-->

12 de março de 2019

Russas CE - OFERTAS DE EMPREGO


AUXILIAR DE COZINHA
AUXILIAR DE COZINHA
COZINHEIRO DE RESTAURANTE
COZINHEIRO INDUSTRIAL
GARÇOM / GARÇONTETE
PROMOTOR DE VENDAS
SALGADEIRO
VENDEDOR INTERNO
VENDEDOR PORTA A PORTA

SINE/IDT de RUSSAS - Av. Cel. Araújo Lima, 1458A Centro.   Atendimento - 07:30 às 14:00 


Morre Eurico Miranda, ex-presidente do Vasco, aos 74 anos

    O ex-mandatário do clube vascaíno sofria de câncer no cérebro

Presidente do Vasco entre 2003 e 2008 e de 2015 a 2017, Eurico Miranda, 74, morreu nesta terça-feira (12), em um hospital da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, vítima de câncer no cérebro.

O dirigente estava em estado grave e não conseguia mais se alimentar nos últimos dias. Após encarar um câncer na bexiga e no pulmão nos últimos anos, o dirigente lidava com um tumor no cérebro desde 2018.


Ele também exerceu o cargo de vice-presidente de futebol do clube entre 1990 e 2002. Neste período, a equipe carioca conquistou o Brasileiro de 1997, a Copa Libertadores de 1998, a Copa João Havelange de 2000 e a Copa Mercosul de 2000. Em novembro, numa reunião do Conselho Deliberativo, já bastante debilitado, precisou de ajuda para se levantar e puxar o grito de Casaca.
Em 2017, completou 50 anos na vida política do Vasco em 2017 . Na oportunidade, disse que o esporte estava pior do que nos anos 1960 e colocou a culpa na profissionalização.

"Vejo esses executivos que vão pulando de um clube para outro e não entendo. Não existe mais a ligação que existia antigamente. Você estava no clube por sentimento, por amor à instituição", disse Eurico, responsável por montar grandes times vascaínos, como os que venceram os Brasileiros de 1989, 1997 e 2000, e a Libertadores de 1998.

Fora do esporte, o dirigente colecionou denúncias. Deputado federal por dois mandatos, o cartola admitiu que o pagamento de propina existe na política e no mundo do futebol. Mas garante que nunca se beneficiou. "Tenho certeza que para Bangu não vou", referindo-se ao complexo penitenciário do Rio.

Na CPI do Futebol, concluída em 2001, o cartola foi indiciado por apropriação indébita do dinheiro do Vasco e falsidade ideológica por uso de "laranja" em desvios de recursos do clube. Ele rebate as acusações.

"Aquilo foi uma briga política. Após a CPI, fui investigado pelo Ministério Público, pela Polícia Federal, mas o resultado quase ninguém publica. Fui absolvido em tudo", defende-se o cartola.

Red; DN 

Quixadá CE 9º BPM


PEDRA BRANCA  ACIDENTE DE TRÂNSITO COM VÍTIMA FATAL

Dia 11/03/2019, por volta das 18h50min, o Copom foi informado sobre um acidente envolvendo duas motocicletas na estrada próxima ao açude Trapiá, com várias vítimas ao solo. De pronto acionamos a composição da VTR 9182, chegando ao local verificou-se que se tratava de uma colisão frontal entre duas motocicletas, com 03 (três) vítimas, sendo uma em óbito, constatado pela Equipe do SAMU e 02 (duas) com fraturas, que foram socorridas pelo SAMU e uma ambulância do município para o Hospital local. Comunicamos o fato à Delegacia Regional de Polícia Civil de Tauá/CE, para que adotassem as medidas cabíveis.



PEDRA BRANCA  ATROPELAMENTO

Dia 11/03/2019, por volta das 20h, o Copom foi informado sobre um atropelamento na Rua Tenente Almeida, próximo ao Fórum deste município, envolvendo uma motocicleta e um pedestre. De pronto acionamos a composição da VTR 9182, chegando ao local foram informados que à vítima já teria sido socorrida ao Hospital local, o mesmo teve fratura exposta na perna esquerda e depois de socorrido pela equipe plantonista foi transferido para o IJF em Fortaleza. Informo-vos, ainda, que foram feitas diligências para localizar o veículo causador do atropelamento, mas até o fechamento deste relatório, não obtivemos êxito.



QUIXERAMOBIM
APREENSÃO DE ARMA E DROGAS

Dia 11/03/2019, por volta das 16h30min, o COPOM recebeu uma ligação via 190 dando conta que na Travessa João Tertuliano, bairro Matadouro, Quixeramobim-Ce, 02 (dois) indivíduos estavam traficando drogas e um deles estava de posse de uma arma de fogo. A composição do BP RAIO 02 e a VTR 043, foram acionadas para atender a ocorrência onde ao chegarem comprovaram a veracidade da informação. Os indivíduos foram identificados. Em poder dos indivíduos foi encontrado 01 (um) revólver da marca Taurus, com capacidade para 05 (cinco) tiros; municiado com 04 (quatro) munições, sendo 01 (uma) intacta e 03 (três) deflagradas e 130 (cento e trinta) gramas de maconha. Diante dos fatos os indivíduos foram conduzidos juntamente com o material apreendido até a Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá-Ce, onde foram apresentados à Autoridade Policial para adoção das medidas cabíveis.

RUSSAS APREENSÃO DE MENOR POR TRAFICO DE DROGAS

Por volta das 10h foi apreendido em flagrante o menor J W S vulgo “De Menor” natural de Russas, residente na Rua Miguel Reinaldo Maciel, sem número. O menor foi abordado pela equipe raio 12, na Rua Ocion Lopes da Silveira, bairro Várzea Alegre, e com o mesmo foi encontrado uma trouxa de maconha. O indivíduo foi indagado sobre a procedência da droga onde o mesmo informou que fazia parte de venda diária. A equipe deu procedência a ocorrência indo até a residência do mesmo onde foi encontrado também 10 pedras de crack e sacos para embalar a droga. O mesmo foi conduzido à DRPC de Russas para os procedimentos cabíveis.

RUSSAS VIOLENCIA DOMESTICA

Por volta das 10h, na localidade de Miguel Pereira, foi vítima de violência doméstica a senhora Maria de Fátima Teixeira Moura 20 anos, natural de Uruburetama, residente na localidade de Miguel Pereira zona rural de Russas. A vítima informa que foi agredida pelo seu esposo, o senhor Nazário Xavier da Costa 31 anos, natural de Limoeiro do Norte, oleiro, residente na Rua: Edurval Xavier Pinto, Miguel Pereira, zona rural de Russas, com um soco no olho direito. A CP 1761 fez rondas na região e encontrou acusado na localidade de Flores, zona rural de Russas, ao qual foi dada voz de prisão e conduzido a DRPC de Russas para os procedimentos cabíveis. O mesmo foi enquadrado no artigo 7ºinciso 12 da Lei Maria da Penha, bem como no artigo 129. parágrafo 9º e 147 do CTB.