-->

1 de dezembro de 2015

Cidades e Transportes são as pastas mais atingidas pelo corte de R$ 11,2 bi


O governo federal bloqueou R$ 11,2 bilhões de despesas discricionárias do Orçamento da União. Desse valor, R$ 500 milhões são de emendas impositivas e R$ 10,7 bilhões das demais programações, informou hoje (30), em nota, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

O Ministério das Cidades teve o maior corte com R$ 1,651 bilhão, seguido dos Transportes, com R$ 1,446 bilhão, e Integração Nacional, com R$ 1,099 bilhão, conforme tabela divulgada pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (tabela 1). Outra tabela do ministério indica as despesas que não podem sofrer cortes (tabela 2).

“O contingenciamento adicional foi tomado em função do cenário econômico adverso, que resultou em grande frustração de receitas, e da interpretação do Tribunal de Contas da União sobre a conduta a ser adotada enquanto o Congresso Nacional avalia a solicitação de revisão da meta encaminhada pelo Poder Executivo”, acrescentou o ministério.

No documento, o ministério garantiu que ficam preservadas todas as despesas obrigatórias, tais como salários de servidores, benefícios previdenciários e sociais, pagamento do Bolsa Família, despesas com o mínimo da saúde e da educação, seguro desemprego e abono salarial.

O valor de R$ 10,7 bilhões corresponde ao total ainda disponível no Orçamento de 2015, em 10 de novembro, para despesas discricionárias que podem ser contingenciadas, destacou o ministério. “Esse tipo de despesa inclui, por exemplo, gastos destinados ao investimento, à manutenção do funcionamento dos órgãos do governo federal, pagamento de aluguel, água, luz, transporte, passagens e diárias.”

Com esse corte adicional, o contingenciamento total do Poder Executivo em 2015 poderá atingir R$ 89,6 bilhões. De acordo com o ministério, “o cenário fiscal atual e as possíveis consequências do prolongamento do contingenciamento ora adotado para prestação de serviços públicos fundamentais elevam ainda mais a importância da conclusão do processo de votação do projeto que altera a meta fiscal de 2015."

Segundo o ministério, apesar de medidas de controle de gastos, a redução do nível de atividade econômica gerou uma queda substancial das receitas da União, o que inviabilizou o cumprimento da meta fiscal estabelecida inicialmente para 2015.” Em números, a previsão de receita primária líquida da União caiu de R$ 1.158,3 bi, em maio, para R$ 1.056,7 bilhões, em novembro, ou seja, uma redução de R$ 101,6 bilhões.”

No início do ano, o governo tinha estipulado meta de superávit primário – economia para pagar os juros da dívida pública – de R$ 55 bilhões. No entanto, as dificuldades para cortar gastos e aumentar as receitas fizeram a equipe econômica revisar a meta fiscal de 2015 para déficit primário de R$ 51,8 bilhões. Por causa do reconhecimento dos atrasos nos repasses a bancos públicos, o valor do déficit subirá para R$ 119,9 bilhões.

Para minimizar o impacto do contingenciamento adicional sobre a sociedade, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão convocou para hoje (30) à tarde reunião com os secretários-executivos de todos os ministérios. “Essa reunião tem por objetivo orientar os órgãos sobre as medidas operacionais e estabelecer o monitoramento das principais consequências do corte adicional de despesas sobre a prestação de serviços públicos”.



Ministério do Planejamento

TCM anuncia novas regras para prestação de contas de Prefeituras e Câmaras Municipais


O Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM) tem novas regras para prestação de contas das Prefeituras e Câmaras pelo Sistema de Informações Municipais (SIM). As mudanças, que acabam de ser aprovadas em decisão do Pleno da Corte, passam a valer a partir de janeiro de 2016 e permitirão maior controle e acompanhamento mensal da contabilidade patrimonial e financeira da gestão desses entes, incluindo consórcios públicos.

O SIM é hoje o maior banco de dados públicos municipais do Brasil, contando com 540 milhões de registros de toda a execução orçamentária, financeira e patrimonial das 184 administrações locais do Estado do Ceará.

O presidente do TCM, conselheiro Francisco Aguiar, explica que "são exigências que vão resultar no aumento da transparência, no maior detalhamento das informações", e que "estão alinhadas à nova contabilidade pública".

As alterações são apresentadas em um manual que será disponibilizado publicamente nos próximos dias. O guia foi construído de forma conjunta entre o corpo técnico do TCM e representantes do Conselho Regional de Contabilidade do Ceará (CRC-CE), integrantes da comissão de normas técnicas da área pública. Nos meses de abril, junho, julho e setembro deste ano foram realizadas reuniões nas quais a equipe do conselho de classe teve oportunidade de dar sugestões e indicações de melhorias para o sistema, mantendo um diálogo institucional e colaborativo.

O QUE MUDA:

- Recepção de dados contábeis dos consórcios públicos, que tenham prefeitos municipais como representante legal; 

- Utilização do plano de contas baseado nas novas normas contábeis aplicadas ao setor público;

- Recebimento de informações das despesas pagas por fonte de recursos.

MAIS SOBRE O SIM

O Sistema de Informações Municipais (SIM) é um programa do TCM-CE que recebe e armazena as prestações de contas das administrações municipais, as quais são enviadas mensalmente pela internet. A utilização do sistema permite a recepção e análise informatizada dos dados relativos às contas municipais, como também a transparência da gestão.O Manual do SIM 2016 é a décima sétima versão lançada desde a implementação do projeto.

Ceará News

Prisão por furto à estabelecimento comercial em Russas


Nesta Segunda, 30, por volta das 15h20min, ocorreu um furto no Mercadinho Santo Antonio, situado na Av. Irmã Maria da Graça, Centro de Russas. após verificar as imagens do circuito interno de segurança do referido estabelecimento, os policiais militares reconheceram o indivíduo que praticou o furto e saíram em diligencias e na Vila São José efetuaram a prisão do indivíduo FAGNER DE SOUSA SILVA, 25 anos, natural de Russas, residente na Rua Epifânio Nogueira, bairro Várzea Alegre em Russas, o qual ainda estava de posse do par de sandálias furtado no referido mercadinho. O mesmo foi autuado em flagrante delito com base no Art. 55 do CPB. (Furto). 

Com Informações do 1ºBPM

Suicídio por enforcamento em Aracati


Nesta Segunda, 30, por volta das 05h10min, no Campo São Francisco nº1784, bairro de Fátima Aracati, cometeu suicídio por enforcamento na cozinha de sua residência, GENILSON DOS SANTOS DA COSTA, 28 anos. O mesmo foi encontrado por familiares que tentaram socorre-lo cortando a corda e em seguida chamaram o resgate da Guarda Municipal com a técnica em enfermagem Lisandra e motorista Magno que no local constatou óbito. A PM compareceu resguardando até achegada da perícia e rabecão. 

Com Informações do 1ºBPM

Homicídio por espancamento em Fortim


Nesta Segunda, 30, por volta das 03h10min, na CE 040 vizinho ao Posto Viçosa entrada de Fortim, no Bar da Amanda, em meio à uma confusão foi espancado e veio a óbito, JOSÉ LAÉRCIO MORAIS DA SILVA, 33 anos, natural de Beberibe e residente na Rua Deus é Pai - Parajuru. Segundo uma testemunha, o autor do homicídio foi, WESTERLEY RAIMUNDO RIBEIRO MIRANDA, 22 anos, natural de Russas e residente CE040 Viçosa-Fortim, que foi preso em seguida, mas nega ser o autor do crime. Os PM's conduziram testemunha e acusado a DPC/Aracati e aguardam por procedimento. Foi informado ainda que momentos antes a Polícia havia fechado um som de um veículo no referido bar.

Com Informações do 1ºBPM

Homem que atirou no vice-prefeito de Choró morre após quatro dias internado


Faleceu na noite desta sexta-feira (27) no Instituto Dr. José Frota em Fortaleza, Francisco Roberto Oliveira, 46, que invadiu a Prefeitura Municipal de Choró e atirou contra o vice-prefeito Francisco Sydney Cavalcante. No mesmo dia, o corpo da mulher do atirador, Elisângela Gomes Lemos, foi encontrado dentro de um freezer em um apartamento no bairro Parangaba.

A polícia achou um caderno de anotações de Roberto, em que ele teria deixado um pedido de desculpa aos familiares. O casal tinha dois filhos pequenos, e o pai teria os levado dias antes para sua cidade natal, Jaguaretama, o que caracterizaria crime premeditado.

Ceará News 7

Técnico Lisca renova contrato com o Ceará e segue no clube em 2016


O técnico Lisca seguirá no Ceará em 2016. Nesta segunda-feira, 30, o presidente do clube, Robinson de Castro, em entrevista ao programa Trem Bala, da Rádio O POVO / CBN, confirmou a renovação contratual do técnico. 

"Renovamos. Lisca continua com a gente e já está trabalhando no planejamento do próximo ano. Reafirmamos o nosso compromisso, temos vários objetivos no próximo ano, e ele vai estar com a gente sim. Agora é hora de trabalho. Vamos começar o planejamento". 

Lisca chegou ao Ceará na reta final da Série B e conquistou seis vitórias (cinco consecutivas), um empate e duas derrotas e ganhou moral por conseguir a permanência do clube na Segundona. Após elogiar o técnico, Robinson de Castro também comentou sobre o provável 'novo' elenco alvinegro em 2016.

"Temos contratos com alguns jogadores. Éverson, Ricardinho, João Marcos, Assisinho, Alex Amado. Os que têm contrato vão continuar e do grupo que não tem contrato um ou dois no máximo devem continuar e o resto vamos trazer dentro do perfil de jogadores mais dinâmicos, velozes, que aguentam uma Série B, com juventude, com força, um time menos técnico até, mas mais dinâmico".

RT News

Deputado e ex-jogador Jardel é afastado da Assembleia do RS por corrupção


O Ministério Público do Rio Grande do Sul obteve na Justiça uma ordem de suspensão do exercício da função pública contra o deputado estadual Mário Jardel (PSD), válida por 180 dias. Uma investigação do MP encontrou uma série de irregularidades no mandato do ex-jogador de futebol do Grêmio e da seleção brasileira. Há indícios de crimes como concussão, peculato, falsidade documental, lavagem de dinheiro e organização criminosa. A operação foi batizada de Gol Contra.

Na manhã desta segunda-feira, 30, Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) cumpre mandados de busca e apreensão no gabinete de Jardel na Assembleia Legislativa, assim como nas residências dele, da mãe e do irmão. Também são alvo da operação as casas do chefe de gabinete do deputado, Roger Antônio Foresta, e das assessoras fantasmas Ana Bela Menezes Nunes e Flávia Nascimento Feitosa.

As investigações do MP, coordenadas pelo Promotor de Justiça Flávio Duarte, concluíram que existe uma estrutura criminosa instalada na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, tendo Jardel como maior beneficiário. O advogado Christian Vontobel Miller, que é assessor do parlamentar, seria um dos mentores do esquema.

A lista de irregularidades é grande. A investigação do MP indicou que o deputado exigia uma parte dos salários de todos os assessores nomeados em seu gabinete, para aumentar a sua própria renda. A quantia retida de cada um era de, no mínimo, R$ 3 mil.

De acordo com o MP, em novembro o aluguel da casa da mãe e do irmão de Jardel atrasou cinco dias e o deputado ordenou que um dos assessores fizesse o pagamento imediato. Ele pagou com cheque pré-datado e cobrou diárias fictícias para o ressarcimento do dinheiro. No pedido de suspensão do exercício da função pública entregue ao Tribunal de Justiça, o procurador-geral de Justiça, Marcelo Dornelles, ressalta que as investigações demonstram o “exagerado apego” do deputado estadual Mário Jardel “a toda e qualquer possibilidade de lucrar às custas dos servidores comissionados e, de modo indireto, do erário”.

Também há indícios de fraude de diárias de viagem e valores de indenização veicular. O MP citou, por exemplo, um deslocamento feito para o município gaúcho de Santo Augusto, entre 30 de outubro e 2 de novembro. Os documentos apresentados para o Parlamento apontam que Jardel, acompanhado de um assessor, visitou a Apae da cidade e participou de cultos na Igreja Assembleia de Deus, além de encontros com a comunidade local para o recebimento de demandas. Para a viagem, foi destinado R$ 1.766,67 para Jardel e R$ 961,67 para o assessor. Só que, na verdade, Jardel retornou para Porto Alegre um dia antes.

Outro registro aponta que entre 14 e 17 de agosto, um assessor de Jardel – que é médico formado no Uruguai – viajou para Cuiabá supostamente para tratar do projeto para um banco de sangue virtual. No entanto, ele foi ao local para uma prova do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida), do Ministério da Educação, que valida diplomas obtidos no exterior. Além de R$ 1.433,67 de diárias fora do Estado, foram pagas as passagens aéreas.

Situação semelhante ocorreu em relação a uma viagem feita à Fortaleza, terra natal de Jardel. Entre 17 e 19 de junho, o advogado e assessor Christian Vontobel Miller foi até a capital cearense para tratar de um processo ao qual o deputado responde pelo não pagamento de pensão alimentícia a uma filha. Só que a justificativa para o pagamento de diárias, no valor de R$ 1.024 05, foi de que iria tratar de projetos na área do esporte.

Histórico

Em abril, Jardel já havia causado polêmica ao exonerar seu gabinete na Assembleia Legislativa e se afastar temporariamente de suas funções, sob justificativa de uma depressão. Na época, o ex-jogador, que é o único deputado estadual do PSD, disse que estava incomodado com a atitude dos servidores ligados ao seu gabinete, que segundo ele tinham o hábito de tomar decisões sem consultá-lo.

Jardel foi eleito no ano passado com 41.227 votos.

O presidente da Assembleia Legislativa do RS, Edson Brum (PMDB), disse no final da manhã desta segunda que a Casa está apoiando a ação do MP. De acordo com Brum, a maior parte das pessoas trabalha com honestidade e responsabilidade e, se alguém prática desvios, tem que pagar a conta.

Fonte: Estadão Conteúdo

Fraudes do DPVAT envolvem servidores, médicos e políticos


Advogados, médicos, escrivães e até funcionários do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estariam envolvidos no esquema de fraudes do Seguro DPVAT no Ceará. Isso é o que indicam investigações feitas pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do DPVAT da Assembleia Legislativa.

O rombo nos cofres públicos de todo o País, estimado em R$ 1 bilhão, pode ter contado com a participação de funcionários públicos e agentes políticos no Estado.

O relator da CPI, o deputado Fernando Hugo (SD), afirmou que já tem em mãos um conjunto de nomes de profissionais que supostamente estão envolvidos nos crimes. Ele dará entrada em requerimentos para convocar as pessoas citadas nas investigações. "Só agora, com esses requerimentos, é que teremos dentro da CPI substratos para que essas instituições forneçam detalhes de envolvimentos, inclusive de pessoas ligadas à vida pública do Estado do Ceará", disse.

Hugo quer informações sobre ações do DPVAT de órgãos como Tribunal de Justiça, Ordem dos Advogados do Brasil, Conselho Regional de Medicina, Conselho Regional de Fisioterapia e até da Seguradora Líder, já ouvida em um primeiro momento. Ao menos quatro reuniões já foram feitas pelo colegiado. No fim da tarde de hoje, outro encontro será realizado para ouvir o titular da Delegacia e Acidentes de Veículos e Delitos de Transito (DADT), o delegado César Wagner.

Na primeira reunião do grupo, o delegado titular da Delegacia de Itapipoca, Marcos Aurélio, entregou a membros do colegiado documento com mais de 19 mil páginas que constata fraudes em atestados falsos de profissionais da saúde e da Polícia, em que pessoas infiltradas facilitavam esquema fraudulento.

Funcionários do Hospital Camiliano de Itapipoca serviam como captadores de pessoas para figurar as fraudes, explicou o presidente da comissão, José Sarto (PROS). 

Seguradora
Segundo ele, todo o procedimento para aquisição do seguro gira em torno da Seguradora Líder, que desde 2007 atua na concessão dos seguros, que envolvem outras 77 seguradoras em todo o Brasil na análise de milhares de processos. Segundo consta no inquérito feito por César Wagner, uma mulher teria informado que um familiar morreu em decorrência de um acidente automobilístico e depois foi comprovado que a morte teria sido ocasionada, na verdade, por uma queda de rede.

Além de Wagner, deverão ser convocados o delegado Rommel Kerth, titular da Delegacia Especializada, e o delegado Jaime de Paula Pessoa, titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações. A CPI do DPVAT, instalada em setembro, ouviu o titular de Itapipoca, Marcos Aurélio França, e o diretor jurídico da Seguradora Líder dos Consórcios do Seguro DPVAT, Marcelo Davoli.

Os deputados estão acompanhando casos de fraudes ocorridos em outros estados, como o de Montes Claros, em Minas Gerais, onde há indícios de que pessoas da seguradora Líder facilitaram a realização dos procedimentos. "Pedimos cópia do relatório dado na sequência pela Polícia Federal e, provavelmente, na semana que vem ouviremos as pessoas relacionadas nesse inquérito, em Minas Gerais", disse o presidente do grupo.

Ele informou, porém, que está tentando conseguir os números relacionados ao Ceará. A estimativa é que o valor da fraude chegue a R$ 1 bilhão em todo o Brasil. Cerca de 40% do arrecadado pelo Seguro DPVAT é repassado ao Fundo Nacional de Saúde e 5% para o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para estabelecer políticas de educação no trânsito.

O presidente José Sarto destacou que o trabalho da comissão será realizando também no próximo ano. Há indícios de que funcionários do Sistema de Atendimento Móvel de Urgência estariam envolvidos no esquema. "É um mundo de coisa que a gente está tentando desenhar. Mas são muitas informações". Membros do grupo afirmaram que o trabalho tem sido difícil, pois os crimes envolvem fortunas desviadas e pessoas com influência. 

Outra CPI com o mesmo tema já foi realizada na Assembleia. À época alguns membros foram ameaçados de morte. Assim, o presidente do colegiado prega cautela. Vice-presidente do grupo, o deputado Roberto Mesquita (PV) afirmou que o trabalho da CPI está sendo iniciado agora e já se averiguou que há um "universo de muito dinheiro e muito escuro. É um número que ultrapassa os R$ 8 bilhões".

Segundo ele, há casos de empresas que estão sendo recrutadas pelos advogados da própria Seguradora Líder, como ocorreu em Montes Claros, em Minas Gerais. "Há possibilidade de comprometimento da Líder até de pequenos agentes públicos que fazem Boletim de Ocorrência falsificado e advogados que se aproveitam de algumas situações".

Diário do Nordeste

Vibra, Neymar! Brasileiro divide pódio da Bola de Ouro com Messi e Cristiano


Pode comemorar, Neymar. Depois de oito anos de espera, o Brasil volta a ter um jogador entre os três melhores do mundo. A Fifa anunciou, em cerimônia transmitida na internet, os três finalistas do prêmio Bola de Ouro, e o atacante do Barcelona aparece ao lado do recordista Lionel Messi, com quatro conquistas, e de Cristiano Ronaldo, eleito nos últimos dois anos. 

O vencedor será conhecido em evento de gala no dia 11 de janeiro, na sede da entidade máxima do futebol em Zurique, na Suíça. Para garantir um lugar no pódio, o brasileiro, que encerrou um jejum que vinha desde Kaká, em 2007, marcou 44 gols e deu 13 assistências em 60 jogos no período válido para votação - de 22 de novembro de 2014 até 20 de novembro de 2015.

Neymar é o sétimo representante do Brasil entre os finalistas do prêmio. Além dos vencedores Romário (1994), Ronaldo (1996, 1997 e 2002), Rivaldo (1999), Ronaldinho (2004 e 2005) e Kaká (2007), Roberto Carlos ficou na segunda colocação em 97. Os oito troféus colocam o país ainda como recordista de conquistas. O brasileiro com mais indicações é Ronaldo Fenômeno, com cinco, enquanto Kaká foi o último presente no palco da Fifa, justamente no ano em que superou Messi e Cristiano Ronaldo, que passariam se revezar no topo do mundo a partir de 2008.

Profissionais de saúde denunciam falta de insumos e medicamentos no HGF


A carência de insumos, medicamentos e outros materiais tem afetado o Hospital Geral de Fortaleza (HGF), maior unidade de atendimento terciário do Estado, segundo denúncias de médicos e enfermeiros. A constante falta de elementos como luvas, máscaras, seringas e agulhas estaria atrapalhando a realização de procedimentos básicos.

Com as reduções nos atendimentos do Complexo Hospitalar da Universidade Federal do Ceará (UFC), profissionais de saúde temem que a unidade seja ainda mais penalizada. Referência em transplantes, o Hospital Universitário Walter Cantídio suspendeu a transplantação de rim, pâncreas, fígado e medula óssea. Os serviços da unidade começarão a ser reduzidos progressivamente até atingir 50% da capacidade instalada. Um comunicado foi divulgado na sexta-feira, 27. Segundo o texto, a redução é motivada pela insuficiência dos repasses de recursos do Serviço Único de Saúde (SUS).

O presidente da Associação dos Médicos do HGF (AME), Jaime Benevides, pontuou que além da ausência de insumos básicos, os profissionais estão lidando com restrições severas na oferta de elementos cirurgicos, tubos para coleta de material, reagentes químicos para realização de exames e antibióticos. "Todos os serviços estão sendo prejudicados e, consequentemente, os pacientes. Estamos suspendendo cirurgias, procedimentos programados não estão acontecendo. O hospital não tem condição de absorver os pacientes", pontuou.

No começo de novembro, o Sindicato dos Médicos do Ceará denunciou a morte de 19 pessoas pela carência de insumos. Os óbitos aconteceram nos plantões dos dias 31 de outubro e 1º de novembro - 13 pacientes teriam falecido na emergência por sepse e insuficiência renal, ocasionadas pela falta de antibióticos ou cateter de diálise.

Marta Brandão, presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviço de Saúde do Estado do Ceará (Sindsaúde), contou que nos últimos 20 dias vem recebendo denúncias constantes de técnicos sobre a indisponibilidade de insumos. Em um plantão no setor neonatal, ela contou, haveriam apenas três máscaras para uma equipe de oito pessoas.

Nesta terça-feira, 1º, Sindsaúde vai paralisar as atividades do HGF durante uma hora. A mobilização acontecerá entre as 7 horas e as 8 horas da manhã. O órgão quer pressionar o Governo do Estado pelo pagamento de salários atrasados desde setembro e por reabastecimento dos materiais hospitalares.

O POVO Online entrou em contato com a assessoria de imprensa do HGF para indagar sobre as denúncias de falta de insumos hospitalares. Por meio de nota foi informado que a unidade mantém "a rotina de funcionamento. Nos boletins de atendimentos dos dez hospitais da rede do Governo do Estado, que são divulgados diariamente no site da Secretaria da Saúde do Estado e dos hospitais para conhecimento da população, há toda movimentação diária. No último dia 29, domingo, o HGF fez 51 atendimentos na emergência, realizou 33 internações. No sábado, foram 73 atendimentos na emergência, 45 internações", esclareceu o texto.

O POVO Online

Operação do DIP prende quadrilha com armamento da PM e coletes de empresa de segurança

Uma operação do Departamento de Inteligência (DIP), da Polícia Civil apreendeu armas, três coletes à prova de bala com identificação de uma empresa de segurança e desarticulou uma quadrilha no município de Pacajus (Região Metropolitana de Fortaleza), na noite desta segunda-feira, 30. O grupo é suspeito da participação em um assalto a lotérica de Chorozinho, há uma semana, onde foi subtraída a quantia de R$ 100 mil. 

Segundo o diretor do Departamento de Inteligência (DIP) da Polícia Civil, delegado Francisco Carlos Crisóstomo de Araújo, após o assalto a uma lotérica uma das vítimas informou que teve o celular roubado. "O inspetor pediu que ela desbloqueasse o celular para que fosse rastreado e ficaram monitorando o grupo", relatou. 

Conforme o delegado, na residência onde os suspeitos estavam escondidos foram apreendidas uma pistola calibre.40 do acervo da Polícia Militar e mais duas pistolas calibre 380. Além de três coletes balísticos de uma empresa de segurança particular e um automóvel.

Segundo o inspetor Nilton Rocha, foram presos Brendo Lima Ramos, 21, Antônio Wellington Rodrigues Moreno, 24, Marcos Rômulo de Sousa Gomes, 18, além de apreendidos dois adolescentes de 13 e 17 anos.  

Grupo especializado em assaltos na Região Metropolitana  

Conforme o inspetor da Polícia Civil, a quadrilha era investigada há duas semanas. A prisão foi realizada em uma residência no Centro do município. A quadrilha atuava na Região Metropolitana, nos municípios de Chorozinho, Pacajus e Horizonte. O grupo é apontado pela Polícia como responsável por um assalto a uma lotérica na semana passada em Chorozinho, onde foi roubada a quantia de R$ 100 mil.

De acordo com informações do delegado Crisostomo, o flagrante será realizado na delegacia de Eusébio pois é a delegacia plantonista, e os suspeitos devem ser autuados por formação de quadrilha e porte ilegal de arma. No caso do assalto a lotérica, eles devem responder por portaria. 

Segundo o policial civil Ulisses, que participou da operação, provavelmente o grupo roubou a arma da PM e que a Polícia irá investigar se houve roubo de coletes balísticos na empresa de segurança.

Jéssika Sisnando 
jessikasisnando@opovo.com.br
O Povo Online

Violência no fim de semana deixou 63 mortos em assassinatos e acidentes no Ceará


Pelo menos, 63 pessoas tiveram morte violenta no último fim de semana do mês de novembro no estado do Ceará. Conforme levantamento feito pelo blogdofernandoribeiro.com.br  na manhã desta segunda-feira (30), entre zero hora de sexta-feira (27) e o começo da madrugada de hoje, foram registrados em todo o território cearense, 53 casos de homicídio e mais 10 óbitos em acidentes de trânsito.

Em Fortaleza, 20 casos de assassinatos ocorreram no período, nos seguintes bairros:  Jangurussu (2), Álvaro Weyne (2), Passaré (2), Barra do Ceará (2), Parque Dois Irmãos, Genibaú, Jardim Guanabara, Quintino Cunha, Conjunto Palmeiras, Henrique Jorge, Vicente Pinzón. Itaoca, Pio XII, Tancredo Neves, Antônio Bezerra e Canindezinho.

Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foram 11 casos de assassinatos nos seguintes Municípios: Caucaia (8), Aquiraz (2) e Maracanaú.

Já no Interior do estado, as autoridades policiais fizeram o registro de 22 homicídios, nos seguintes Municípios: Redenção (5), Campos Sales (2), Russas (2), Crato, Icó, Jaguaribe, Jijoca de Jericoacoara, Senador Pompeu, Crateús, Juazeiro do Norte, Choró, Saboeiro, Sobral, Uruburetama, Itapajé e Tauá.

Outras 10 pessoas perderam a vida de forma violenta em acidentes de trânsito ocorridos nos seguintes Municípios cearenses: Mauriti, Aquiraz, Maracanaú, Maranguape, Barro, Crato, Iguatu, Tabuleiro do Norte, Jaguaruana e Independência.

Veja, a seguir, a lista completa dos mortos no fim de semana no Ceará:

HOMICÍDIOS EM FORTALEZA-CAPITAL

01 – Hélder Brito de Andrade (bala) – Rua do Trevo (Álvaro Weyne)

02 – Antônio L. (bala) – Rua do Matadouro (Parque 2 Irmãos)

03 – Vítima não identificada/masculino (bala) – Rua Verde (Jangurussu)

04 – Lucas Pires da Costa (bala) – Rua A (Passaré)

05 – Vítima não identificada/masculino (bala) – Rua Porto Alegre (Henrique Jorge)

06 – Ariel Rodrigues Monteiro (bala) – Avenida I (Barra do Ceará)

07 – Vítima não identificada/masculino (bala) – Rua Beira-Rio (Jangurussu)

08 – Luiz Geraldo da Silva (bala) – Rua Maria Anália (Passaré)

09 – Maurício Ribeiro de Sousa (bala) – Rua das Pedrinhas (Genibaú)

10 – Dimas C. (bala) – Rua Peri (Barra do Ceará)

11 – Francisco da Costa Bruno (bala) – Rua Palmácia (Jardim Guanabara)

12 – Victor Hugo Santos Lima (bala) – Rua Professor Teodoro (Quintino Cunha)

13 – Marques Bruno dos Santos (bala) – Avenida C (Conjunto Palmeiras)

14 – Cláudio Felício de Oliveira (bala) – Rua Maria de Sousa (Álvaro Weyne)

15 – Edinaldo Pereira Alves (bala) – Rua Luiz Tibúrcio (Vicente Pinzón)

16 – Marcos Vinícius Barroso Braz (bala) – Rua Antônio Fiúza (Itaoca)

17 – Antônio José Moreira (bala) – Rua do Trilho (Pio XII)

18 – Eduardo Pereira Evangelista (bala) – Bairro Tancredo Neves

19 – Francisco Leandro da Silva Alves (bala) – Antônio Bezerra

20 – Vítima não identificada/sexo feminino (bala) – Bairro Canindezinho

HOMICÍDIOS NA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA (RMF)

21 – Robson Nascimento Barbosa (bala) – Rua 0o/Parque Ipiranga (Caucaia)

22 – Jucileudo da Silva Sousa (bala) – Bairro do Grilo (Caucaia)

23 – Renan da Costa Silva (bala) – Rua São João (Maracanaú)

24 – Francisco S. (outros meios) – CPPL/Carrapicho (Caucaia)

25 – Antônio Bento da Costa (bala) – Rua Uga-Uga/Tabapuazinho (Caucaia)

26 – Carlos Henrique Martins da Silva (bala) -  (Caucaia)

27 – João Paulo Costa Brandão (bala) – Rua Saramandaia/Jurema (Caucaia)

28 – Francisco Edson Secundo Alexandre (Caucaia)

29 – Luan da Silva Cruz (bala) – (Caucaia)

30 – Vítima não identificada/masculino (bala) – (Aquiraz)

31 – João Paulo Campina da Costa (bala) – (Aquiraz)

HOMICÍDIOS NO INTERIOR DO ESTADO

32 – Francisco Gilson de Araújo (bala) – Comunidade Jardim de São José (Russas)

33 – Marcos Francerlândio Alves Ferreira (bala) – Bairro Pinto Madeira (Crato)

34 – Iderlando Alves Patrício (bala) – Conjunto Gama (Icó)

35 – Francisco Arlindo Gomes Bezerra (bala) – Bairro Matadouro (Jaguaribe)

36 – Josivan Ferreira da Silva (achado de cadáver) – Loc. Preá (Jijoca de Jericoacoara)

37 – Wesley Soares de Lima (bala) – Bairro Alto do cruzeiro (Senador Pompeu)

38 – Francisco Daniel de Azevedo Cavalcante (bala) – Bairro São Vicente (Crateús)

39 – José Severino da Silva (gargalo de garrafa) – Sítio São Gonçalo  (Juazeiro do Norte)

40 – Francisco Isaías de Negreiros Morais (bala) – Localidade Riachão (Choró)

41 – Adeílton Araújo de Mendonça (bala) – Sítio Saco dos Antunes (Saboeiro)

42 – Thauan Costa Mendes (bala) – Parque Santo Antônio (Sobral)

43 – S.S.D./menor  (bala) – Sede (Uruburetama)

44 – Michel Soares de Sousa (bala) – Sede (Itapajé)

45 – Marcos  Alessandro Arcelino da Silva (bala) - Sítio Faísca/Serra do Vento (Redenção)

46 – Jardeline Alexandre de Sousa - (bala) - Sítio Faísca/Serra do Vento (Redenção)

47 – Raimundo Nonato Coelho de Andrade  (bala) - Sítio Faísca/Serra do Vento (Redenção)

48 – Pedro Antônio do Nascimento - (bala) - Sítio Faísca/Serra do Vento (Redenção)

49 – Manoel Alves de Sousa - (bala) - Sítio Faísca/Serra do Vento (Redenção)

50 – Antônio  Feitoza de Sousa Carneiro (bala) – Distrito de Quixariú (Campos Sales)

51 – Fábio Andrade Campos (bala) – Distrito de Quixariú (Campos Sales)

52 – Edvan da Silveira Lima (bala) – Loc. Ramal de Flores (Russas)

53 – Antônio Windison Vicente Ferreira (bala) – Bairro Bezerra de Sousa (Tauá)

MORTOS EM ACIDENTES DE TRÂNSITO

54 – João Gomes Neto (queda/moto) – CE-152/Palestina (Mauriti)

55 – Frankelino Paula Soares (colisão) – BR-116 Km 23/Jabuti (Aquiraz)

56 – Antônia Mayara Mesquita Moura (atropelamento) – R. Antônio Pompeu (Maracanaú)

57 – Anízio da Silva Nunes  (acidente) –  (Maranguape)

58 – João Paulo Alvino da Silva (queda/moto) – Avenida Januário Feitosa/Sede (Barro)

59 – Francisco Claudiano Cruz (colisão/moto) – CE-386/Distrito Dom Quintino (Crato)

60 – Raimundo Palácio Vieira (atropelamento) – CE-375/B. Barro Alto (Iguatu)

61 – Maria José da Silva (colisão/moto) – CE-377 Km 04 (Tabuleiro do Norte)

62 – Cláudio Roberto Alves de Lima (colisão/moto) – CE-263 Km 03 (Jaguaruana)

63 – Francisco Robson de Melo Brandim (colisão/moto) – BR-226 (Independência)

Blog do Fernando Ribeiro

Cozinheiro de presídio é morto a bala em Morada Nova (CE)


O cozinheiro do presídio de Morada Nova (CE) foi vítima de homicídio a bala no início da tarde desta segunda (30) no sítio Castelo, naquele município.

O homem que não teve o seu nome revelado seguia numa estrada carroçável pilotando uma motocicleta quando foi morto por indivíduos não identificados que estavam num veículo.

A Polícia Civil está investigando o crime.

Lindomar Rodrigues

Ventania derruba parte do telhado do Campus Multi-institucional de Iguatu


A ventania não foi tão forte, mas suficiente para arrancar parte da cobertura de alumínio do Campus Multi-institucional Humberto Teixeira de Iguatu, que abriga cursos da Uece e da Urca. De acordo com um dos vigias do prédio, um vento por volta de meio-dia arrancou parte da cobertura de alumínio de um dos blocos do campus universitário. “O telhado de alumínio caiu no meio da rua e quebrou a fiação da Coelce”, disse.

Equipe dos Bombeiros recolocaram as telhas dentro do campus e a Coelce já fez o conserto da fiação que foi cortada.

O diretor da Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Iguatu (Fecli) da Uece, Ricardo Rodrigues, disse que a empresa responsável pela obra, Construtora Granito, já foi informada do ocorrido e que vai enviar uma equipe técnica para avaliar o incidente. “Esperamos que faça logo o conserto para evitar estragos maiores se houver chuva”, disse. “Não houve feridos, somente dano material”.

Há informação de que o telhado de alumínio de um outro bloco também está sujeito a ser arrancado pelo vento, pois foi mal fixado, com poucos parafusos. À noite, com a chegada do Aracati, vento forte, o telhado fica balançando. “É mais uma demonstração de que é um serviço mal feito”, disse o aluno, Carlos Souza.

O campus multi-institucional abriga cursos da Uece e da Urca e foi inaugurado pelo governador Camilo Santana, em 23 de maio de 2015. A obra passou mais de quatro anos para ser construída e custou R$ 18 milhões. Foi iniciada na administração do ex-governador, Cid Gomes. Deveria abrigar também cursos da Fatec/Centec.

DN Online