-->

5 de maio de 2014

Deputado federal Ariosto Holanda vai estar em Russas no próximo sábado


O deputado federal Ariosto Holanda participa no próximo sábado de uma reunião no auditório do CDL com representantes dos distritos de São João de Deus, Peixes, Barracão e Flores para tratar de um assunto de projetos para implantação da casa do mel nestes distritos.

Esse mesmo projeto já está decidido a sua implantação para o distrito de Lagoa Grande onde será implantado em um dos assentamentos naquele distrito.


A reunião está prevista para começar as 08h00min da manhã com a presença também de lideranças comunitárias e seguidores de Ariosto Holanda.


Redatora Erica Samia
Imagem Erivando Lima
Diretora de Imagem Irleide Fama

Ministro Gilberto Carvalho participa de seminário sobre a Copa do Mundo em Fortaleza


O ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, participa nesta terça-feira (06) do seminário “Diálogos: Governo-Sociedade Civil: Copa 2014”, no auditório Dep. João Frederico Ferreira Gomes, na Assembleia Legislativa, às 15 horas. A ideia é debater com os movimentos sociais e representantes da sociedade a fim de esclarecer a população sobre as iniciativas e ações desenvolvidas para a Copa do Mundo. Tendo à frente o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, a estratégia reúne governo e lideranças locais em cada uma das 12 cidades-sede do Mundial. Fortaleza será a sexta cidade-sede visitada.

Durante o encontro, as dúvidas sobre a realização da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 serão respondidas pelo ministro da Secretaria-Geral, Gilberto Carvalho, e sua equipe. Durante os encontros, haverá a distribuição de uma cartilha com dados informativos sobre os investimentos públicos e privados feitos em áreas como segurança, mobilidade urbana, aeroportos, portos, telecomunicações, infraestrutura turística e instalações complementares. A cartilha também demonstra que entre 2007 e 2013 o total de investimentos com a Copa do Mundo somaram R$ 25,6 bilhões, enquanto em Educação os recursos somaram R$ 311,6 bilhões e em Saúde, R$ 447 bilhões.

Desde janeiro, o Palácio do Planalto estuda dar mais transparência aos gastos da Copa do Mundo, com o objetivo de mostrar os benefícios para o Brasil e esclarecer as críticas ao evento esportivo. A ideia é mostrar quanto custou cada arena, as obras de mobilidade, telecomunicações e infraestrutura do Mundial e até compará-las com as que foram feitas em outros países.

* Com informações do Governo do Estado

Fonte: Ceará News

Ibope/Diário do Nordeste mostra Eunício liderando em todos os cenários


A pesquisa Ibope contratada pelo Diário do Nordeste mostra que o senador Eunício Oliveira (PMDB) venceria a disputa eleitoral em todos os cenários, se as eleições fossem hoje. O levantamento inclui quatro nomes do PROS e dois do PT.

No primeiro cenário testado, o senador Eunício Oliveira aparece com o maior número de citações do eleitorado, com 43% das intenções de voto, enquanto que Camilo Santana (PT), Nicolle Barbosa (PSB) e Ailton Lopes (PSOL) aparecem com 6%, 4% e 3% das menções cada um, respectivamente. Nesse contexto, 26% dos eleitores afirmam que votariam em branco ou anulariam o voto e 19% não sabem ou não respondem a questão.

Fonte: Ceará News

Campanha de vacinação contra febre aftosa será lançada nesta terça-feira


O Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário e da Agência de Defesa Agropecuária (Adagri), realiza nesta terça-feira (06), o lançamento oficial da primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa no Ceará. O lançamento da Campanha será durante a abertura oficial do Seminário Nordestino de Pecuária (PEC Nordeste), às 09 horas, no Centro de Eventos do Ceará.

Os produtores rurais devem vacinar o rebanho bovino e bubalino até 31 de maio. Segundo o coordenador estadual da campanha de vacinação contra a febre aftosa no Ceará, Joaquim Sampaio, o rebanho cearense é de aproximadamente 2,5 milhões de cabeças e a meta da primeira etapa é vacinar mais de 90% dos animais e imunizar mais de 80% das propriedades. Os números foram apresentados na última sexta-feira durante entrevista coletiva.

O Ceará foi reconhecido como zona livre nacional de febre aftosa com vacinação e pleiteia o título de zona livre internacional.

O Ceará recebeu no mês de fevereiro a visita de fiscais da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), que avaliou as ações que o Estado está desenvolvendo no que diz respeito aos programas de sanidade animal executadas pela ADAGRI. “Cumprimos as exigências do MAPA e da OIE e temos condição de conquistar o status de Zona Livre Internacional”, afirmou o presidente da Agência, Augusto Júnior.

O secretário Nelson Martins destaca que o reconhecimento do Ceará como zona livre internacional de febre aftosa “representa a coroação de um trabalho árduo do Estado com importantes parceiros, como os produtores rurais, os movimentos sociais, a Ematerce e a imprensa, que divulga as campanhas de vacinação do rebanho”. Nelson Martins informa porém que o Estado precisa manter os índices de vacinação. “Depois de vacinar o rebanho os produtores devem procurar os escritórios da ADAGRI e da Ematerce para declarar a vacinação dentro do prazo”.

A dose da vacina custa aproximadamente R$ 1,70 e a multa para quem não vacinar dentro do prazo será de aproximadamente R$ 16, por cabeça não vacinada.

PEC Nordeste
O 18° Seminário Nordestino de Pecuária (PEC Nordeste) será aberto oficialmente na ocasião. O tema de 2014 será “Pecuária: Segurança Alimentar Animal”, e vai debater as formas de convivência com o semiárido nordestino. Na ocasião haverá também, exposição do rebanho leiteiro de bovinos e caprinos, a PEC Leite, que vai apresentar as potencialidades da pecuária leiteira no Ceará.

“O Programa de Aquisição de Alimentos do Leite (PAA Leite) é um exemplo de sucesso, pois tem valorizado a produção dos pequenos produtores e gerado renda no campo, com a capacitação e a distribuição de equipamentos”, afirmou o secretário do Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins.

A tarde, o secretário Nelson Martins participará da reunião dos Conselho Estadual dos Secretários Municipais de Agricultura do Ceará (Condetec).

Paulo Helder Alencar Braga, coordenador geral do evento destaca a tradição do PEC Nordeste em promover discussões técnico-científicas. “Todos os nove segmentos da pecuária vão oferecer palestras sobre a temática da alimentação animal, teremos também mesas redondas, oficinas de tecnologia todas focadas na alimentação”, afirmou.

Segundo o presidente da FAEC, Flávio Saboya, a pecuária responde por 80% dos investimentos no setor agropecuário do Ceará. “É preciso, apenas, que o homem mude radicalmente a maneira de ver a pecuária e a seca, porque temos condições de fazer reserva alimentar para os rebanhos, independente da condição climática”, garante.

Serviço:
Dia 6 de maio, às 9h – Abertura Oficial do PEC Nordeste 2014 e lançamento oficial da campanha de vacinação contra a febre aftosa

Local: Centro de Eventos do Ceará – Avenida Washington Soares 999 – Pavilhão Leste – Portão D – Edson Queiroz

* Com informações da SDA

Fonte: Ceará News

Vistoria nos presídios: 84 celulares apreendidos dentro do IPPOO II

Uma vistoria no Instituto Presídio Professsor Olavo Olivera II, localizado em Itaitinga, terminou na apreensão de 84 celulares119 chips136 comprimidos ( similar a psicotrópicos),42 gramas de cocaína e 212 gramas de maconha. A ação foi realizada durante a manhã nesta segunda-feira (5).
A vistoria foi comandada pela Coordenadoria do Sistema Penitenciário (Cosipe) e realizada por agentes penitenciários e teve apio do Grupo Tático de Apoio (Gate) e do Batalhão de Policiamento do Choque (BPchoque). O material foi encontrado nas vivências 7, 8, 9, 10.
Segundo a Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) a vistória é a 10º realizada nas unidades da Região Metropolitana e as revistas antigufa têm se tornado pontuais com a participação do Grupo de Apoio Penitenciário (GAP), Ronda de Operações
Esta é a décima grande vistoria realizada nas unidades da Região Metropolitana em 20 dias, além de diversas ações pontuais, como revistas e vistorias antifugas, diariamente realizadas pelo Grupo de Apoio Penitenciário (GAP), Ronda de Operações Penitenciárias (ROP) e agentes penitenciários das unidades.
Fonte: Diário do Nordeste

Confira lista de municípios cearenses contemplados pelo PAC 3

Proponente
UF
Município Beneficiado
Ação
Valor etapa útil
Prefeitura
CE
Alto Santo
Abastecimento de Água
8.847.033,85
Prefeitura
CE
Amontada
Abastecimento de Água
7.658.107,06
Prefeitura
CE
Aracoiaba
Esgotamento Sanitário
8.349.400,16
Prefeitura
CE
Baixio
Abastecimento de Água
9.273.330,17
Prefeitura
CE
Banabuiú
Abastecimento de Água
6.001.314,50
Prefeitura
CE
Bela Cruz
Abastecimento de Água
4.292.522,45
Prefeitura
CE
Capistrano
Abastecimento de Água
2.103.706,40
Prefeitura
CE
Cariré
Abastecimento de Água
1.382.446,79
Prefeitura
CE
Caririaçu
Abastecimento de Água
13.510.577,95
Prefeitura
CE
Cariús
Abastecimento de Água
9.854.662,60
Prefeitura
CE
Coreaú
Abastecimento de Água
1.376.491,41
Prefeitura
CE
Croatá
Esgotamento Sanitário
3.558.424,51
Prefeitura
CE
Cruz
Esgotamento Sanitário
9.761.902,87
Prefeitura
CE
Icapuí
Esgotamento Sanitário
17.533.914,52
Prefeitura
CE
Ipaporanga
Abastecimento de Água
1.389.161,03
Prefeitura
CE
Ipueiras
Esgotamento Sanitário
12.360.444,50
Prefeitura
CE
Iracema
Abastecimento de Água
2.861.298,20
Prefeitura
CE
Itarema
Abastecimento de Água
7.273.854,55
Prefeitura
CE
Itatira
Abastecimento de Água
1.085.339,90
Prefeitura
CE
Jaguaribe
Abastecimento de Água
3.843.847,46
Prefeitura
CE
Jijoca de Jericoacoara
Abastecimento de Água
4.099.509,25
Prefeitura
CE
Jucás
Abastecimento de Água
4.531.097,76
Estado
CE
Marco
Esgotamento Sanitário
2.899.483,05
Prefeitura
CE
Massapê
Esgotamento Sanitário
Prefeitura
CE
Milhã
Abastecimento de Água
3.776.881,79
Prefeitura
CE
Miraíma
Abastecimento de Água
3.914.435,15
Prefeitura
CE
Novo Oriente
Abastecimento de Água
4.314.283,18
Prefeitura
CE
Ocara
Esgotamento Sanitário
1.848.285,45
Prefeitura
CE
Paracuru
Abastecimento de Água
3.975.277,73
Prefeitura
CE
Paraipaba
Abastecimento de Água
2.445.515,76
Prefeitura
CE
Pedra Branca
Abastecimento de Água
7.755.784,82
Prefeitura
CE
Piquet Carneiro
Abastecimento de Água
3.460.650,21
Prefeitura
CE
Pires Ferreira
Abastecimento de Água
1.050.586,04
Prefeitura
CE
Potiretama
Abastecimento de Água
9.466.941,55
Prefeitura
CE
Quixelô
Abastecimento de Água
2.617.606,48
Prefeitura
CE
Santa Quitéria
Abastecimento de Água
3.543.963,52
Prefeitura
CE
São Luís do Curu
Abastecimento de Água
1.803.343,64
Prefeitura
CE
Senador Pompeu
Abastecimento de Água
1.725.683,19
Prefeitura
CE
Tamboril
Abastecimento de Água
1.083.310,09
Prefeitura
CE
Umirim
Esgotamento Sanitário
3.999.941,27
Prefeitura
CE
Uruoca
Abastecimento de Água
908.459,51
Prefeitura
CE
Varjota
Esgotamento Sanitário
3.650.000,00

Fonte: Diário do Nordeste

PSDB recorre ao TSE contra pronunciamento de Dilma no Dia do Trabalho

O PSDB entrou hoje com uma representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o pronunciamento da presidenta Dilma Rousseff, divulgado em rede nacional de rádio e TV, na semana passada, para marcar o Dia do Trabalho, celebrado no dia 1º de maio. O partido alega que a presidenta fez propaganda eleitoral antecipada.
De acordo com o partido, no pronunciamento, Dilma levou ao conhecimento geral sua candidatura às eleições e identificou as ações políticas que pretende fazer. Diante dos argumentos apresentados, o PSDB pede aplicação de multa contra a presidenta, por propaganda eleitoral antecipada. O relator da representação é o ministro Tarcísio Vieira.
No pronunciamento, feito na última quarta-feira (30 de abril), Dilma anunciou a correção da tabela do Imposto de Renda e o reajuste do benefício do Programa Bolsa Família.
Na sexta-feira (2), a presidenta escreveu no Twitter que essas medidas reforçam o combate à extrema pobreza e “defendem a renda dos que vivem do seu trabalho”. Mais tarde, no Encontro Nacional do PT, a presidenta rebateu as críticas sobre o reajuste do Bolsa Família. Segundo Dilma, é importante que “não fiquem as dúvidas levantadas pela oposição”. “Nós últimos três anos e quatro meses, nós implantamos três grandes melhorias [reajustes] do Bolsa Família que elevaram o benefício, em aumento real, descontada a inflação, em 44,3%”, disse
Fonte: - Diário do Nordeste

Presidente do TJ-CE entrega dados de investigação da Corte ao CNJ

O presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), desembargador Gerardo Brígido, esteve reunido nesta segunda-feira, 25, com o corregedor nacional de Justiça, Francisco Falcão, em Brasília. No encontro, o desembargador entregou dados levantados pelo TJ envolvendoirregularidades na Corte. Material será anexado à investigação atualmente tocada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

O encontro estava marcado para a quinta-feira, 8, mas acabou antecipado para a segunda. Segundo a assessoria de imprensa do TJ-CE, outra reunião entre os dois já foi agendada pelo CNJ. No encontro, o presidente do Tribunal cearense deve ser comunicado das diretivas a serem tomadas pelo Conselho. O teor dos documentos não foi revelado. 


Conforme O POVO já havia informado em fevereiro, escândalo envolvendo suposta venda de liminares pelo TJ-CE estourou em abril deste ano. Segundo investigações do CNJ, dois desembargadores da Corte teriam envolvimento na venda de liminares durante plantões judiciais, a R$ 150 mil cada. Após o caso repercutir, o presidente do TJ confirmou a existência de indícios de irregularidades.

Redação O POVO Online

Ex-BBB Dhomini se revolta e quebra cerâmicas em loja: ´Me enganaram´



O ex-BBB Dhomini, de 42 anos, ficou revoltado com o atendimento de uma loja de construção de Goiânia e quebrou, no meio do comércio, os pisos que tinha comprado. Ele diz que adquiriu um tipo de porcelanato, mas o estabelecimento entregou quatro tipos de cerâmicas diferentes. “Não quiseram trocar e nem me apresentaram solução. Perdi a cabeça, quebrei os pisos, me senti um idiota que pagou à vista e me entregaram outra coisa, me enganaram”, reclama.

A confusão foi filmada por outros clientes e postada em redes sociais. O gerente da loja registrou um boletim de ocorrência contra Dhomini por constrangimento no 1º Distrito Policial de Goiânia. Procurado pelo G1, o estabelecimento comercial não se pronunciou até a publicação da reportagem.

Campeão do BBB 3 e participante do BBB 13, Dhomini afirma que vai processar a loja por danos morais e materiais. Ele conta que havia planejado trocar o piso da cozinha de sua casa no sábado (5), pois contratou pedreiros para trabalhar no final de semana e reserveu um hotel para que a família ficasse durante a obra. Após estar tudo acertado, ele foi comprar o material no final da manhã. “Comprei um porcelanato de 62 cm x 62 cm que estava na promoção. Como eram as últimas peças só vendia o lote inteiro, que era correspondente a cerca de 21 m², mas disseram que era tudo igual”, relatou.


Sem entregador no estabelecimento comercial, Dhomini colocou as caixas com o porcelanato dentro do carro e as levou para casa. O problema só foi percebido quando os pedreiros começaram a assentar o piso. “Quando a gente colocou 6 m² começou a aparecer piso diferente em uma caixa. Achei que o problema era só com ela, mas no que abri as outras vi que tinha quatro tipos de piso”, recorda-se.

Dhomini contou que, ao perceber o problema, ligou para a loja, onde falou com o sub-gerente e o gerente. “Expliquei a situação e disse que precisava trocar o piso no dia. Eles me disseram para esperar segunda-feira para ligar no SAC [Serviço de Atendimento ao Consumidor], falar do problema e um técnico ia fazer a vistoria na minha casa. Eu disse que não podia esperar porque ia perder o prazo legal do Procon para fazer devolução e que estava tudo pronto para assentar o piso, mas eles disseram que não tinha como”, disse o ex-BBB.

Quebra-quebra
Como não conseguiu resolver o problema por telefone, Dhomini diz que retirou o piso que tinha acabado de assentar, lavou e levou de volta para a loja junto com os que estavam nas caixas. “Cheguei na loja, desci o piso todo sozinho e fui falar com o gerente. Ele disse que não tinha como, que as coisas não funcionavam assim, que não podia cancelar a venda e que eu ia ficar com o prejuízo. Estava cansado, com fome, sujo e ainda tendo que me humilhar. Foi nessa hora que quebrei as 15 caixas do piso dentro da loja”, contou.

Outros clientes que estavam na loja gravaram a situação e publicaram as imagens nas redes sociais. Dhomini ficou chateado com a exposição. "Ninguém toma atitude nenhuma de ser solidário e perguntar o que aconteceu ou de oferecer um copo de água, mas com celular filmando tinha uns cinco. Acho que vou processá-los por ter usado minha imagem sem autorização", afirma.

Fonte: G1

Crato-CE: Corpo de técnico em informática é encontrado nas águas do Açude Umari


Mais um caso de morte por afogamento foi confirmado às 9 horas desta segunda-feira com o achado pelo grupamento dos bombeiros de Crato do corpo do técnico em informática Jonatas Ian de Sousa, de 21 anos. Ele se afogou nas águas do Açude Umari por volta das 17 horas deste domingo quando uma equipe do Corpo de Bombeiros mergulhou à procura sem encontrá-lo. As buscas foram interrompidas ao escurecer e retomadas na manhã de hoje.

O jovem residia na Rua Doutor Gesteira, 166 (Bairro São Miguel) em Crato e foi até o manancial na companhia de sua namorada e amigos. Tido como um rapaz de muito fôlego, Jonatas costumava mergulhar e demorava no retorno à superfície. Ontem, tinha agido desta forma algumas vezes e, numa destas, não retornou. Segundo familiares ele não bebia. O corpo foi trazido para ser necropsiado no IML (Instituto Médico Legal) de Juazeiro.

   ATENTADOS À BALA E FACA – Quatro casos de tentativas de homicídios, sendo um à bala em Caririaçu e três à faca em Juazeiro do Norte, bem como agressões em Granjeiro foram registrados neste sábado e domingo. Além disso, seis crimes contra a Lei Maria da Penha, sendo três em Juazeiro e outros três em Crato. Por volta das 10 horas de sábado na Rua 02 do Conjunto Novo Horizonte em Crato, Jackeline Tavares dos Santos, de 20 anos, denunciou que Expedito Silva Santos, da mesma idade, a agrediu e este terminou preso.

Por volta das 18h30min, no cruzamento das ruas Francisco Barros Sobrinho e Afonso Borges (Bairro José Agostinho) em Caririaçu, Edson Santos de Lima, de 24 anos, residente no bairro Pernambuquinho, foi lesionado com um tiro de espingarda calibre 12 nos braços. A vítima foi socorrida para o Hospital Regional do Cariri de Juazeiro e, segundo a polícia, o autor teria sido Taísio Sales Oliveira, de 20 anos, residente no bairro José Agostinho, que fugiu.

     Já por volta das 22 horas na Rua Luís de Carvalho Maia, 51 (Bairro Seminário) em Crato Maria de Fátima Gonçalves, de 37 anos, foi agredida por Cristiano André da Silva, de 40 anos, que foi preso. Na Delegacia, a vitima desistiu de representar contra o seu agressor, sendo lavrado apenas um Boletim de Ocorrência (BO) e os dois terminaram liberados

     Por volta das 22h30min ainda de sábado deu entrada no Hospital Regional do Cariri lesionado com três facadas, sendo uma no braço, outra no abdômen e mais uma na coxa esquerda, José Ricardo Silva de Oliveira, de 26 anos, residente no bairro Tiradentes. Ele disse à polícia ter entrado em luta corporal com uma pessoa não identificada após uma discussão em frente à sua casa o qual sacou uma faca e desferiu os golpes.

      No início da madrugada de domingo Maria Pereira, de 42 anos, residente no bairro Triangulo, disse à polícia que seu ex-companheiro estava batendo na porta de sua residência, além de proferir ameaças descumprindo uma medida protetiva. A polícia foi lá e prendeu José Tiago Santos Braga, de 28 anos, que já responde por crimes de violência doméstica, lesão corporal, furto, desacato e tentativa de violação de domicílio.

     Por volta das 22h30min, na Rua Francisca Pereira Lopes, 160 (Pedrinhas), Sandra Luíza, de 22 anos, residente no bairro Aeroporto, disse que o seu companheiro William Santana da Silva, de 21 anos, teria lhe agredido. Antes, às 7 horas, deu entrada no Hospital Regional do Cariri, Augusto Barros de Alencar, de 48 anos, residente no bairro José Geraldo da Cruz,  após ter sido lesionado com uma facada no abdômen e este não mencionou o nome do acusado.

 Por volta das 18 horas, em frente à Capela de Santo Expedito no Sitio Canabrava em Granjeiro, houve uma confusão generalizada quando Cicero Pinheiro Souto, de 38 anos, o Ciço Pezim, aposentado por deficiência e seu filho de 15 anos, residentes no Sitio Santa Vitoria, foram agredidos pelos agricultores Cícero Ferreira Sousa, Cícero Soares de Oliveira e Hernandes Soares de Oliveira residentes no Sitio Santa Vitoria, e Damião Gomes Silva, que mora na Canabrava dos Ferreiras.

    Por volta das 22h30min, no cruzamento das ruas Francisco Monteiro e São Lazaro (Triângulo) uma jovem de 29 anos foi agredida a cadeiradas, sendo socorrida pelo SAMU. O acusado é apelidado por “Nildo” e fugiu. Dez minutos após, Luciano Rozeno da Silva, de 47, residente na Rua Senhora Santana (Santa Tereza), foi alvejado com uma facada no abdômen. Ele responde por receptação e ameaça e o crime aconteceu no cruzamento das ruas José Marrocos e Rui Barbosa naquele bairro, onde se envolveu em uma briga com o Alessandro Silva Chaves, de 28 anos, morador de rua, o qual foi preso.

    Por volta das 23h30min, na Avenida Tomaz Osterne, 1122, Apartamento 203 (Bairro Vila Alta), a vendedora Raissa Camila Guedes Pereira, de 22 anos, informou que seu ex-companheiro, Francisco Jonas Bastos Junior, de 25 anos, tinha ameaçado-a de morte. Ele mora na Avenida João Alves Rocha (Bairro Seminário) e teria invadido o apartamento da jovem quando quebrou vários objetos e proferiu as ameaças além de agredi-la e fugir.

Créditos Site Miséria.

TRE faz primeira reunião para discutir segurança nas Eleições 2014



A presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, desembargadora Iracema do Vale, reuniu-se na tarde desta segunda-feira, 5/5, com o secretário adjunto de Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará, Wilemar Rodrigues Júnior, e com o chefe da Operação Eleições 2014 do Comando da Polícia Militar, coronel Roberto Pereira Alves.

A reunião foi uma prévia do planejamento da segurança a ser realizado pelo TRE juntamente com as autoridades da Segurança Pública no Estado, que envolverá ainda a Superintendência da Polícia Federal do Ceará.

Nas primeiras discussões, ficou acertado que o planejamento a ser adotado nas eleições deste ano seguirá o mesmo modelo das medidas adotadas nas últimas eleições de 2012. Em relação ao contingente de policias envolvidos na operação, o número será ainda maior, porque, de acordo com o secretário adjunto da SSPDS, mais dois mil policiais militares farão parte da corporação – 1 mil recém contratados em dezembro de 2013 e 1 mil que assumirão em junho deste ano.


Segundo informações do Comando da Polícia Militar, nas Eleições de 2012 foram 11.500 policiais militares mobilizados em todo o Estado, desde o dia 1º de outubro daquele ano. Deste total, 5.500 estiveram no interior e 6.000 na capital. O efetivo total, envolvendo policiais civis, bombeiros e servidores foi de 13.500 pessoas nas últimas eleições. A julgar pelo que foi dito na reunião, este número deverá passar de 15 mil.

A presidente do TRE-CE, Iracema do Vale, elogiou o trabalho desenvolvido nas últimas eleições, com o apoio das autoridades do Estado do Ceará. “Agradeço a todos por participaram mais uma vez dessas discussões, de forma ainda mais antecipada, na certeza de que as próximas eleições serão seguras e tranquilas para que o eleitor possa exercer legitimamente o seu direito de votar”.

Da reunião, participaram ainda o diretor geral do TRE-CE, Humberto Mota, o juiz auxiliar da Presidência, Cléber de Castro Cruz, o juiz auxiliar da Corregedoria Regional Eleitoral, Eduardo Scorsafava, representando a CRE, e o presidente da Comissão Permanente de Segurança da Justiça Eleitoral do Ceará, juiz Mauro Liberato.


Com informações do TRE/CE

Eunício Oliveira confirma encontro com senador Aécio Neves nesta terça-feira

O senador Eunício Oliveira (PMDB) confirmou nesta segunda-feira (5) em entrevista ao jornal Ceará News (Rede Plus FM e rádios Feliz FM 90,7 e Canaã FM 93,5) que se reunirá amanhã (5) com o pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves.

"A medida em que o PMDB não compõe mais a aliança com o governador do Estado, tem total liberdade para continuar conversando, tanto com os partidos da aliança e a oposição no Ceará, uma vez que o PMDB se encontra numa posição de independência", ressaltou Eunício.

Créditos Ceará News.

Em dez anos, Brasil perde um terço de seus orelhões



Todos os dias, 120 orelhões, em média, desaparecem das ruas do país. Levantamento feito pelo G1 com base nos dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostra que em dez anos o Brasil perdeu um terço dos aparelhos. Eram 1,3 milhão em 2004. Hoje, existem 875 mil.

Isso significa que há 4,3 orelhões para cada mil habitantes, perto do mínimo exigido pelo último plano geral de metas para universalização (4 a cada mil), em vigor desde 2011 e válido até 2015.

O número de orelhões, no entanto, deve despencar ainda mais. Isso porque há uma pressão das teles para que a meta do próximo plano para o período 2016-2020 seja de apenas um aparelho para cada mil habitantes no país.
O plano de universalização é um conjunto de obrigações a que estão sujeitas as concessionárias do serviço de telefonia fixa prestado em regime público, que têm como objetivo dar a qualquer pessoa acesso ao serviço de telecomunicações, independentemente da localização e da condição socioeconômica.

O edital do novo plano deve ser colocado em consulta pública no final de junho, de acordo com a Anatel. A agência diz que a quantidade (e a densidade) de orelhões, entretanto, ainda está em estudo.

Entidades de defesa do consumidor criticam a intenção de se reduzir os aparelhos. “Os orelhões são essenciais, principalmente para a camada da população que pouco acesso tem à telefonia fixa. O problema é que, como estão em péssimo estado, essa parcela acaba contratando planos de telefonia pré-paga, que são muito mais caros, para poder se comunicar”, afirma a coordenadora institucional do Proteste, Maria Inês Dolci. “O intrigante é que os orelhões foram pensados para trazer qualidade para o serviço público. Ao reduzir o número de aparelhos, essa responsabilidade das empresas, que deviam estar cuidando, mantendo-os ativos e repondo os quebrados, é retirada.”

O ex-ministro das Comunicações e consultor da Órion, Juarez Quadros, também considera a possibilidade de redução de um a cada mil “ousada demais”. “Que haja alguma redução, mas não nesse nível, que eu acho muito acentuada”, diz. “Em certos momentos, trata-se de um serviço que ainda supre uma necessidade. Na hora em que a pessoa quer falar e não tem crédito acaba recorrendo a um orelhão. Uma pessoa que teve o celular roubado, o que é muito comum de acontecer, se não tiver algum conhecido próximo, também acaba correndo para um orelhão. E, às vezes, não vai encontrar, ou quando encontra ele está com defeito.”

De acordo com dados atualizados da própria Anatel, cerca de 15% dos orelhões estão em manutenção e, portanto, fora de funcionamento.

Segundo Maria Inês, “as empresas têm o dever de cuidar do patrimônio e não têm feito isso”. Quadros concorda e diz que o alto custo é um dos motivos para a pressão pela redução. “O orelhão tem um ônus de manutenção muito alto em função do vandalismo. As empresas têm que fazer uma manutenção adequada em grande parte dos terminais. Isso faz com que haja uma despesa acentuada e a relação custo-benefício não é propícia para manter a planta instalada nas vias públicas”, afirma.

Para o analista da consultoria Teleco Eduardo Tude, os custos da manutenção se somam ao magro faturamento obtido com a baixa utilização dos orelhões. “A receita líquida mensal de um orelhão, que há uns três anos estava na faixa de R$ 40, R$ 50, hoje caiu para R$ 4. Passou a ser um décimo do que era antes. Isso tornou o orelhão altamente deficitário.”

Para o novo plano que está em discussão, uma das propostas da área técnica da Anatel é que a redução na planta não seja linear em todo o país, como ocorreu nas revisões de 2003, 2006 e 2011. Locais em que o uso dos orelhões é maior, por exemplo, poderão perder menos aparelhos, enquanto as localidades com baixo uso, onde normalmente há uma oferta maior de operadoras de telefonia móvel, deverão sofrer uma diminuição mais acentuada.

A coordenadora institucional do Proteste diz que o ideal era que áreas com urbanização mais precária tivessem pelo menos sete telefones públicos para cada mil pessoas e próximos um do outro. “A telefonia fixa, no geral, foi negligenciada. Não há interesse das empresas em manter os serviços, que não são lucrativos.”

A área técnica da Anatel também deve propor no próximo plano geral de metas que, como contrapartida à redução dos orelhões, as empresas reduzam a tarifa básica do telefone fixo.

Desinteresse x desserviço
A agência diz que 50% dos orelhões no Brasil hoje realizam apenas duas chamadas por dia. “Como resultado de avanços tecnológicos, como o surgimento da internet, da maciça utilização dos celulares e de novas necessidades de comunicação da população, os orelhões têm apresentando, há alguns anos, declínio em sua utilização – situação semelhante à registrada em outros países”, afirma a Anatel.

Para Maria Inês, a queda das chamadas não é resultado de um mero desinteresse dos consumidores. “Parte disso é possível atribuir à falta de manutenção dos aparelhos. Se eles estão obsoletos, é porque não trocaram. Se não estão adequados, é porque não houve investimento”, diz. “Se você vai a um orelhão duas, três vezes e vê que não funciona, você não volta. E o problema é que não há fiscalização.”

O ex-ministro das Comunicações também acredita que o sucateamento de parte dos aparelhos é decorrente de uma omissão por parte da autarquia federal. “Eu entendo que a Anatel está falhando na obrigação de fiscalizar, porque os telefones que estão mantidos na planta deviam estar em funcionamento. Eu sei que há indicadores para isso, prazos para recuperação, mas aí o que se nota é que falta fiscalização.”

Em nota, a Anatel rebate as críticas e afirma que acompanha e fiscaliza de perto o funcionamento dos terminais. A agência diz que conduziu, entre 2011 e 2012, o Plano Pró-Melhoria da Telefonia de Uso Público, que definiu a garantia de manutenção de ao menos 90% da planta ativa em cada unidade da federação.

“Nos estados em que os patamares mínimos de disponibilidade pactuados não foram alcançados, no prazo estipulado, foi definida compensação aos usuários com condição de gratuidade no uso dos orelhões”, afirma a agência.

Segundo a Anatel, em função do plano, “puderam ser observadas mudanças organizacionais e operacionais por parte da concessionária na administração da planta”. “A introdução do acompanhamento da disponibilidade da planta com criação e aperfeiçoamento de instrumentos que proporcionassem seu monitoramento, a adoção de procedimento de vistoria periódica proativa e mais abrangente, melhor gestão dada à logística de sobressalentes e ao deslocamento das equipes e tratativas com uma visão mais crítica dos processos e do tratamento das falhas possibilitaram um ganho na eficiência operacional. A melhora dos índices de disponibilidade da planta refletiu na queda no número de reclamações de reparo”, informa.

Procuradas, Oi e Telefonica-Vivo, responsáveis pela maioria dos orelhões do país, dizem que fazem um acompanhamento dos aparelhos e que realizam reparos assim que são solicitadas.

Celulares
Enquanto o número de orelhões não para de despencar no país, dispara o de celulares. O número de linhas móveis passou de 65 milhões, em 2004, para 272 milhões hoje – mais de uma para cada habitante.

“Nos anos de 2002 e 2003, a Icatel chegou a ser a maior fabricante de orelhões do mundo. A gente chegou a fazer 50 mil por mês em três turnos de trabalho. Trabalhávamos 24 horas, já que as empresas precisavam cumprir as metas. Hoje, elas ficam sem pedir por muito tempo. No ano passado, a gente deve ter produzido 30 mil. Já passamos de seis a oito meses sem produzir nenhum orelhão”, afirma o gerente de projetos especiais da fabricante de orelhões Icatel, Francisco Matulovic.

Fonte: G1