-->

6 de abril de 2019

Quixada CE


QUIXERAMOBIM ARROMBAMENTO / FURTO

Dia 06/03/2019, por volta das 06h30min, o COPOM recebeu uma ligação via 190 informando que ocorrera um arrombamento/furto no endereço acima descrito. A composição da VTR 9331, foi acionada para atender a ocorrência onde ao chegar comprovou a veracidade da informação. A vítima foi identificada como sendo a comerciante F. S. O. S., casada, natural de Quixeramobim-Ce,  residente  no Bairro Monteiro de Morais, Quixeramobim-Ce, que informou aos policiais que ao acordar hoje pela manhã desconhecidos haviam destelhado sua residência e furtado 03 (três) telefones; sendo 01 da marca Blu, 01 da marca LG, modelo K10, 01 (um) da marca Samsung e a quantia de R$ 372,00 (trezentos e setenta e dois reais), a mesma não soube informar a que horas o fato aconteceu. OBS: A VTR realizou diligências na área onde se deu o delito, porém os autores não foram localizados nem identificados.



PEDRA BRANCA FURTO DE MOTOCICLETA

Dia 06/04/2019, por volta das 08h30min, fomos informados via 190, que teria ocorrido um FURTO DE UMA MOTOCICLETA, Honda Titan 125, de placa CFV 0591, de cor azul, ano 1997, com inscrição de Pirassununga/SP, na Rua Elício Abreu, Bairro Bagaço, a vítima de nome C. B. S., natural de Cuiabá/MT, residente na Rua Maria Alves de Mesquita, Bairro Santa Maria, teria estacionado sua motocicleta na área comercial do bagaço, enquanto realizava compras nos comércios, e quando retornou para sair em sua motocicleta, a mesma não estava mais lá onde a deixou, os PMs foram ate o local, e constataram a veracidade do fato, e começaram a diligenciar em busca de informações que levassem ao(s) autor(es) deste delito, porém, até o presente momento, sem êxito.


45 pessoas são detidas e 34 celulares apreendidos em operação da Polícia Civil em Juazeiro do Norte

           
Elas foram detidas para prestar depoimento sobre receptação de celulares

Os celulares foram rastreados após consulta à Identificação Internacional de Equipamento Móvel (Imei) dos dispositivos

A Polícia Civil do Ceará apreendeu 34 celulares e conduziu 45 pessoas para a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte para prestarem depoimentos sobre receptação, neste sábado (6). As ações são resultado da segunda fase da operação "Cellare", que investiga crimes de roubo de aparelhos telefônicos na Região do Cariri. 

Os celulares foram rastreados após consulta à Identificação Internacional de Equipamento Móvel (Imei) dos dispositivos. A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que todos os aparelhos serão devolvidos aos seus legítimos proprietários nos próximos dias. 


Cerca de 40 policias participaram da força-tarefa deflagrada neste sábado pelo Núcleos de Defraudações, de Roubos e Furtos e de Combate ao Tráfico de Drogas do Cariri. 

A primeira fase da operação foi deflagra em fevereiro deste ano, também em Juazeiro do Norte, e apreendeu 15 celulares.  Na época, 15 pessoas foram detidas para prestar depoimento sobre receptação. 

Boletim de Ocorrência 

A Polícia Civil alerta para a importância do registro do boletim de ocorrência (B.O) em casos de roubos e furtos de celulares, para poder recuperar os aparelhos. A vítima pode fazer o B.O online ou em delegacias. 

Além disso, a polícia orienta que a população não compre celulares sem nota fiscal, já que os objetos podem ser frutos de roubos ou furtos, configurando crime de receptação. 

Red; DN 

Quixada CE


IBARETAMA CONDUÇÃO POR EMBRIAGUEZ AO VOLANTE

Dia 05/04/2019, por volta das 19h30min, a composição policial do Destacamento do Município de Ibaretama-CE, na RP 9341, foi acionada para o Assentamento na Zona Rural de Ibaretama-CE, pois o indivíduo A. J. M. N., amasiado, agricultor, natural de Quixadá-CE, residente na Rua Neto Brasilino, Centro Ibaretama-CE, o mesmo se encontrava embriagado e dirigindo o veículo VW/GOL I, de cor preta, Ano 1996, Modelo 1997,  de Placa: HVJ 2689, em alta velocidade fazendo manobras perigosas. A citada composição policial foi ao local e encontrou o acusado dentro do veículo, após a abordagem conduziu para DRPC de Quixadá, foi realizado exame etílico que mediu 1,04 mg/l, em seguida o Sr. A. J. M. N., foi autuado por embriaguez ao volante de acordo com o Artigo 306, Lei 9503, do Código De Trânsito Brasileiro. O veículo citado ficou apreendido na DRPC de Quixadá.



Trabalhadores cearenses são encontrados vivendo em condições precárias no Rio de Janeiro

Os cearenses, com origem nos municípios de Ararendá, Martinópole e Bela Cruz, trabalhavam em esquema de revezamento em cinco estabelecimentos do Rio

Nove trabalhadores cearenses foram resgatados no Rio de Janeiro vivendo em condições precárias em um alojamento do Centro cedido pelas empresas para as quais prestavam serviços. Segundo reportagem do G1 do Rio, ao todo, 10 trabalhadores foram resgatados por equipes da Superintência Regional do Trabalho (SRT) do Ministério da Economia e tiveram os contratos rescindidos.  

Os cearenses, com origem nos municípios de Ararendá, Martinópole e Bela Cruz, trabalhavam em esquema de revezamento em cinco estabelecimentos, sendo três restaurantes, um café e uma pastelaria, pertencentes a uma mesma família.  


Entre os problemas encontrados no dormitório improvisado onde os homens vivam, estavam: 

Infiltrações e goteiras, inclusive sobre as camas e redes nas quais os trabalhadores dormiam 
sujeira, com alegação dos trabalhadores que dividiam espaço com ratos e baratas 
forte calor, uma vez que não havia ventilação natural 
Luminosidade precária, com espaços sem luz elétrica 
fiação elétrica desprotegida 
ausência de extintores de incêndio 
divisórias improvisadas por material de madeirite, papelão, plásticos. Teto também com espaços revestidos por esses tipos de materiais 
chuveiros sem água quente e devassados 
dois vasos sanitários com as respectivas descargas sem funcionamento, sendo necessário a utilização de baldes com água para eliminação de dejetos 
roupas lavadas no banheiro do alojamento e secadas em varais estendidos nos espaços nos quais os trabalhadores dormiam, com forte cheiro de mofo 
ausência de cadeiras, sofás, mesas ou similar que permitisse que os trabalhadores descansassem em algum outro lugar que não fosse em cima das próprias camas ou redes 
inexistência de geladeira, o que obrigava a captação da água de restaurante, localizado no térreo do alojamento, com acesso externo, e a manutenção da água em temperatura ambiente (forte calor) 
ausência de armários, com as roupas de uso dos trabalhadores “guardadas” em baldes grandes de manteiga ou reunidas em sacos de lixo 
Foram pagos R$ 29 mil para os trabalhadores. Nove dos homens voltaram para seus municípios. O dono do estabelecimento deve firmar um novo TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) para melhorar as condições para futuros funcionários, segundo o G1. 

Um dos três irmãos proprietários dos estabelecimentos já havia firmado, em 2009, um TAC para melhorar o local de dormitório de seus funcionários, de acordo com a SRT. 

Res; DN 

CAMINHÃO TOMBA NA DESCIDA DA SERRA DE TIANGUÁ NESTA SEXTA (5)


O acidente ocorreu no inicio da na tarde desta sexta (05), na BR 222, na descida da Serra de Tianguá. 


O caminhão levava um carregamento de ketchup e tombou na lateral da pista. Não houve vitima grave, o motorista teve apenas escoriações consideradas leves e foi atendido rapidamente pelos profissionais da equipe do resgate de Tianguá. 

O acidente causou lentidão no transito em razão da pista ter ficado parcialmente interditada. 

(Ibiapaba 24 horas)


Homem sem uma perna corre e assalta motoristas no Rio de Janeiro; vídeo

A ação foi flagrada por câmeras de segurança; caso é investigado pelo 20º Batalhão da Polícia Militar de Mesquita (RJ)
Enquanto um dos suspeitos expulsa o motorista do veículo, o outro com apenas uma perna corre com arma em punho em direção ao comparsa

Um homem com apenas uma perna foi flagrado assaltando um motorista na cidade de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. A ação foi registrada por câmeras de segurança no último sábado (30), mas as imagens só foram divulgadas nesta sexta-feira (5)

Após perseguirem o carro da vítima próximo a rua XXIII, no bairro Jardim Tropical, os suspeitos em dois veículos, se posicionam na frente do carro do motorista que vinha logo atrás. 


As câmeras mostram dois suspeitos saindo do carro e correndo em direção à vítima, que ainda tenta dar uma marcha à ré, mas desiste diante da ameaça de um homem que aparece correndo com uma perna só e com a arma em punho. 


A deficiência física, porém, não o impede de seguir na direção do veículo alvo do delito. 

Por causa da deficiência, o assaltante armado se desloca, aos pulos, na direção da vítima. Na abordagem, o homem desarmado abre a porta do automóvel e expulsa o motorista. A vítima, na sequência, sai do veículo com as mãos para cima e foge do local.

O que está desarmado, então, assume a direção do carro que acabaram de roubar. O comparsa entra no lado do carona. Eles deixam o local em seguida.

Os dois carros em que os assaltantes chegaram ao local eram conduzidos por outros integrantes do bando, já que os dois desembarcam pelas portas traseiras dos automóveis.

A ação aconteceu a uma distância de cerca de quatro quilômetros do Batalhão da Polícia Militar de Mesquita, 20º BPM, responsável pela área; e também da 52ª DP (Nova Iguaçu).


Red; DN 

Volume do Castanhão sobe de 3,48% para 4,19% em um mês Por Honório Barbosa, regiao@verdesmares.com.br 22:07 / 05 de Abril de 2019 ATUALIZ

Reservatório começou a receber águas vindas do Vale do Salgado, no Cariri. Cerca de 60% da água que abastece o reservatório vêm do Vale do Salgado
As águas que vêm causando estragos na região do Cariri cearense trazem também esperança para o sertanejo. O maior açude do Ceará, o Castanhão, no Vale do Jaguaribe, começa a receber a primeira recarga deste ano. Cerca de 60% da água que abastece o reservatório vêm do alto sertão cearense, das chuvas que banham a maior parte da região do Cariri, ou seja, do Vale do Salgado. Depois de percorrer mais de 200 quilômetros pelo Rio Salgado, o recurso hídrico seguiu por Icó, Jaguaribe e Jaguaribara, na bacia do reservatório.

O volume do Rio Jaguaribe aumentou nas margens da velha Jaguaribara, enchendo de alegria os agricultores e piscicultores. A antiga passagem molhada está encoberta e a travessia é feita por barcos pelos moradores ribeirinhos.

REGIÃO

O Açude Castanhão acumula 4,2%, de acordo com dados do Portal Hidrológico da Companhia de Gestão de Recursos Hídricos do Ceará (Cogerh). O reservatório precisa “renascer” para que as atividades agropecuárias que dependem dele – agricultura e piscicultura – possam ser retomadas, e as famílias tenham trabalho e renda no campo. A maior e mais importante reserva hídrica do Estado é fundamental para o abastecimento humano do Médio e Baixo Jaguaribe e da Região Metropolitana de Fortaleza. “Isso aqui é uma riqueza para nós”, disse o criador de bovinos, Ediano Brito. “Há poucos dias estava tudo seco e o nosso medo era que o gado passasse sede”.

O Rio Salgado, que recebe as águas do Sul do Ceará, desemboca no Rio Jaguaribe, após a cidade de Icó. O recurso hídrico segue em direção à localidade de Mapuá e depois à cidade de Jaguaribe, onde há a barragem de Sant’Ana, com balneário. Em seguida passa às margens da antiga cidade de Jaguaribara, que foi encoberta pelas águas do Castanhão, pela primeira vez, em janeiro de 2004. 


Na manhã desta sexta-feira, Maria do Carmo Marques e seu neto foram visitar as ruínas da velha Jaguaribara e ver o espetáculo da força da água escorrendo entre rochedos e as barreiras do Rio Jaguaribe. “É a primeira cheia deste ano e sempre que o rio tem água tudo fica muito bonito”, disse. “O plantio e a alimentação para o gado vão crescer”.

Moradora da cidade velha, Maria do Carmo compara com saudade: “Era uma cidade pequena e rica, não faltava nada, tinha tudo, as pessoas se conheciam. A nova Jaguaribara não tem emprego, não tem como plantar nada”, lamenta.

A professora do ensino fundamental, Edenúbia Bezerra da Silva, disse que estudou por dois anos na antiga Jaguaribara. “Tenho saudade das festas, dos colegas”, frisou. Os moradores lamentam a liberação de água para outras regiões. “O açude seca, fica ruim para nós, para os agricultores e pescadores”, disse o produtor rural, Elenízio Diógenes.

Pelo menos nos próximos cinco dias, o Castanhão deve continuar recebendo as águas da região do Cariri. No início do mês de março, passado, o reservatório acumulava 3, 48% e a partir desta data a reserva hídrica começou a subir devido às chuvas na bacia. Em 15 de março chegou a 3,58% e ontem chegou a 4,19%.

O clima é de alegria entre os agricultores e criadores de animais, mas de cautela entre os piscicultores. Para a retomada de parte dos projetos de criação de tilápia, o reservatório precisa atingir pelo menos 15%. “O nosso temor era de que não houvesse nenhuma recarga neste ano”, disse a secretária de Desenvolvimento, Aquicultura, Pesca e Turismo de Jaguaribara, Lívia Barreto. 

Red; DN: