, de 1º de janeiro deste ano até ontem (26), 341 casos em todo o País, enquanto somente no Ceará, de 25 de dezembro de 2013 a 22 de agosto de 2014, foram 307 ocorrências. Isso revela que 90% dos casos estão concentrados no nosso Estado.

O Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), do dia 8 de agosto, mostrou 252 casos confirmados. No documento seguinte, de 22 de agosto, o mesmo órgão revelou 55 casos a mais do vírus no Estado. Das 184 cidades, 52 foram notificadas com a suspeita do vírus, e em 20 delas já foi confirmada a doença.

Foram 123 casos em Fortaleza, um em Aracati, um em Camocim, três em Caucaia, um em Itaitinga, um em Itapipoca, um em Jaguaribe, dois em Maracanaú, um em Maranguape, 65 em Massapê, um em Mucambo, quatro em Santana do Acaraú, 30 em Sobral, três em Trairi, três em Tururu, 61 em Uruburetama e um em Uruoca.

De acordo com o coordenador de Promoção e Proteção à Saúde da Sesa, Márcio Garcia, a concentração de casos, tendo em vista o número de suspeitas, está concentrada nas cidades de Sobral e adjacências.

"Tivemos um quantitativo importante em Sobral, Uruburetama, Itapipoca e municípios vizinhos. E, apesar de estarmos vivendo um momento de surto de sarampo, não foi registrado nenhum caso de morte, já que todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas".

De acordo com as recomendações da Sesa, em todo caso suspeito de doença exantemática, deve-se realizar coleta sanguínea para realização de sorologia e investigação a partir do início do aparecimento de bolhas avermelhadas até 28 dias após o aparecimento deste sintoma.

Em caso de sorologia positiva para sarampo, uma nova coleta deve ser realizada em 20 a 25 dias após a primeira. Também deve ser feita a coleta de urina e/ou swab de nasofaringe/orofaringe para identificação viral. Todos os casos de doenças exantemáticas devem ser registradas no sistema de informação (SINAN) por critério laboratorial.

Deve-se proceder, em caso suspeito, a realização de bloqueio vacinal, com a vacina trípliceviral (contra sarampo, caxumba e rubéola), vacinação dos contatos suscetíveis e atualização da situação vacinal da população.

Outra ferramenta de prevenção das doenças exantemáticas é a educação em saúde na comunidade, abordando de forma clara e simples como prevenir e controlar as doenças, e o dever de cada cidadão de informar, ao serviço de saúde mais próximo de sua casa, casos suspeitos de sarampo, rubéola ou SRC.

Casos

O sarampo é uma doença viral que, segundo Garcia, já havia sido combatida em todo o Brasil. Porém, desde a primeira semana deste ano, a situação mudou. "Em 2013 aconteceu um surto em Pernambuco, quando a doença veio importada para cá, por não conseguirem conter. Logo em seguida, já apareciam casos no Ceará e em Fortaleza".

Tratando-se de uma doença altamente transmissível, os mais vulneráveis ao vírus são ascrianças com idade entre seis meses e cinco anos.

Mais informações

Secretaria da Saúde do Estado
0800.0 275.1520
(85) 3101 5227

Secretaria Municipal de Saúde
(85) 3452.6940
(85) 3105.1315

Fonte: Diário do Nordeste




Fortaleza-CE: Preso confessa ter ateado fogo em comerciante


A Polícia Civil elucidou o caso do assassinato do comerciante Antônio Nonato da Silva, 51, morto em 12 de fevereiro deste ano após ter o corpo carbonizado. Um terceiro envolvido no crime foi preso e confessou ter sido o mentor da agressão.

diretor da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegado Ricardo Romagnoli, afirmou que Rafael Sanzio Pinheiro da Silva Baltazar, 21, que já responde a três homicídios e não nega a participação na morte do comerciante, foi delatado pelos comparsas.

"Logo após o crime, a Polícia Militar conseguiu capturar dois dos envolvidos. Eles disseram que o Rafael teria comprado a gasolina e tido a ideia de atear fogo à vítima. Agora, recebemos a informação de que o suspeito estaria no Fórum Clóvis Beviláqua. Fomos até lá e conseguimos prendê-lo", detalhou o delegado Romagnoli.

Além dos homicídios, Rafael responde também por roubo, formação de quadrilha e crime de incêndio. "Ele alega que teria ido ao Fórum se apresentar, ao ter descoberto que havia mandado de prisão em aberto. Este foi um trabalho integrado entre a Polícia Civil e a Área Integrada de Segurança 1 (AIS 1), com apoio da Polícia Militar e da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS)".

Antônio Nonato teve o corpo carbonizado na noite de 10 de fevereiro, ficando hospitalizado. Ele morreu quatro dias depois. Na ocasião, Lucas Gerardo Nascimento de Araújo, 18; e Antônio Cristiano Sousa da Silva, 21, foram presos em flagrante e confessaram o crime.

Segundo testemunhas, o homem teria ligado para a Polícia e informado a presença de um adolescente armado nas proximidades do ponto comercial que mantinha. Em represália, o trio resolveu matar o comerciante. "Foi um crime cruel, mas felizmente está solucionado. Agora, os três vão responder pelo crime", disse o diretor da DHPP.

Briga de gangues

Também foi apresentada pela DHPP a prisão de Gerson Rodrigues da Silva, 22, acusado de envolvimento na morte de um desafeto em outubro de 2013.

"O Gerson foi preso dentro de casa, no Beco do Boi, bairro Jangurussu. Nossas equipes receberam informações durante investigação e chegamos até o endereço dele", disse o delegado.

Segundo Romagnoli, a prisão de Gerson demorou pelo fato de o homem mudar constantemente de endereço. O crime, de acordo com os investigadores, foi motivado por briga de gangues.

Fonte: Diário do Nordeste



DINHEIRO de roubo do Banco Central compra votos no Ceará


O deputado estadual Lula Morais (PCdoB), ontem, no plenário da Assembleia, denunciou que candidato a deputado federal, nestas eleições, está lavando "dinheiro do BancoCentral", na compra de votos, em Fortaleza e no Interior. O parlamentar fazia referência aos milhões de reais roubados do Banco Central, no Ceará, em agosto de 2005.

Lula Morais acrescentou que está à disposição do Ministério Público (MP) para dar mais detalhes do derrame deDINHEIRO do referido postulante. O deputado disse que indicaria o nome se fosse ouvido pelas autoridades cearenses. A manifestação do parlamentar foi em aparte ao discurso do deputado Fernando Hugo, que criticava a compra e venda de votos no Ceará.

Fernando Hugo afirmou que uma candidata à Assembleia Legislativa do Município de São Benedito, na Serra Grande, correligionária do deputado Lula Morais, está comprando "tudo quanto é voto na Ibiapaba" e "desce de ladeira abaixo comprando tudo que é de voto que encontra pela frente". O deputado não nominou a candidata, mais deixou a entender que ela foi prefeita daquela cidade.

O deputado Ely Aguiar afirmou que os presidentes de partidos também vendem as legendas e discorreu sobre situações que aconteceram em nível nacional e estadual. Sobre as falas de Lula Morais, de que estaria havendo "lavagem de dinheiro" nas eleições do Ceará, Aguiar salientou que DINHEIRO que foi roubado no assalto ao Banco Central, em 2005, estaria sendo usado para financiar campanha de deputado federal no Estado.

Mudanças

O deputado Fernando Hugo disse que estava envergonhado da política eleitoral atualmente noBrasil e no Ceará e ressaltou que chegou até a pensar em ser corrupto ou ter roubado, visto a falta de consciência eleitoral no Estado. "Não vou aqui culpar a ausência de fiscalização da Justiça Eleitoral. Mas o voto no Brasil e no Ceará se transformou em uma ´esculhambaria´. Nunca antes se viu uma mercantilização tão baixa como agora", disse.

O parlamentar ressaltou que, há alguns dias, Lula Morais já havia lembrado sobre a compra de votos nas eleições deste ano no Ceará e defendeu mudanças no comportamento da população para com a importância do voto. "Eu chego a pensar que o bom é roubar, porque o povo quer. Na hora da escolha eleitoral, ajuda aquele que compra. Ele continua ainda como no tempo dos coronéis, querendo chapa, chave da casa. É uma vergonha e inaceitável", criticou.

Votações

Todas as matérias do Governo que estavam na pauta de votação, desde a semana passada na Assembleia Legislativa do Ceará, foram aprovadas na sessão de ontem. A primeira delas trata da vinculação de recursos do Fundo de Participação do Estado (FPE) para fins de garantida de adimplemento das obrigações do Estado com a Parceria Público-Privada (PPP) firmada com empresas do Ceará. Outra desafeta fração de terreno de 36 mil metros quadrados para alienação através de dação em pagamento à Sociedade de Propósito Específico Ponte Estaiada (OAS) Marquise Infraestrutura S.A.

Outra matéria aprovada foi a que altera a nomenclatura da Secretaria Especial da Copa(Secopa) para Secretaria Especial de Grandes Eventos Esportivos. Ainda na sessão de ontem, foi aprovada a cessão de imóvel para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), além de projeto de Lei Complementar de Lula Morais que adiciona Paracuru, Paraipaba, Trairi e São Luis do Curu na Região Metropolitana de Fortaleza. Em sessão extraordinária, os deputados aprovaram mudança na Constituição do Ceará para tornar a Administração Fazendária mais autônoma e eficiente.

Fonte: Diário do Nordeste





Polícia captura assaltante e recupera motocicletas roubadas em Senador Pompeu


Equipes da Polícia Militar e Civil de Senador Pompeu capturaram nesta segunda-feira, 25, mais um integrante de um bando de assaltantes que vinha roubando motocicletas nesta região do Sertão Central. De acordo com o Centro de Operações Policiais Militares (Copom) do 9º Batalhão Policial Militar, um dos assaltantes, Antonio Michel de Lima, 20 anos, havia sido capturado no dia 22. Ontem foi a vez da polícia capturar o seu comparsa, Adílio Barbosa de Souza, 19 anos.


De acordo com policiais que participaram da operação o criminoso chegou a trocar tiros e houve perseguição num matagal, na localidade de Pedra Fina, na zona rural de Milhã. Na ação uma das motocicletas roubadas, uma Honda CG 150Titan ES, ano 2008,vermelha, placa HYT7124, foi localizada em poder de Venefrido Batista da Silva, 55 anos. A outra, uma Honda CG 125 FAN, ano 2008, preta, placa NUY 2693, foi recuperada dentro de uma retífica, no Centro de Milhã. 
 
FONTE Plantão Policial Do CEARÁ





Juazeiro do Norte-CE: Enciumada, jovem se arma com quatro facas e mantém o marido e um bebê reféns


Uma jovem que ingeria bebidas alcoólicas com o marido trancou o mesmo dentro de casa e o ameaçava com quatro facas a exemplo de um bebê docasal de apenas 7 meses de idade na tarde desta segunda-feira. Em meio a busca de entendimentos com Roselina Martins Alves Soares, de 23 anos, policiais militares invadiram a residência dela na Rua Joaquim da Rocha, 150 (Bairro Romeirão) em Juazeiro do Norte, tomaram as armas e libertaram os reféns.

Na delegacia, o esposo da acusada falou sobre a desconfiança da mesma de que estaria reatando um relacionamento com sua ex-namorada. Como acrescentou, o tema vem desgastando o convívio entre ambos até que, um dia, chegou a comentar quanto a inviabilidade de continuarem juntos. O manifesto do desejo de separação agravou a situação. Na manhã de ontem, Roselina disse que estava com vontade de beber e pediu ao companheiro para comprar cervejas e os dois passaram a ingerir a bebida juntos.
Tudo estava muito bem, mas o clima voltou a ficar tenso quando ele tornou a falar em separação. A jovem se descontrolou e armou-se com as facas, trancou as portas do imóvel com chaves impedindo que ele saísse passando a ameaçá-lo de morte juntamente com a filha do casal. A mulher dizia que se este não ficasse com a mesma não iria ficar com mais ninguém e passou a quebrar objetos dentro de casa quando a polícia foi acionada e o Subtenente Marques deu início às negociações. O Cabo César ainda saiu ferido na mão ao segurar uma das facas.
Por coincidência, nessa mesma casa, porém em junho de 2009, um casal mantinha os quatro filhos trancados e em condições inóspitas dentro do imóvel numa espécie de cárcere privado. Luciana e Francisco Pereira apresentavam sinais de distúrbios mentais e a polícia esteve no local com o pessoal do CREAS (Centro de Referência Especializado da Assistência Social). Os filhos eram dois meninos de 12 e 13 anos e duas garotas de 10 e 11 anos, os quais, há vários dias, não saíam à rua causando a desconfiança de vizinhos e a denúncia, pois o casal mantinha as portas trancadas.
fonte Miséria


INTENÇÃO DE VOTOS: Pesquisa Ibope aponta Dilma com 34%, Marina, 29%, e Aécio, 19%


Dilma tem 34%, Marina, 29%, e Aécio, 19%
ARQUIVO
A candidata do PSB à Presidência da República, Marina Silva, chegou aos 29% na pesquisa de intenção de votos divulgada pelo Ibope nesta terça-feira (26). Já a presidenteDilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, ainda lidera o levantamento, com 34%. Aécio Neves (PSDB) aparece em terceiro, com 19%, seguido de Pastor Everaldo (PSC) e Luciana Genro (PSOL), com 1% cada. Os outros seis candidatos somados acumulam 1%.
O Ibope simulou o segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva. De acordo com a pesquisa, a ex-senadora teria 45% e a atual presidente, que tenta a reeleição, 36%. No cenário entre Dilma e Aécio, a petista venceria com 41% das intenções de voto, contra 35% do peessedebista.
Brancos e nulos passam de 13% para 7% nesta rodada e 8% do eleitorado prefere não opinar a respeito. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Por conta disso, não há empate técnico no primeiro turno, pois Marina Silva chegaria, no máximo, aos 31% da intenção de votos e Dilma Rousseff chegaria, no mínimo, aos 32%. 
A pesquisa foi encomendada  TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo” e é a primeira com Marina Silva como candidata do PSB. O Ibope ouviu 2.506 eleitore entre os dias 23 e 25 de agosto de 2014. No último levantamento do instituto, Eduardo Campos ainda era candidato. Na época, Dilma tinha 38%; Aécio  Neves (PSDB), 23%; e Eduardo  Campos (PSB), 9%. 
Dilma é lembrada por 27% dos entrevistados na pesquisa espontânea
Na pergunta espontânea para presidente, na qual não é apresentado o disco com o nome dos candidatos, a presidente Dilma é lembrada por 27% do eleitorado. A candidata do PSB é apontada por 18%, enquanto o peessedebista Aécio é mencionado por 12% dos entrevistados. Aqueles com intenção de anular o voto ou votar em branco são, nesta rodada, 12%.
 
Após o início do horário eleitoral e a mudança do cenário, cai significativamente o número de eleitores que não sabem citar espontaneamente o nome de um candidato: de 43% no início de agosto para 28% na atual pesquisa.
 
fonte diário do nordeste  




Funceme tem previsão pouco otimista para 2015


Açude na cidade de Pentecoste apresenta volume reduzido, comprometendo o abastecimento local

Iguatu. A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) acompanha semanalmente a evolução da temperatura das águas superficiais no Oceano Pacífico Equatorial e vem observando, nos últimos 20 dias, uma redução gradual em relação ao verificado em junho passado. Esse é um indicador positivo, pois quanto mais quente, maior a chance de ocorrência do “El Niño”, que pode determinar mais um ano de estiagem no sertão cearense.
Depois de três anos seguidos de seca, a preocupação sobre possível ocorrência do fenômeno meteorológico El Niño é crescente em todo o Estado. Nos meses de maio e junho passados, havia um forte indicador de formação deste fenômeno para o segundo semestre deste ano. “Atualmente o fenômeno ainda não se caracteriza”, afirma o meteorologista da Funceme, Leandro Valente.
“Ainda é cedo para uma avaliação definitiva se o aquecimento das águas do Oceano Pacífico Equatorial vai persistir, pois a temperatura sofre variação ao longo do ano”. A probabilidade atual de ocorrência do “El Niño” no primeiro trimestre de 2015 é de mais de 60%, de acordo com Valente. “Os dados atuais podem mudar, variar”, ressalta.
“Somente em dezembro próximo teremos condições de oferecer uma avaliação mais definitiva para os primeiros três meses de 2015″, diz ele.
O ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, em declaração à imprensa, disse que o fenômeno “El Niño”, que influencia na quadra chuvosa do Nordeste, encontra-se em situação considerada neutra, com possível moderação. A afirmação coincide com os dados obtidos por monitoramento da Funceme. Para o ministro, 2015 poderá não ser de estiagem como se previa há três meses. Teixeira mostra-se otimista para que ocorra um inverno regular no semiárido cearense.
Essa é a torcida do sertanejo, agricultores, moradores de áreas que enfrentam crise de desabastecimento e das autoridades municipais e estaduais que sofrem diariamente pressão da população ante o quadro de escassez e de dificuldades para se obter água de qualidade para o consumo humano.
“Se ocorrer uma nova seca será o caos”, disse o secretário de Agricultura do município de Pedra Branca, no Sertão Central, Antonio Mineiro Neto. “Poços profundos foram perfurados, não houve vazão, açudes secaram e a água que chega às torneiras das casas acaba daqui um mês, no distrito de Mineirolândia, que tem 10 mil habitantes”. Esse quadro de desabastecimento ocorre na maioria dos municípios cearenses.
O ministro Francisco Teixeira aguarda novos estudos sobre o “El Niño” e seus impactos no Nordeste. O fenômeno se caracteriza quando ocorre a elevação da temperatura das águas superficiais do Oceano Pacífico Equatorial, isto é, no entorno da linha imaginária do Equador. O aquecimento contribui para a ocorrência de estiagem no semiárido nordestino, influenciando fortemente na quadra invernosa (período de chuva que se estende de fevereiro a maio).
Em meados de junho passado a temperatura do Oceano Pacífico na região do Equador variava entre dois, três graus Celsius acima da média para o período. “Nas últimas quatro semanas observamos uma redução da temperatura, anomalias menores”, frisou Valente. Os meteorologistas também torcem para que o fenômeno não se verifique.
São necessários pelo menos cinco trimestres seguidos de temperatura elevada em relação à média para caracterização do fenômeno “El Niño”. Essa variação, entretanto, é mínima, de meio grau Celsius. Não é apenas o fenômeno que exerce influência sobre a quadra invernosa no Estado. A temperatura do Oceano Atlântico também tem contribuição e, mais uma vez, o limite é a linha equatorial.
O Oceano Atlântico Sul deve permanecer mais quente que o Atlântico Norte, no entorno da região Nordeste, para não impedir a aproximação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), que é formação de intensas nuvens de chuvas, principal sistema causador de precipitações sobre o Estado.
O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) ainda não divulgou prognóstico, mesmo que parcial, para o trimestre que inclui dezembro próximo, janeiro e fevereiro de 2015.
O monitoramento da temperatura das águas superficiais dos oceanos é feito semanalmente pela Funceme, e também pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos e Inpe, entre outros centros de meteorologias nacionais, em parceria com instituições meteorológicas dos Estados Unidos e da França a partir de boias instaladas nos mares. É o Projeto Pirata. Os dados são também distribuídos para centros de estudos de outros países conveniados.
Fonte: Diário do Nordeste

PT e PSDB terão Marina como alvo


São Paulo. Apenas duas semanas após o acidente que vitimou o presidenciável Eduardo Campos, a ex-vice que foi alçada à cabeça de chapa, Marina Silva, está mudando totalmente as perspectivas das eleições presidenciais de outubro. O novo quadro pode fazer Marina tornar-se vitrine e ser alvo dos ataques das campanhas dos principais opositores: Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB).

O resultado da última pesquisa Datafolha mostra a ex-ministra do Meio Ambiente com índice de intenção de votos dez pontos percentuais acima do de Aécio (19%) no primeiro turno e, em um eventual segundo turno, com nove pontos percentuais acima de Dilma.
Se as eleições fossem hoje, segundo o Ibope, Marina teria 45% das intenções de voto contra 36% da petista. Brancos e nulos são 9% e indecisos, 11%.
Caso o segundo turno fosse contra Aécio, a presidente teria 41% das intenções de voto contra 35% do tucano. Brancos e nulos são 12% e indecisos, 12%. O Ibope informou não ter feito a sondagem da hipótese de passarem para uma segunda etapa do pleito Marina e Aécio.
A candidata do PSB atraiu principalmente eleitores indecisos ou que planejavam votar em branco e anular o voto. Outro dado positivo para a candidata é que ela tem a menor rejeição entre os três principais candidatos, 10% , contra 36% da presidente que busca a reeleição e 18% de Aécio.
Analistas
A situação mostrada pelo Ibope indica um aumento da probabilidade de Dilma, Pastor Everaldo e, principalmente, Aécio subirem o tom da campanha e iniciarem os ataques contra a ascendente candidata, segundo o cientista político e especialista em pesquisa eleitoral Sidney Kuntz.
Para ele, a tática do ataque é mais urgente para o tucano, que, caso mantenha-se onde está nas pesquisas, ficará fora do segundo turno. "Hoje (ontem)ainda não vai ter bombardeio porque as campanhas vão esperar o resultado do debate e a evolução dos candidatos na próxima pesquisa eleitoral. Mas se ela (Marina) crescer de novo, com certeza os adversários irão minar a Marina de todas as formas", afirmou.
A pesquisa mostra, segundo o especialista, que a candidatura de Marina está se consolidando - a última sondagem do Datafolha já havia mostrado que ela obteve votos dos eleitores que estavam indecisos ou que pretendiam anular ou votar em branco.
"Os números levantam uma preocupação extrema para Aécio e, no segundo turno, para Dilma", disse o analista.
Apesar da propensão para o ataque contra a candidata do PSB ser maior com sua ascensão, Kuntz questiona a tática. "O que a história vem mostrando é que bater não tem dado resultado em campanhas políticas", disse.
Ele justifica a afirmação ao lembrar a campanha de 2006, quando, segundo Kuntz, o candidato do PSDB Geraldo Alckmin caiu nas intenções de voto assim que começou a intensificar os ataques contra o então candidato à reeleição Luiz Inácio Lula da Silva (PT). "Escândalos, manifestações e debates vingam, mas bater por bater não", resumiu.
Onda
Os números reforçam a "onda Marina", disse Ricardo Ribeiro, analista político da MCM Consultores. Ribeiro ponderou que o mercado já esperava dados próximos aos publicados. "Com os números confirmando os rumores, pode ser que o mercado ainda tenha algum fôlego para subir, mas é difícil prever", disse. Ele avaliou que agora os demais presidenciáveis tentarão desconstruir a imagem da candidata do PSB e, por isso, é preciso esperar próximos eventos da campanha.
A pesquisa Ibope foi realizada entre 23 e 25 de agosto, por encomenda da Rede Globo e do jornal O Estado de S. Paulo. Foram feitas 2506 entrevistas em todo o País. A margem de erro máxima é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, em um nível de confiança estimado de 95%. A pesquisa foi registrada na Justiça eleitoral com o número BR-428/2014.
Avaliação
PESQUISA ELEITORAL

PT e PSDB terão Marina como alvo

27.08.2014

Candidata do PSB atraiu principalmente eleitores indecisos ou que planejavam votar em branco ou nulo

Image-0-Artigo-1687651-1
Image-1-Artigo-1687651-1
Petista (e)a disse ainda que a vantagem é "reversível". Já Agripino Maia (d), do DEM, admitiu que crescimento "inquieta" tucanos Fotos: agências câmara e senado
s
Dilma e Marina antes do primeiro debate entre os presidenciáveis nesta campanha eleitoral
FOTO: REUTERS
São Paulo. Apenas duas semanas após o acidente que vitimou o presidenciável Eduardo Campos, a ex-vice que foi alçada à cabeça de chapa, Marina Silva, está mudando totalmente as perspectivas das eleições presidenciais de outubro. O novo quadro pode fazer Marina tornar-se vitrine e ser alvo dos ataques das campanhas dos principais opositores: Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB).
O resultado da última pesquisa Datafolha mostra a ex-ministra do Meio Ambiente com índice de intenção de votos dez pontos percentuais acima do de Aécio (19%) no primeiro turno e, em um eventual segundo turno, com nove pontos percentuais acima de Dilma.
Se as eleições fossem hoje, segundo o Ibope, Marina teria 45% das intenções de voto contra 36% da petista. Brancos e nulos são 9% e indecisos, 11%.
Caso o segundo turno fosse contra Aécio, a presidente teria 41% das intenções de voto contra 35% do tucano. Brancos e nulos são 12% e indecisos, 12%. O Ibope informou não ter feito a sondagem da hipótese de passarem para uma segunda etapa do pleito Marina e Aécio.
A candidata do PSB atraiu principalmente eleitores indecisos ou que planejavam votar em branco e anular o voto. Outro dado positivo para a candidata é que ela tem a menor rejeição entre os três principais candidatos, 10% , contra 36% da presidente que busca a reeleição e 18% de Aécio.
Analistas
A situação mostrada pelo Ibope indica um aumento da probabilidade de Dilma, Pastor Everaldo e, principalmente, Aécio subirem o tom da campanha e iniciarem os ataques contra a ascendente candidata, segundo o cientista político e especialista em pesquisa eleitoral Sidney Kuntz.
Para ele, a tática do ataque é mais urgente para o tucano, que, caso mantenha-se onde está nas pesquisas, ficará fora do segundo turno. "Hoje (ontem)ainda não vai ter bombardeio porque as campanhas vão esperar o resultado do debate e a evolução dos candidatos na próxima pesquisa eleitoral. Mas se ela (Marina) crescer de novo, com certeza os adversários irão minar a Marina de todas as formas", afirmou.
A pesquisa mostra, segundo o especialista, que a candidatura de Marina está se consolidando - a última sondagem do Datafolha já havia mostrado que ela obteve votos dos eleitores que estavam indecisos ou que pretendiam anular ou votar em branco.
"Os números levantam uma preocupação extrema para Aécio e, no segundo turno, para Dilma", disse o analista.
Apesar da propensão para o ataque contra a candidata do PSB ser maior com sua ascensão, Kuntz questiona a tática. "O que a história vem mostrando é que bater não tem dado resultado em campanhas políticas", disse.
Ele justifica a afirmação ao lembrar a campanha de 2006, quando, segundo Kuntz, o candidato do PSDB Geraldo Alckmin caiu nas intenções de voto assim que começou a intensificar os ataques contra o então candidato à reeleição Luiz Inácio Lula da Silva (PT). "Escândalos, manifestações e debates vingam, mas bater por bater não", resumiu.
Onda
Os números reforçam a "onda Marina", disse Ricardo Ribeiro, analista político da MCM Consultores. Ribeiro ponderou que o mercado já esperava dados próximos aos publicados. "Com os números confirmando os rumores, pode ser que o mercado ainda tenha algum fôlego para subir, mas é difícil prever", disse. Ele avaliou que agora os demais presidenciáveis tentarão desconstruir a imagem da candidata do PSB e, por isso, é preciso esperar próximos eventos da campanha.
A pesquisa Ibope foi realizada entre 23 e 25 de agosto, por encomenda da Rede Globo e do jornal O Estado de S. Paulo. Foram feitas 2506 entrevistas em todo o País. A margem de erro máxima é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, em um nível de confiança estimado de 95%. A pesquisa foi registrada na Justiça eleitoral com o número BR-428/2014.
Avaliação
A boa notícia para Dilma na nova pesquisa foi a oscilação para cima na avaliação do governo. A ótima/boa passou para 34%, ante 32% em sondagem anterior, e a ruim/péssima foi a 29%, ante 31%. Ambas as variações estão, entretanto, no limite da margem de erro do Ibope. A nota atribuída ao governo também subiu para 5,6, ante 5 da mostra mais recente. Ainda assim, 48% acreditam que o País está no rumo errado, 43% consideram que o rumo está certo e 10% não sabem ou não responderam.
Para Guimarães, candidatura está em 'onda midiática'
Brasília. O vice-presidente do PT, deputado federal José Guimarães (PT-CE), creditou o bom desempenho de Marina Silva (PSB) na pesquisa Ibope, divulgada no início da noite de ontem a uma "onda midiática" que, segundo ele, impulsionou a candidatura da ex-ministra após a morte de Eduardo Campos em um acidente aéreo.
"Depois de todo o massacre midiático e promocional, estamos bem posicionados", disse Guimarães. "O Brasil não vive dessas ondas", acrescentou.
Guimarães disse ainda que a vantagem de Marina sobre a presidente no segundo turno é "reversível" e que o partido vai trabalhar nos próximos 40 dias para reassumir a liderança. Para o parlamentar, a campanha da petista precisa partir agora para o confronto de ideias com a candidata do PSB.
"O PSB vai ter que explicar as opiniões (da Marina). Por que ela não consegue dialogar com o agronegócio e o setor produtivo?", provocou. "É preciso estabelecer o confronto com as ideias dos candidatos e mostrar as contradições de cada um".
O vice-presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), adotou um tom menos otimista e disse que é preciso aguardar para ver se Marina conseguirá se estabilizar em um patamar elevado. "Não dá para comemorar", comentou o petista, ao referir-se à distância aberta entre Marina e Dilma no segundo turno.
Para o petista, o cenário apresentado tira Aécio do segundo turno porque dificilmente Marina cairá abaixo do patamar alcançado atualmente. "A primeira vítima é a candidatura do Aécio", declarou.
Para ele, Marina precisará explicar como pretende perseguir um meta de inflação de 3% ao ano a partir de 2019.
Campanha tucana
O coordenador-geral da campanha presidencial do PSDB, senador Agripino Maia (DEM-RN), admitiu ontem que a vantagem imposta no segundo lugar da disputa por Marina "inquieta" o ninho tucano.
Campanha tucana
O coordenador-geral da campanha presidencial do PSDB, senador Agripino Maia (DEM-RN), admitiu ontem que a vantagem imposta no segundo lugar da disputa por Marina "inquieta" o ninho tucano.
De pronto, o dirigente afirma, entretanto, que a indicação de vitória de Marina num segundo turno sobre a presidente Dilma também deverá gerar reações entre os aliados da petista.
"Não deixa de inquietar a campanha de Aécio Neves mas vai provocar uma inquietação muito mais profunda nas hostes do PT e no próprio PT. Estão percebendo a derrota de Dilma", ressaltou Agripino Maia.
Para o coordenador, a pesquisa ainda revela um cenário de comoção dos eleitores com a morte de Campos. "Os próximos 15 a 20 dias vão ser de decantação de opiniões", avaliou.
Aliados falam em mudança que eleitores buscavam
Brasília. Aliados da candidata do PSB à Presidência da República, Marina Silva, avaliam que seu crescimento nas pesquisas mostra que a ex-senadora representa a mudança que o eleitorado brasileiro vem buscando.
"Marina se conectou a esse desejo de mudança da população", comentou Maria Alice Setúbal, uma das coordenadoras do programa de governo da candidata do PSB. A coordenadora acredita que, em 2010, quando disputou a Presidência pelo PV, Marina só ganhou ampla divulgação quando conquistou quase 20 milhões de votos e que agora o eleitor não abrirá mão de votar na ex-senadora. "Essa subida da Marina não é espuma, como dizem os que querem desqualificar. Ela já tinha 27% em abril (quando seu nome ainda aparecia nas pesquisas)", disse a herdeira do banco Itaú.
Os marineiros concordam que a morte de Eduardo Campos em um acidente aéreo em 13 de agosto trouxe mais atenção dos brasileiros para a disputa, uma vez que a população ainda estava desconectada do processo. "A população ao despertar para o processo eleitoral, fez com que Marina adquirisse sua relevância", concluiu João Paulo Capobianco, ambientalista que é apoiador de Marina.
Presidenciáveis se enfrentam na TV

São Paulo. A primeira vez que os presidenciáveis se encontraram foi marcada pelo forte embate na televisão. Sete candidatos à Presidência da República participaram, na noite de ontem, do debate na Rede Bandeirantes, em São Paulo. Além da presidente Dilma Rousseff (PT), o confronto contou também com a presença de Marina Silva (PSB), Aécio Neves (PSDB) Pastor Everaldo (PSC), Luciana Genro (PSOL), Eduardo Jorge (PV) e Levy Fidelix (PRTB).
Marina abriu as perguntas e escolheu Dilma Rousseff, perguntando o que deu errado no governo dela, com relação às promessas que fez em campanha. A presidente reagiu, dizendo que tudo deu certo, e falou do pacto pela educação, citando a lei que destina os royalties do petróleo para o setor. “Além disso, fizemos o Mais Médicos”, disse, falando que a cobertura do programa atinge 50 milhões de pessoas em todo o Brasil. “Tivemos o compromisso da estabilidade econômica, a inflação está sendo sistematicamente reduzida”, afirmou, defendendo-se das críticas dos adversários.

Ainda na resposta a Marina, falou do pacto pela reforma política e as ações na área de transportes. Na réplica, a ex-ministra disse que, para resolver os problemas, é preciso reconhecer que eles existem. “Este Brasil que Dilma acaba de mostrar, colorido, quase cinematográfico, não existe na vida das pessoas”, frisou, criticando a penúria na saúde e na educação. Na tréplica, a presidente insistiu no plebiscito para a reforma política.
Dilma, por sua vez, questionou Aécio sobre o governo Fernando Henrique Cardoso e sobre as medidas que o tucano tomaria, conforme vem dizendo. Aécio disse que quem olha pra trás não quer governar para o futuro, destacando que é preciso fazer o Brasil crescer, algo que não ocorre na gestão petista. “Teremos o pior crescimento dentre os nossos vizinhos e o governo que a senhora comanda, infelizmente, deixou de ter credibilidade”, rebateu o tucano.
fonte Diário do Nordeste.