-->

16 de abril de 2016

Homem é executado dentro de veículo em Limoeiro do Norte


Um homicídio a bala foi registrado na manhã de hoje, no bairro Santa Luzia, no cruzamento das ruas Manfredo de Oliveira com Augusto Fidélis, próximo ao Hotel Bezerra.

A vítima identificada apenas como "Elder, filho do Bené", foi alvejado por vários disparos de arma de fogo dentro do seu veículo Golf.

Não se sabe ainda a motivação do crime. A polícia está investigando o caso.


Criminosos miram a PM e realizam cinco novos ataques

Em menos de 24 horas, outros cinco atentados criminosos foram registrados no Ceará. Desta vez, de forma audaciosa, as ações miraram a Polícia Militar. Um coquetel molotov foi arremessado contra o quartel do município de Sobral, na Região Norte do Estado, onde a Câmara dos Vereadores já havia sido atacada. Em Fortaleza, uma base do programa Crack, É Possível Vencer, foi alvejada por disparos de arma de fogo. Houve troca de tiros com um soldado, mas os criminosos conseguiram fugir. Não houve feridos. Ao todo, 11 ações foram registradas em 11 dias.


O ataque à base do Genibaú se deu na madrugada de ontem. Foi praticado por dois homens e está sendo investigado pela Polícia Civil, com o apoio da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e da Inteligência da PM. Já a ação contra o 3º Batalhão, em Sobral, ocorreu às 21h40min da quinta-feira. As investigações, ainda em aberto, apontam que os autores seriam do mesmo grupo que atacou a Câmara. O policiamento na cidade já havia sido reforçado, o que não inibiu os ataques.



Na mesma noite, a terceira antena de telecomunicações foi incendiada no Estado. Desta vez, o alvo foi uma torre localizada no bairro Canindezinho, em Fortaleza. Homens atearam fogo em dispositivos de transmissão do equipamento e fugiram. Em nota, a SSPDS apontou que as ações podem ter sido praticadas por oportunistas que querem “gerar uma sensação de insegurança para a população” e que os casos estão sendo investigados.



Veículos



Já na cidade de Tianguá, a 335,8 km de Fortaleza, houve duas tentativas de incêndio, contra um ônibus e um micro-ônibus. Na noite de quinta-feira, no Centro, dois homens utilizaram álcool para atear fogo em um ônibus que faz o transporte de universitários e estava parado em frente a uma faculdade. O fogo não se propagou e foi apagado.



Pela manhã, às 8h30min, houve a tentativa de incendiar um micro-ônibus, com o uso de gasolina. O fogo também foi apagado e a perda foi parcial. O veículo é usado no transporte escolar particular e foi atacado em frente à residência do proprietário, no bairro Aeroporto. Não houve feridos. A suspeita é que as mesmas pessoas estejam envolvidas nos dois fatos, visto que ambos os delitos foram cometidos com o uso de uma motocicleta de cor vermelha.



Saiba mais


A motivação dos ataques ainda é desconhecida. As investigações ocorrem de forma descentralizada e não há confirmação de que as ações estejam interligadas. Porém, uma das possibilidades apuradas pela Polícia Civil aponta para retaliação à legislação que determina o bloqueio do sinal de celulares no perímetro dos presídios do Estado.

O Povo Online

Governo propõe salário mínimo de R$ 946 para o próximo ano


O salário mínimo no próximo ano deve chegar a R$ 946, valor que consta do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2017, enviado nesta sexta-feira, 15, pelo governo ao Congresso Nacional. Pela proposta, o salário mínimo terá aumento de 7,5% a partir de 1º de janeiro.

Desde 2011, o salário mínimo é reajustado pela inflação do ano anterior, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas no país) de dois anos antes. A fórmula valerá até 2019.

Pela proposta, o salário mínimo passará para R$ 1.002,70 em 2018 e R$ 1.067,40 em 2019. Os reajustes também seguem a fórmula estabelecida em lei.

Agência Brasil

Dilma sanciona lei que libera 'pílula do câncer'


A presidenta Dilma Rousseff sancionou nesta quinta-feira, 14, a lei que autoriza o uso da fosfoetanolamina sintética por pacientes diagnosticados com câncer e definiu a permissão como de relevância pública. O texto da lei, publicado no Diário Oficial da União, ressalta, entretanto, que a opção pelo uso voluntário da fosfoetanolamina sintética não exclui o direito de acesso a outras modalidades de tratamento contra o câncer.

A ingestão da substância, conhecida popularmente como “pílula do câncer”, poderá ser feita por livre escolha do paciente, que precisa ter um laudo médico que comprove o diagnóstico e assinar um termo de consentimento e responsabilidade.

Apesar de a posse e o uso da fosfoetanolamina estarem autorizados mesmo sem o registro da substância na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), os laboratórios só poderão fazer a produção, manufatura, importação, distribuição e prescrição da fosfoetanolamina sintética mediante permissão da Anvisa.

A autorização de uso é em caráter excepcional, enquanto estiverem sendo feitos estudos clínicos acerca da substância.

Testes

Diante da expectativa gerada em torno do efeito antitumoral da fosfoetanolamina, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação criou, no ano passado, um grupo de trabalho para testar a chamada pílula do câncer. O objetivo é investigar os efeitos da substância e esclarecer se a fosfoetanolamina é efetiva no combate à doença.
No último dia 30 de março, o ministério divulgou os primeiros testes, informando que o composto produzido pela Universidade de São Paulo (USP) não é tóxico, se administrado na quantidade estabelecida pela USP, três cápsulas de 330 miligramas cada, por dia. Por isso, sugeriu que a pílula fosse legalizada como suplemento alimentar para evitar também o contrabando e a venda no mercado paralelo.

O governo tem R$ 10 milhões em recursos para serem usados nas pesquisas – R$ 2 milhões já foram gastos. A fase de testes com a substâncias em animais está sendo concluída e deve seguir para as análises pré-clínicas e clínicas, em seres humanos.

Histórico

Sintetizada há mais de 20 anos, a fosfoetanolamina sintética foi estudada pelo professor aposentado Gilberto Orivaldo Chierice, quando ele era ligado ao Grupo de Química Analítica e Tecnologia de Polímeros da USP, campus de São Carlos. Algumas pessoas tiveram acesso gratuito às cápsulas contendo a substância, produzidas pelo professor, porém sem aprovação da Anvisa. Esses pacientes usavam a pílula como se fosse um medicamento contra o câncer.

Em junho de 2014, uma portaria da USP determinou que substâncias em fase experimental deveriam ter todos os registros antes de serem distribuídas à população. Desde então, pacientes que tinham conhecimento das pesquisas passaram a recorrer à Justiça para ter acesso às pílulas.

No dia 22 de março, o Senado aprovou o projeto de lei, sancionado hoje pela presidenta, para resolver essa questão do acesso e garantir aos pacientes com câncer o direito de usar a fosfoetanolamina, mesmo antes de a fosfoetanolamina ser registrada e regulamentada pela Anvisa.

No início deste mês, a USP denunciou o professor Chierice por crimes contra a saúde pública e curandeirismo. A universidade também fechou o laboratório em que eram produzidas as pílulas, já que o servidor técnico que produzia a pílula foi cedido à Secretaria Estadual de Saúde para auxiliar na produção da substância para testes sobre seu possível uso terapêutico. O Laboratório PDT Pharma, de Cravinhos (SP), é o laboratório autorizado pelo governo de São Paulo para sintetizar a substância.

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou a interrupção do fornecimento da pílula do câncer pela universidade após o fim do estoque. A Corte analisou um pedido feito pela USP contra uma decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) que determinava o fornecimento da substância a pacientes de câncer, sob pena de multa. Na decisão, o presidente do STF, Ricardo Lewandowski, disse que ao obrigar a universidade a fornecer a substância, as decisões já tomadas sobre o tema estariam desviando a instituição de sua finalidade e destacou que não há estudos que atestem que a fosfoetalolamina seja inofensiva.

Agência Brasil

Um homem é morto a tiros e outro fica gravemente ferido em Beberibe


Nesta sexta-feira, dia 15, por volta das 08h00min, Uma viatura da PM patrulhava pela estrada do Onofre, quando no caminho da Praia das Fontes, alguns populares que moram nas proximidades, informaram que escutaram vários disparos de arma de fogo próximo ao Hotel parque das fontes, chegando ao local indicado, os policiais visualizaram um indivíduo caído ao solo, com perfurações de disparos de arma de fogo, a vítima ainda estava com vida e foi socorrida pela viatura da Polícia Civil de Beberibe que passavam naquele momento próximo ao local da ocorrência. A vítima foi transferida para o Hospital IJF (FORTALEZA). Segundo informações, havia um segundo indivíduo baleado no mato, após uma varredura pelo local, foi encontrado um corpo ao solo, com várias perfurações na cabeça por arma de fogo, além de várias cápsulas de calibre 38 próximas ao corpo. Os policiais entraram em contato com o SAMU que foram ao local e constataram o óbito. A vítima foi identificada como sendo, EDILSON PIRES DA SILVA, de 37 anos residente em Beberibe. Compareceram ao local à perícia e o rabecão. Foi informado que ambas as vítimas tem várias passagens pela polícia, e que são ex- presidiários. A composição PM fez várias diligências no intuito de prender os possíveis autores do homicídio e tentativa de homicídio, mas, até o momento nada encontrado. 

Com Informações do 1ºBPM

Homem é preso em flagrante por furto à escola e de animal em Russas


Nesta sexta-feira, dia 15, por volta das 23h30min, na localidade de Pitombeira II, próximo a Escola Juarez Santiago de Lima, em Russas-CE, foi preso TALES ITALO MAIA DE SOUSA, 19 anos, natural de Russas, o qual minutos atrás havia furtado um botijão de gás de cozinha da referida Escola e em seguida furtou um cavalo alazão de uma senhor de 64 anos. Os PM do Ronda do Quarteirão efetuaram a prisão do infrator e conduziram o acusado a DPC de Limoeiro do Norte-CE, onde o mesmo fui autuado em flagrante por furto. Vale ressaltar, que o cavalo furtado foi recuperado.

Com Informações do 1ºBPM