-->

14 de janeiro de 2016

Captura de fugitivo da Justiça em Jaguaribara


Nesta quarta-feira, dia 13, por volta das 17h, na Av. Vereador Sobrinho, centro, foi capturado Antônio Alves Pereira, 31 anos, que segundo o sistema de informações da polícia, era fugitivo da Justiça em Russas-CE, onde responde por crimes de furto, ameaça e violência familiar, porte ilegal de arma branca e roubo. O foragido capturado foi levado à DRPC de Jaguaribe para as providências da Lei.

Com Informações do 1oBPM

Prisão por estupro de vulnerável em Aracati


Nesta quarta-feira, dia 13, por volta das 07h, compareceu na DPC local, a pessoa de Maria Silvani de Lima, denunciando que sua filha, uma adolescente de 13 anos, a qual havia saído de casa no último sábado para um parque de diversão retornando somente na tarde de ontem (terça-feira), quando a menor disse aos pais, que estava na Localidade de Santa Tereza, zona rural de Aracati-CE, com um indivíduo conhecido por “Cinha”, que a manteve durante esses dias em sua casa, segundo ela sob ameaça. A menor foi submetida a exames no Hospital municipal, que constataram o estupro, e após as denúncias da mãe da vitima, PMs conseguiram chegar a prisão do suspeito das acusações, identificado como Natanael Da Silva, vulgo “Cinha”, 27 anos, natural de Aracati-CE, o qual foi conduzido à DPC local onde foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável.

Com Informações do 1oBPM

Moto roubada recuperada em Russas


Nesta quarta-feira, dia 13, por volta das 23h, na Trav. Tabelião Santiago, centro, foi localizada abandonada a motocicleta Honda NXR 150 Bros de cor preta, de placa HYO 6936, de propriedade de Maria Rosélia Silva De Moura, que havia sido roubada, hoje, por volta das 13h20min, na localidade de Bom Sucesso, periferia de Russas. PMs apresentaram o veículo na DRPC local para as providências de devolução a legítima dona.

Com Informações do 1oBPM

Roubo de moto em Russas


Nesta quarta-feira, dia 13, por volta das 13h20min, na localidade de Bom Sucesso, periferia, Maria Rosélia Silva De Moura, 29 anos, natural de Alto Santo-CE, trafegava numa motocicleta Honda NXR 150 Bros de cor preta, de placa HYO 6936, quando foi surpreendida por dois indivíduos em uma motocicleta Honda CG Fan de cor azul, ambos usando capacetes e um deles armados com um revólver, os quais renderam a vítima e roubaram sua motocicleta, documentos pessoais e um aparelho celular e fugiram em seguida tomando rumo ignorado.

Com Informações do 1oBPM

Achado de cadáver (suposto homicídio) em Russas


Nesta quarta-feira, dia 13, por volta das 10h30min, na localidade de Poço Verde, zona rural, foi encontrado por populares o corpo de Adriano Da Silva, 20 anos, que já se encontrava em estado de putrefação, apresentava sinais de violência, no entanto, não sendo possível afirmar visualmente a causa da morte. Ao lado do corpo que estava desaparecido desde o último domingo (10), foi encontrada uma motocicleta Honda CG 125 Fan, de cor preta, de placa NVB 9667, que era utilizada pela vítima. O cadáver foi encaminhado ao IML de Quixeramobim, onde passará por exames que comprovem a real causa da morte para a conclusão do Inquérito sobre o caso, tratado como suposto homicídio.

Com Informações do 1oBPM

Prefeituras cearenses começam ano com as contas no vermelho


O exercício financeiro começou exatamente como terminou em 2015, com a receita das prefeituras operando no vermelho por conta, principalmente, da queda nos repasses do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), principal fonte de recursos da maioria delas, a exemplo do ICMS (Imposto de Circulação de Mercadoria e Serviço). Segundo as associações que representam os municípios, a situa­ção que vem se repetindo ano após ano.

“A situação é difícil para o conjunto dos municípios. Não têm alternativas, a não ser reduzir despesas na questão de pessoal e investimentos. Pelo lado de crescimento de receita, não tem táticas. Temos uma crise que vem se acentuando desde 2012. Embora seja cedo para comentar, 2016 está se desenhando pior que 2015. Temos uma previsão de queda de 3% na arrecadação, ao mesmo tempo em que o reajuste do magistério foi de pouco mais de 11%”, disse Irineu de Carvalho, coordenador financeiro da Aprece (Associação dos Prefeitos do Estado do Ceará). Segundo ele, a estimativa é de que 90 das prefeituras cearenses não consigam manter suas contas em dia.

Pior
A situação tende a piorar, segundo Irineu, principalmente, por conta do reajuste do salário mínimo e do piso dos professores que tende a aumentar a folha de pagamento. De 2015 para 2016, o mínimo subiu de R$ 788 para R$ 880, correspondente a 11,6% de reajuste. Os prefeitos, então, serão obrigados a diminuir os recursos que seriam investidos em obras, para cobrir os valores pagos com despesas dos servidores dos municípios.

Cortes
No fim do ano passado, algumas prefeituras cearenses adotaram medidas de contenção de gastos para fechar as contas de 2015 com um mínimo de tranquilidade. Em algumas cidades, o aperto continua neste começo de ano na tentativa de manter o equilíbrio das contas.

Jaguaruana
Uma delas é a Prefeitura de Jaguaruana, cidade localizada na região do Vale do Jaguaribe, comandada pela prefeita Ana Tereza (PT). “A regra básica é não exceder e retirar todas as gratificações. Reduzi duas secretarias e cortei gastos. Mesmo com todos os cuidados, não há sobra de caixa. Tenho despido um santo para cobrir outro. Infelizmente, o município não tem uma arrecadação forte”, relatou.

Segundo a petista, a maioria das prefeituras está passando pela mesma situação. A prefeita informou, ainda, que aguarda o apoio dos deputados, por meio de emendas parlamentares, e o suporte do Governo do Estado para fechar as contas, já que o município não dispõe de arrecadação própria.

Eusébio
O ano de 2016 também começou com corte de gastos e a busca pela economia no município do Eusébio, segundo o prefeito Arimateia Junior. Entretanto, diferentemente de outras cidades cearenses, o município não tem problemas para fechar as contas. Isso, segundo ele, só é possível graças aos tributos gerados no próprio município, que, de acordo com ele, tem uma rede de serviços bastante desenvolvida.

“Até metade do ano passado, acreditávamos que modificaria a atual situação. No Eusébio, temos, ao longo do tempo, aplicado e não dependemos totalmente dos repasses da União. Temos uma arrecadação própria, trazendo novas empresas e isso tem minimizado os efeitos da crise”, disse, acrescentando que 2016 será um ano de bastante cautela, uma vez que já observa redução na arrecadação dos tributos. Para ele, a crise é mais política do que econômica, o que traz reflexos negativos aos investidores.

Marcha a Brasília
A XIX Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios já tem data marcada. O evento será realizado entre os dias 9 e 12 de maio deste ano, em Brasília. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) já organiza o evento, com a criação de hotsite com todas as informações do evento e período de inscrição.

Realizada desde o ano de 1998, a Marcha é uma mobilização que visa discutir questões que influenciam no dia a dia dos entes federados, como saúde, finanças e educação. Também são apresentadas às autoridades as reivindicações do movimento municipalista. Na última edição, em 2015, quase oito mil gestores participaram do evento, número recorde até então. Um dos destaques foi o debate com os partidos políticos sobre a reforma política.

Com informações do OE

Morre o humorista Shaolin aos 44 anos


O humorista Shaolin, 44 anos, morreu nesta quinta-feira (14). A triste notícia foi confirmada pelo filho dele, Lucas Veloso, por meio das redes sociais.

Em um texto no Instagram, o filho mandou um recado emocionado para o pai dizendo “Descanse em paz, meu guerreiro”!

— Desejo honrar sua alegria todos os dias!

Nesta quarta-feira (13), o humorista deu entrada na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) da clínica particular Santa Clara, em Campina Grande, na Paraíba. Ele apresentava uma infecção respiratória.

O corpo de humorista será velado e enterrado no Cemitério Campo Santo Parque da Paz ainda hoje, segundo informou ao R7 o genro do humorista, Ricardo. 

O velório será aberto ao público das 11h às 15h. O sepultamento está previsto para acontecer às 17h.

Shaolin deixa a mulher, Laudiceia Veloso, e dois filhos, Lucas e Gabriela. Em seu Facebook, Laudiceia publicou uma mensagem emocionada de luto.

— Depois de 1821 dias, nosso guerreiro terminou sua batalha. É com muita tristeza que divido a nossa dor com todos vocês. Shaolin apresentou um quadro febril nesta terça e que, infelizmente evoluiu para uma infecção, precisando de internação imediata. Recebemos a notícia do hospital, neste momento, que ele sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. Obrigada a todos pelas orações e pela força! "Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé." 2 Timóteo 4:7.

Desde que sofreu um grave acidente de carro, a saúde de Francisco Josenilton Veloso não era a mesma. No dia do acidente, ele dirigia seu carro, um modelo Pajero, pela BR-230, quando seu veículo foi atingido na lateral por um caminhão que manobrava no acostamento da estrada.

Na época, ele foi levado às pressas para um hospital e lá foi diagnosticado com traumatismo craniano e teve ainda um grave ferimento no braço.

Do R7

Greve no INSS prejudica 11 mil perícias por mês


Um acidente de bicicleta, sofrido há quase um ano, fez com que o professor Ronaldo Batista tivesse que interromper o trabalho e passasse a depender do auxílio da Previdência Social para custear as despesas mensais. Mas desde setembro do ano passado, quando teve início a greve dos médicos peritos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), o cearense tenta, sem sucesso, conseguir atendimento pelo órgão e renovar a licença, garantindo, assim, a continuidade do benefício financeiro. 

O professor vive o cotidiano dos segurados que aguardam, sem previsão, o fim da paralisação da categoria, a qual completou quatro meses no último dia 4. No Ceará, por conta dos serviços reduzidos, o INSS estima que mais de 11 mil perícias deixaram de ser realizadas mensalmente. Em todo o Estado, a média normal é de 16,9 mil atendimentos por mês. Conforme representantes da Associação Nacional de Médicos da Previdência (ANMP) no Estado, o agendamento de consultas, que demorava cerca de 45 dias, agora chega a levar o dobro do tempo. 

Em duas das agências do Instituto mais movimentadas em Fortaleza, localizadas no Centro, apenas parte dos médicos recebeu pacientes no dia de ontem. A sede do INSS, na Rua Pereira Figueiras, contou com apenas dois profissionais pela manhã e um pela tarde. 

Já na agência da Rua Princesa Isabel, o único médico presente atendeu somente no período da manhã. "Já vim três vezes e, como não tinha médico, precisei remarcar a perícia. Cortaram o auxílio e não tive como renovar nem como voltar ao trabalho. Hoje, finalmente, deu certo", diz Ronaldo Batista.

Segundo Norberto das Chagas, delegado da seção Ceará da ANMP, no próximo sábado (16), a categoria deve promover uma assembleia geral extraordinária em Brasília para decidir o rumo da paralisação. 

Categoria dividida 

Os médicos exigem, principalmente, a reestruturação da carreira. Dentre as reivindicações, destaca-se a redução da jornada de 40 para 30 horas semanais e o fim da terceirização da perícia. Também está na pauta a recomposição salarial de 27% em, no máximo, duas parcelas anuais. 

Chagas afirma que, no Estado, a categoria está dividida sobre dar continuidade à greve. "A maioria ainda acha que a proposta do Ministério do Planejamento não satisfaz nossas reivindicações, mas alguns peritos já estão migrando para o lado do acordo. Não deixa de ser cansativo para todos os lados uma greve de quatro meses", reconhece o representante da ANMP. 

Em nota, o Ministério do Planejamento informou que, no dia 8 de dezembro, apresentou proposta contemplando parte das exigências dos peritos. Conforme a pasta, o único ponto de divergência foi o que trata da carga horária de trabalho. "O governo já sinalizou a possibilidade de concordar com a redução, mas propõe que isso ocorra em um contexto de reestruturação da carreira", ressaltou o órgão federal. 

Ainda conforme a nota do Ministério, foi proposta "a criação do Comitê Gestor para definir, em seis meses, a reestruturação da Carreira de Perito Médico Previdenciário e da Carreira de Supervisor Médico-Pericial". 

Atendimento 

De acordo com a ANMP, desde o início da greve, tem sido preservado um efetivo de 30% dos peritos para garantir o atendimento aos segurados. Por meio da assessoria de imprensa, o INSS explicou que as pessoas com perícias médicas agendadas devem, primeiramente, entrar em contato com a Central Telefônica pelo número 135 para verificar a situação da consulta. "Quem não for atendido em razão da paralisação dos servidores peritos médicos terá sua data de atendimento remarcada", disse o órgão, em nota. 

O Instituto está priorizando as perícias iniciais de auxílio-doença. Em segundo lugar, vêm as perícias para retorno antecipado do trabalho e, depois, as demais perícias. Para evitar prejuízos financeiros da população, no momento da concessão dos benefícios, será considerada "a data originalmente agendada como a data de entrada do requerimento". 

FIQUE POR DENTRO 

Instituto desconta dias não trabalhados 

Desde novembro, após decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), o INSS vêm descontando dos salários de médicos peritos em greve os dias parados. De acordo com a direção geral do Instituto, as decisões do Judiciário "tornaram sem efeito a liminar anteriormente concedida pelo STJ à Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP) e que impedia o INSS de efetuar os descontos dos dias não trabalhados". 

Ainda assim, a paralisação continua em todos os estados. Segundo Norberto das Chagas, a ANMP irá recorrer da sentença, alegando que a decisão foi tomada durante o período de recesso do Judiciário. Ele afirma que o setor jurídico da Associação deverá entrar com recurso pedindo a suspensão da decisão.

Diário do Nordeste

Aposentado é morto por bala perdida em Quixadá



Um tiroteio ocorrido em Quixadá, terça-feira (12), causou a morte de Raimundo Alves Maranhão, 90, e deixou a filha dele ferida. Os dois estavam na calçada, quando foram alvejados por balas perdidas. 

Diário do Nordeste

Presos de Delegacia Regional fazem greve de fome

Iguatu. A superlotação das duas celas da Delegacia Regional de Polícia Civil desta cidade, na região Centro-Sul do Ceará, resultou em um motim de 21 detentos, que decidiram iniciar, ontem, uma greve de fome. O clima na unidade é de tensão pois o problema na carceragem perdura há oito meses. 

De acordo com a Polícia, os presos jogaram comida nas paredes das celas, batem nas grades e gritam o tempo todo, desde ontem, pela manhã. "Eles reivindicam transferência para a Cadeia Pública e reclamam contra a qualidade da comida fornecida pelo Estado", disse o delegado regional de Polícia Civil de Iguatu, Jerffison Pereira da Silva. "Já comuniquei o caso ao delegado geral da Polícia Civil e à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), mas nada foi resolvido até agora". 

O juízo das Execuções Criminais interditou há mais de oito meses a Cadeia Pública, por causa de problema de esgotamento sanitário. Uma empresa foi contratada e teria executado o serviço, mas a unidade não foi liberada pela Justiça. "Na Delegacia não é para permanecer presos por vários dias e eles estão atrás de direitos mínimos, pois não há espaço para sequer se deitarem no chão", disse o delegado. "À noite, eles revezam, uns dormem e outros ficam em pé". 

Na Delegacia de Defesa da Mulher há 14 presos, sendo cinco mulheres. "Nos fins de semana, com os flagrantes, a situação piora", disse o delegado. "Aqui não há condições de trabalho". A Delegacia Regional de Polícia Civil ainda não foi oficialmente inaugurada, mas os policiais ocuparam o imóvel, no ano passado, porque o antigo (uma casa alugada) não oferecia condições de permanência. 

A unidade nova tem muros baixos e não há cerca elétrica. Já houve flagrantes de pessoas que pularam a parede e chegaram às celas para entregar drogas, serra e chaves de fenda. No Natal passado, houve fuga de presos. O delegado improvisou duas chapas de ferro para fechar área de ventilação nos fundos das duas celas. 

Ações 

A Assessoria de Comunicação da Polícia Civil disse que, em relação à superlotação, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a Sejus e o Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) estão desenvolvendo ações para resolver a situação dos presos nas delegacias.

Sobre a permanência de homens na Delegacia da Mulher e a insegurança no prédio da Delegacia Regional, o órgão informou que homens e mulheres estão em celas separadas e que a unidade citada possui circuito de monitoramento eletrônico. 

A Sejus informou que desde a interdição diversas melhorias já foram realizadas na Cadeia Pública de Iguatu, como obras no esgotamento sanitário e nas instalações elétricas. A Secretaria ressaltou que o recebimento de novos presos é definido pelo Poder Judiciário e que está dialogando com o juiz para atender às demandas necessárias para a liberação da unidade.

Diário do Nordeste

Filho mata o pai com tiros de espingarda após desentendimento por posse de terras


Um homem de 44 anos matou o próprio paicom três tiros de espingarda calibre 32, por volta das 6h45min desta quarta-feira, 13, na zona rural de Aiuaba, município localizado no Sertão dos Inhamuns, e está foragido desde então. Segundo a Polícia Militar (PM), os dois já se desentendiam há cerca de um ano por causa da posse de terras. O filho de 9 anos do suspeito presenciou o crime.

O sargento Adamir Bandeira, comandante do Destacamento da PM de Aiuaba, afirma que pai e filho mantinham uma relação conflituosa na localidade de Sítio Troncos, apesar deles morarem perto um do outro. A distância entre as casas era de aproximadamente 20 a 30 metros. "O filho queria uma parte da terra, mas o pai não dava. Segundo a esposa do suspeito, ele tinha colocado uma cancela em determinado local entre as terras, e o pai foi arrancar a cerca, resultando no desentendimento", disse o militar ao O POVO Online.

O sargento conta que os dois iniciaram o desentendimento no roçado. No meio da confusão, o filho, identificado como Antônio Ademir Castro Rufino, alvejou o seu genitor com três disparos, atingindo o idoso no braço e no tórax, de acordo com a Polícia.

A esposa do suspeito disse à Polícia que o marido pediu, após o homicídio, que ela cuidasse dos dois filhos do casal - dois meninos de 4 e 9 anos. Conforme o sargento Bandeira, a mulher também contou que o filho mais velho do casal presenciou o "tiro de misericórdia" do crime. "Tudo começou no roçado, a vítima foi alvejada e correu em direção as casas da vizinhança e caiu. Em seguida, ele (o suspeito) deu o tiro de misericórdia. Segundo a esposa, a criança de 9 anos viu o último tiro", relatou o PM.

De acordo com o sargento, o suspeito tentou fugir em uma motocicleta, mas ao perceber a presença de viaturas da PM na localidade, ele abandonou a moto e empreendeu fuga a pé pelo matagal. A escopeta usada no crime e a motocicleta foram apreendidas.

Suspeito não tentou matar a mãe e a esposa
Em grupos de WhatsApp circularam informações de que o suspeito tentou assassinar a esposa e a mãe após o homicídio do pai. Segundo o sargento Bandeira, a história não procede. "Conversei com a esposa e com a mãe do suspeito. Esta informação é inverídica", comentou ele.

A PM do município continua com as buscas pelo suspeito. Policiais militares de Arneiroz e de Catarina ajudam no cerco policial.

O Povo Online