-->

16 de julho de 2016

Sérgio Moro pode vir a Fortaleza em agosto para evento


O juiz Sérgio Moro, responsável pelas investigações da Operação Lava-Jato, foi convidado para participar do XII Encontro Nacional de Controle Interno, que ocorre em agosto, na Capital. Na ocasião, o magistrado deve ser agraciado com a comenda "Honra ao Mérito em Controle Interno".

A organização do evento informou que a vinda de Moro ainda não está garantida. Na programação, o nome dele aparece com a observação de que está sujeito à confirmação. O magistrado foi convidado para participar de um painel sobre a Operação Lava-Jato, prevista para ocorrer na tarde do próximo dia 4.

Intitulado de “Operação Lava-Jato - êxitos, dificuldades e oportunidades para o controle interno do País”, o painel tem Moro como um dos seis palestrantes. Dentre os nomes já confirmados estão o do diretor de governança e risco de conformidade da Petrobras, João Adalberto Elek Júnior, e do advogado e Coordenador de Direito Econômico, Infraestrutura e Residual da Advocacia Geral da União, Rogério Pereira de Lima.

A programação prevê também que Moro receba, junto ao procurador da República, Deltan Martinazzo Dallagnol, e à executiva financeira do Banco Mundial, Maria João Ribeiro Kaizeler, a comenda "Honra ao Mérito em Controle Interno". A cerimônia está marcada também para o dia 4, às 15h30.

O XII Encontro Nacional de Controle Interno vai ocorrer nos dias 4 e 5 de agosto, no Hotel Praia Centro, em Fortaleza. O evento é organizado pelo Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci), Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado Do Ceará (CGE/CE) e pela Controladoria E Ouvidoria Geral Do Município De Fortaleza (CGM).

Diário do Nordeste

Projétil atinge vidraça em hospital de Sobral


Uma equipe do Hospital Regional Norte, em Sobral, foi surpreendida com o disparo de um projétil na manhã deste sábado (16), quando realizava um atendimento na clínica médica. O disparo atingiu uma janela e quebrou uma vidraça. Ninguém ficou ferido. 

A Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) do município confirmou a ocorrência, mas ainda apura se o projétil foi ocasionado por uma arma de fogo ou por uma pedra.

A Delegacia Regional de Sobral escutou seguranças que trabalham no Hospital e abriu um procedimento de investigação. Nos próximos dias, um exame balístico será realizado para descobrir a procedência da cápsula.

A Polícia relatou que o tiro pode não ter sido propriamente em direção ao hospital. Os investigadores trabalham com a hipótese de bala perdida, uma vez que o prédio  fica próximo a bairros de grande movimentação da cidade. 

O Hospital Regional Norte informou que não pode dar nenhuma informação no momento, mas que irá se pronunciar em breve.

Diário do Nordeste

Rede Sustentabilidade apresenta pré-candidatos a prefeito e vice em Russas

Júnior Gonçalves e Edinir Santiago foram apresentados pela Rede Sustentabilidade

A Rede Sustentabilidade em Russas realizou encontro na sexta-feira(15) quando apresentou a filiados e simpatizantes os seus pré-candidatos a prefeito e Vice, o radialista Júnior Gonçalves e o engenheiro agrônomo, Edinir Santiago, respectivamente. Durante os discursos a unidade no pensamento de construção de uma nova alternativa politica que o partido pretende apresentar com sua chapa pura, que deverá ser homologada em convenção.

Simpatizantes dizem que a Rede não vem se colocando como oposição ou situação e sim como renovação da politica russana.

falecomricardotorres.blogspot.com.br

Governador inaugura o BPRaio em Russas e anuncia a criação da Delegacia de Combate ao Crime Organizado


Dando continuidade ao compromisso de garantir a interiorização e descentralização das atividades especializadas da Segurança Pública do Ceará, o governador Camilo Santana inaugurou, na manhã deste sábado (16), o Batalhão de Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) no município de Russas, na região do Jaguaribe. Ao todo, serão 70 homens, divididos em 10 equipes, trabalhando em 40 motocicletas e duas viaturas com policiamento em todos os 19 municípios compreendidos na Área Integrada de Segurança 10 (AIS 10): Aracati, Beberibe, Fortim,  Itaiçaba, Icapuí, Russas, Palhano, Jaguaruana, Jaguaribe, Potiretama, Ererê, Iracema, Pereiro, Nova Jaguaribara, Limoeiro do Norte, Alto Santo, Quixeré, São João do Jaguaribe, Tabuleiro do Norte. Na ocasião, ele também anunciou a criação de uma delegacia especializada no combate ao crime organizado.

O governador falou sobre o seu empenho em garantir a segurança em todo o Ceará. "Durante a campanha assumi um compromisso de olhar pessoalmente para essa área. A primeira ação que fizemos para estimular nossa tropa foi fazer a Lei de Promoções. Sabemos que temos que aumentar o efetivo de toda a polícia do Ceará. No meu governo, chamei mais de 1500 homens da Polícia Militar. Fiz um concurso público ano passado para mais de 750 homens da Polícia Civil. Montaremos delegacias 24h e uma será aqui em Russas. Lancei agora no último dia 12 o edital para 4200 policiais militares. Assumi o compromisso de interiorizar os veículos da Segurança Pública. Hoje, temos três bases do Ciopaer no interior, colocamos o Batalhão de Divisas para conter a entrada das drogas no Estado. Hoje estamos entregando um Batalhão especializado, equipado, para expulsar a bandidagem para longe. Se Deus quiser, vamos inaugurar o Raio em todas as regiões do Estado até o fim do ano", disse.

Na ocasião, Camilo Santana anunciou a criação de mais um importante equipamento para combater a criminalidade. "Estamos colocando o dedo na ferida do crime organizado, estamos contrariando os interesses deles. Já encaminhamos muitos criminosos para presídios federais. Nessa semana fizemos uma vistoria nos presídios e apreendemos 504 celulares com os presos. Vamos vencer essa guerra. Ontem mesmo chamei o secretário de Segurança, Delci Teixeira, e autorizei a construção imediata da Delegacia de Combate ao Crime Organizado para que, com inteligência, estratégia, possamos expulsar os bandidos do nosso Estado", disse.

O comandante do BPRaio no Ceará, tenente-coronel Márcio Oliviera, destaca a importância do Batalhão também  no Interior. "Eu queria destacacar o compromisso que está sendo cumprido pelo nosso governador na interiorização das ações do Raio. Já temos bases instaladas já em Juazeiro, em Sobral, agora em Russas, e semana que vem vamos instalar em Quixadá. Nove bases serão instaldas até outubro e quase todas as cidades estarão cobertas no combate à criminalidade. O Raio representa maior efetividade no atendimento de ocorrências, em que as viaturas atuam de forma ostensiva contra quem está promovendo atos criminosos", disse.

O policiamento será feito em locais com maior incidência de crimes de homicídio, roubo e tráfico de drogas. Para formar o novo Batalhão, os policiais foram submetidos a um curso de seis semanas, com 328 horas/aula, em que os alunos foram instruídos desde assuntos referentes à cidadania e direitos humanos às técnicas e procedimentos de tiro policial defensivo, pilotagem tática de motocicletas e defesa pessoal.

Um dos que se submeteram ao treinamento foi o major Santana, prestigiado por toda a família durante a solenidade. Ele, que vai comandar o Raio no município de Russas, falou sobre a responsabilidade com o povo da região do Jaguaribe. "É de suma importância a implantação desse programa do Governo do Estado no interior do Estado, pois ele vai dar um aporte ao policiamento já existente. A população credita muita confiança ao Raio e eu tenho plena convicção que com esse reforço nós vamos conseguir diminuir os índices de criminalidade", disse. 

BPRaio no Interior

Para viabilizar as atividades do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) no interior, o governador Camilo Santana fez a entrega, no dia 11 de julho de 2015, de 48 motos e duas viaturas em Juazeiro do Norte. Ao todo, 77 profissionais do Batalhão atuam no Cariri, divididos em 12 equipes. Fora Juazeiro do Norte, as equipes atendem pontualmente aos outros 24 municípios da Área Integrada de Segurança 11 (AIS 11): Campos Sales, Antonina do Norte, Salitre, Araripe, Potengi, Assaré, Santana do Cariri, Nova Olinda, Altaneira, Farias Brito, Crato, Barbalha, Caririaçu, Aurora, Missão Velha, Jardim, Porteiras, Abaiara, Milagres, Barro, Mauriti, Brejo Santo, Jati e Penaforte.

No dia 24 de outubro de 2015, foi inaugurada a sede de Sobral, com 32 motos e duas viaturas novas. Ao todo, 63 profissionais, divididos em oito equipes, atuam nos 32 municípios da Área Integrada de Segurança 12 (AIS 12), que está inserida no Interior Norte: Sobral, Camocim, Barroquinha, Chaval, Granja, Martinópole, Uruoca, Senador Sá, Tianguá, Viçosa do Ceará, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Graça, Carnaubal, Guaraciaba do Norte, Croatá, Pires Ferreira, Ipu, Moraújo, Massapê, Santana do Acaraú, Forquilha, Groaíras, Cariré, Reriutaba, Varjota, Pacujá, Mucambo, Frecheirinha, Coreaú, Alcântara e Meruoca.

Próximas inaugurações

No próximo dia 23 de julho, serão iniciadas as atividades em Quixadá. Iguatu deve receber o batalhão especializado no mês de agosto. Até o fim deste ano, Canindé, Crateús, Quixadá, Itapipoca e Tauá também receberão o Batalhão.

O projeto de interiorização do BPRaio prevê, ao final da implantação, que estejam atuando nas principais cidades do Interior 425 policiais, divididos em 60 equipes, com 240 motocicletas e 13 viaturas. Em Fortaleza, há 508 profissionais, 420 motocicletas e doze viaturas.

Thiago Sampaio
Repórter / Célula de Reportagem
Matéria retirada do falecomricardotorres.blogspot.com.br

Epidemia de zika acabará sozinha em três anos, dizem cientistas

Pesquisadores do Imperial College London afirmam ser improvável que uma nova epidemia de zika de larga escala ocorra nos próximos 10 anos ( Fotos Públicas )

De acordo com um artigo publicado na revista Science por cientistas britânicos, a epidemia de zika na América Latina provavelmente desaparecerá sozinha dentro de, no máximo, três anos. Os pesquisadores do Imperial College London afirmam ser improvável que uma nova epidemia de zika de larga escala ocorra nos próximos 10 anos, embora possam surgir surtos menores.

A explicação para o fim da epidemia é o fato de que as pessoas ficam imunes ao vírus após a primeira infecção. Isso produz um fenômeno conhecido como "imunidade de rebanho": cada vez mais gente produz anticorpos e a epidemia atinge um estágio no qual o número de pessoas suscetíveis à infecção é tão pequeno que a transmissão não se sustenta em larga escala.

De acordo com os autores do estudo, depois do fim da atual epidemia, levará 10 anos para que surja uma nova geração de pessoas que nunca foram infectadas. O estudo foi liderado por Neil Ferguson, da Escola de Saúde Pública do Imperial College London.

"Esse estudo usa todos os dados disponíveis para fornecer uma compreensão de como a doença vai se desdobrar - e nos permite avaliar a ameaça em um futuro iminente. Nossa análise sugere que não é possível conter o avanço da zika, mas que a epidemia vai acabar sozinha em dois ou três anos", disse Ferguson.

No artigo, os cientistas também afirmam que a epidemia não poderá ser controlada com as medidas usadas atualmente para combatê-la. Eles alertam que combater o mosquito em larga escala como os governos estão fazendo, tem efeito limitado - como ficou demonstrado no caso da dengue - e pode até mesmo ser contraproducente.

"Retardar a transmissão entre as pessoas faz com que a população leve mais tempo para atingir o nível de 'barreira de rebanho' necessário para que a epidemia cesse. Além disso, combater o mosquito pode fazem com que a janela entre as epidemias - que estimamos ser de 10 anos - acabem ficando mais curtas", explicou Ferguson.

Segundo Ferguson, as experiências do combate ao mosquito Aedes aegypti para conter as epidemias de dengue já mostraram que essas medidas têm impacto limitado. "O vírus (da zika) é muito semelhante ao da dengue e é transmitido pelo mesmo mosquito. Mas experiências prévias com a dengue mostram que controlar seu alastramento é incrivelmente difícil. Além disso, os esforços para conter a epidemia precisariam ter sido implementados muito antes na epidemia de zika para que tivessem efeito - mas quando se notou a escala do problema já era tarde demais", disse.

Tarde para as vacinas

Segundo os cientistas, se as projeções estiverem certas, os casos de zika já terão uma redução substancial no fim de 2017, ou antes. "Isso significa que quando as vacinas estiverem prontas para serem testadas, talvez não tenhamos casos de zika suficientes na comunidade para fazer os ensaios clínicos", disse o cientista.

Para fazer o estudo, os pesquisadores usaram todas as informações disponíveis sobre as epidemias de zika e dengue no continente latino-americano e, a partir daí, montaram um modelo matemático que representa a atual epidemia e futuras ondas de transmissão.

"Usando nosso modelo, previmos que a transmissão de larga escala não vai recomeçar por pelo menos dez anos - até que surja uma nova geração da população que não foi exposta ao vírus zika. Isso espelha outras epidemias, como a de chikungunya, nas quais vimos um surto explosivo seguido por longos períodos com poucos novos casos", disse Ferguson.

Estadão Conteúdo   

Polícia Federal prende suspeito de produzir pornografia infantil


Um técnico de enfermagem foi preso preventivamente, em Itapipoca, na manhã desta sexta-feira durante a segunda fase da 'Operação Sem Fronteira', deflagrada pela Polícia Federal (PF). Foram cumpridos outros dois mandados de busca e apreensão na Cidade e um no bairro Dionísio Torres, em Fortaleza. A ação tem como objetivo reprimir a divulgação de pornografia infantil pela internet no Ceará. 

Segundo a Polícia, foram apreendidos diversos materiais de informática e documentos nos endereços dos alvos, que serão submetidos à perícia. Conforme a PF, foi esta perícia dos bens apreendidos na primeira fase da ‘Operação Sem Fronteira’, deflagrada em janeiro deste ano, que identificou a produção de material contendo abuso e exploração infantil e levou à representação pela prisão preventiva do responsável pelo material.

O técnico de enfermagem preso responderá pela posse e compartilhamento de pornografia infantil, cuja pena prevista é de quatro a oito anos podendo ser aumentada de 1/3 (um terço), se o agente comete o crime no exercício de cargo ou função pública ou a pretexto de exercê-la.

Diário do Nordeste

Sargento da Reserva é morto a tiro em um mercadinho em Caucaia


O sargento da Reserva Remunerada da PM Francisco Moésio Pinheiro Barbosa, 55, foi morto, nesta sexta-feira (15), dentro de um mercadinho, no bairro Carrapicho, município de Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O militar ainda chegou a ser levado para o Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro, mas morreu.

De acordo com o coronel Francisco Souto, comandante do Policiamento da Capital e Região Metropolitana, a 100 metros da Unidade Prisional Desembargador Adalberto de Oliveira Barros Leal (antiga CPPL Carrapicho), o sargento Moésio estava em um mercadinho. Dois homens chegaram em uma moto e atiraram no militar, que foi atingido com um tiro no abdome.

Equipes da 12º BPM (Caucaia) foram acionadas, mas os suspeitos conseguiram fugir. O militar ferido foi socorrido em uma viatura e depois transferido para uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele teve parada cardiorrespiratória ainda dentro da ambulância, mas foi reanimado e levado ao IJF. Na unidade de saúde, ele teve outra parada cardíaca e morreu.

Suspeitos


Uma pessoa suspeita de participação no crime foi detida. Conforme o coronel Lauro Carlos de Araújo Prado, secretário adjunto da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Carlos Anderson Rodrigues, 22, informou que o sargento da Reserva Moésio Pinheiro foi morto porque repassava informações sobre criminosos aos policiamento de Caucaia. Carlos Anderson é apontado como condutor da moto utilizada pelos criminosos na ação, que culminou nos disparos contra o sargento da Reserva.

Diário do Nordeste