-->

10 de julho de 2018

Barcelona oficializa a contratação de Arthur


arthur

O Barcelona anunciou oficialmente a contratação do volante Arthur, do Grêmio, em um comunicado divulgado na segunda-feira à noite. De acordo com o Barça, o brasileiro de 21 anos assinou contrato por seis temporadas.

A transferência custou 31 milhões de euros, mais uma quantia que pode chegar a nove milhões de euros dependendo do desempenho do atleta. A cláusula de rescisão foi estabelecida em € 400 milhões.

Arthur conquistou a Copa Libertadores da América de 2017 com o Grêmio e foi designado o melhor jogador da final contra Lanús.olante de 21 anos assinou contrato por seis temporadas

Red; DN

Lucas - Celulares e Informática

Motoristas rodoviários iniciam greve no Ceará




greve

O principal impasse entre as duas classes é em relação à jornada de trabalho

Rodoviários intermunicipais e interestaduais paralisaram as atividades nesta terça-feira (10), manifestando desde as 4h da madrugada no terminal rodoviário de Juazeiro do Norte e às 9h na rodoviária Engenheiro João Thomé, em Fortaleza. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de transporte Rodoviário de Passageiros Intermunicipal e Interestadual (Sinteti), Carlos Jefferson, menos de 50% da frota em todo o Ceará não funcionou. 

“Estamos realizando um movimento legítimo e legal, seguindo todas as determinações da legislação”, enfatiza Carlos Jefferson. 

A administração da rodoviária Engenheiro João Thomé não se pronunciou sobre a greve à reportagem, explicando que cabe aos dois sindicatos uma decisão. A greve desta terça foi decidida em assembleia geral realizada no último dia 4, quando os profissionais rejeitaram a proposta do sindicato patronal, de 1,31% de aumento real no salário.

 Motivos
O principal impasse entre as duas classes é em relação à jornada de trabalho, que, na nova proposta do Sinterônibus, passaria de 44h para 24h semanais. “Um ataque”, para o Sinteti; “a realidade”, para o Sindicato patronal. “É uma questão fundamental que já existe, a do trabalhador que tem mais de um emprego para complementar a renda. Todo mundo conhece alguém nessa situação”, explica Mario Albuquerque. 

O temor do Sinteti é de que todos os trabalhadores, incluindo os mais antigos, sejam obrigados a seguir esta regra, o que, para Carlos Jefferson, resultaria numa precarização do ofício. É por esse motivo que ainda não houve convenção coletiva pela categoria. A última tentativa de negociação entre os dois sindicatos ocorreu no dia 15 de junho, mediada pelo Ministério do Trabalho. 

Na ocasião, segundo o Sinteti, não houve garantia de que os trabalhadores antigos não tivesse a jornada alterada.

O Sinterônibus, entretanto, assegurou que somente os admitidos dentro de um período definido entre ambas as partes obedeceriam às 24h semanais. “De forma alguma essa alteração aconteceria aos funcionários que já são treinados, muito menos haveria demissão”, garantiu Mario Albuquerque. 

Um termo aditivo foi passado a todos os funcionários da categoria, para que estas questões fossem resolvidas de forma individual, justamente por não ter se chegado a um consenso. O trabalhador que não assinou o termo perdeu alguns direitos, visto que o Sinterônibus não pode garanti-los sem a respectiva assinatura. Por isso, benefícios como vale-refeição, cesta básica e plano de saúde estão comprometidos para aqueles que não assinaram.

“O trabalhador muitas vezes não sabe, porque o sindicato que os representa não informa direito sobre o que acontece nas reuniões. E aí os motoristas seguem em dúvida sobre a real situação, o que é um problema”, define o presidente do Sinterônibus. O Sinteti garante: a paralisação pontual, quando há greve em determinado horário, vai continuar por tempo indeterminado, ou até que as partes entrem em um acordo. 

Até lá, o Sinteti trabalha para divulgar a informação de que passageiros não comprem passagens intermunicipais e interestaduais.

Maria de Lurdes Silva, 59, foi pega de surpresa pela paralisação. Viajaria para Marco, no norte do estado e, segundo ela, os funcionários da rodoviária alertaram de que o atraso não passaria de uma hora. Às 12h, ela não sabia o futuro da passagem para as 10h. 


Red; DN

Ex-vereador é executado dentro de escritório de advocacia

3 homens atiraram contra o advogado. Ele morreu na hora

 Saulo RobertoCrime

 Segundo informações do perito Leão, da Perícia Forense do Ceará (Pefoce), três homens chegaram em um veículo de cor preta e atiraram contra o advogado, que estava sentado em um sofá dentro do estabelecimento. 

Um criminoso saiu do carro e atirou mais 5 vezes contra Erivaldo, que morreu no local. Em seguida, os três suspeitos fugiram e ainda não foram localizados pela Polícia.

Erivaldo Rodrigues era policial civil aposentado, foi vereador por Caucaia em três mandados e exercia a profissão de advogado criminalista. Ele iria se candidatar a deputado estadual, neste ano.

Red; DN

Cinco açudes sangram no Ceará


Açude Maranguapinho

Dos 155 reservatórios monitorados pela Cogerh, 16,7% ou 26 estão em volume morto, entre eles, o Malcozinhado, em Cascavel, e Pompeu Sobrinho, em Choró

As recentes chuvas registradas no Ceará no início de julho trouxeram boas notícias para população do Interior. Dos 155 reservatórios monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), cinco estão sangrando: Itapajé (Itapajé); Itapebussu (Maranguape); Maranguapinho (Maranguape); Jenipapo (Meruoca) e Germinal (Palmácia).

o Portal Hidrológico do Ceará também informa que além dos cinco, outros 19 já sangraram esse ano: Acaraú Mirim; Angicos; Barragem do Batalhão; Batente; Caldeirões; Cocó; Colina; Diamantino II; Gameleira; Itaúna; Quandú; São Pedro Timbaúba; São José I; São Vicente; Tijuquinha; Tucunduba; Valério e Várzea da Volta. O Castanhão, em Alto Santo, está com 7,79% de seu volume total; e o Orós, na bacia do Alto Jaguaribe, registra 9% de reserva hídrica.

Dos 155 reservatórios monitorados pela Cogerh, 16,7% ou 26 estão em volume morto, entre eles, o Malcozinhado, em Cascavel; Pompeu Sobrinho, em Choró. Do total, oito estão secos: Faé; Monte Belo; Broco; Serafim Dias; Potiretama; Carão; Nova Floresta e Favelas.

O Estado registra atualmente 16,13% de seu volume total de 18,63 bilhões de metros cúbicos de água ou seja, três bilhões de metros cúbicos.

Blog; Erivando Lima / DN

Russas Ce plantão policial 09 07 2018

JAGUARIBE-CE

ACIDENTE COM VITIMA FATAL EM 

Ontem dia 09/07/2018, por volta das 17 h 30 min,  na cidade de Jaguaribe,  bairro Nova Brasília, (entrada da cidade) BR.116, KM 309, o Sr Jose Raimundo Vieira, casado, natural de Jaguaribe, o mesmo conduzia sua motocicleta HONDA ,  cor preta, PLACA P N O-9237, colidiu frontalmente com um caminhão MERCED BENZ que trafegava sentido interior Fortaleza1620 PLACA L W H 8901, cor preta, conduzido pelo SR. Francisco Maurilio da Silva  o condutor do veículo Mercedes informou que o citado motociclista fez uma ultrapassagem forçada indo na contramão  e veio a colidir com o mesmo.  O motociclista veio a falecer no local da ocorrência.

ALTO SANTO/CE  RECEPTAÇÃO

Ontem dia 09/07/2018, por volta de 11 h 30 min, na CE 138 nas proximidades do Bairro Jardim, Alto Santo-CE, a composição da CP 1134, abordou o veículo Volkswagen modelo Golf de cor branca, ano 2012/2012, placas N O F-9561, com a tarjeta do município de Mossoró-RN, que era conduzido por JUCA SOUSA DE OLIVEIRA, residente na Rua Osório Martins, 226, centro, Alto Santo-CE. Após consulta no sistema INFOSEG foi constatado que a placa do veículo na verdade é do município de Dourados-MS, e que os sinais identificadores do veículo, encontram-se com aparentes sinais de adulteração. O condutor juntamente com veículo foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil para serem realizados os procedimentos cabíveis.

TABULEIRO DO NORTE/CE
APREENSÃO DE VEÍCULO COM DESCARGA ADULTERADA

Ontem dia 09/07/2018 (segunda-feira), por volta das 21 h 37 min, foi apreendida na Rua Antônio Alves Maia; a motocicleta: Marca/Modelo: HONDA/CB 300 R, Cor: VERMELHA, Ano de Fabricação: 2013,Placa: O K A 6351, que era conduzida por CARLOS ALBERTO RODRIGUES 31 anos, natural de Tabuleiro do Norte-CE, residente na rua Avelino Magalhães em Tabuleiro do Norte-CE. A equipe da RP 1214, composta pelos PM’S, fizeram apreensão e condução do veículo para apresentação a autoridade competente para os devidos procedimentos.

Blog; Erivando Lima

Ferroviário vence o Campinense/PB nos pênaltis e conquista o acesso à Série C



comemorar torcida coral. O Ferroviário está de volta à Série C do Campeonato Brasileiro. Como diz a letra do hino oficial do clube, “salve, salve FAC, é o time dos maiorais”. 
Coroando uma campanha de superação e muita dedicação na Série D, o Tubarão da Barra conseguiu seu acesso de forma emocionante, batendo ontem à noite o Campinense nos pênaltis por 5 a 4 no Estádio Amigão, em Campina Grande, após derrota no tempo normal por 1 a 0. A vaga foi decidida nos pênaltis pelo Ferroviário ter vencido a partida de ida no Castelão por 3 a 2.

Com o principal objetivo na competição conquistado, o Ferrão pensa agora na luta pelo título da Série D: o time coral enfrentará o São José/RS na semifinal. O primeiro jogo será no Castelão e o de volta no Passo da Areia, no Rio Grande do Sul. As datas ainda serão definidas pela CBF.

Com o acesso, o Ferrão jogará a Série C em 2019 pela 13ª vez em sua história. O clube não disputa a ‘Terceirona’ nacional desde 2006, ano no qual quase conquistou o acesso, terminando na 5ª colocação.

Após ter vencido a primeira partida no Castelão, o Ferroviário sabia que tinha uma vantagem, de jogar por qualquer empate, mas para conquistar o acesso, era preciso segurar a grande pressão no lotado estádio Amigão. Precisando de pelo menos, um gol para se manter vivo, o time paraibano foi para cima em busca no gol desde o início.

Aos 8 minutos o primeiro susto. Em bola levantada na área por Alex Murici, Denilson subiu mais alto que todo mundo e cabeceou para fora, vendo a bola passar por cima do gol de Glebson.

Pressionado, o Ferroviário assustou apenas aos 23 minutos. Em cobrança de falta aos 23, a defesa da Raposa tentou cortar, a bola bateu em Edson Cariús e obrigou o goleiro Jeferson a fazer grande defesa, impedindo o que seria o primeiro gol coral. Empurrado pela sua torcida, o Campinense pressionou em busca do gol. Com os velozes Alex Murici e Danilo Bala, os donos da casa deram trabalho, com a defesa coral precisando se desdobrar para manter o placar de zero a zero no 1º tempo.

Emoção

Se o primeiro tempo foi equilibrado, o segundo foi do Campinense, que abriu o placar com 4 minutos. Após cobrança de escanteio, Luís Fernando errou o cabeceio e Jorginho fez de bicicleta, marcando um golaço para a Raposa: 1 a 0.

O placar levava a decisão para os pênaltis, mas o Campinense aumentou a pressão, procurando decidir no tempo normal. Acuado, o Ferrão teve trabalho para segurar a pressão e já perto do fim do jogo, aos 44, o goleiro coral, Gleibson, fez uma espetacular defesa que garantiu a decisão nos pênaltis, em chute de Alex Murici no ângulo.

Nas penalidades máximas, os corais bateram bem, convertendo suas cobranças. Quando Felipe Macena mandou na trave, a esperança coral pelo acesso aumentou. 

Para o pênalti decisivo, Edson Cariús foi para a bola e o artilheiro não desperdiçou, iniciando a festa coral na Paraíba.

Ficha técnica

Campinense 

Jefferson, Alex Murici, William Goiano, Rafael Jansen, Felipe Macena, Zeca, Danilo Bala, Marcelinho, Jorginho, Marcinho, Denílson, Rodrigo Silva, Thiago Potiguar  e Jackinha

Técnico: Ruy Scarpino

Ferroviário

Gleibson, Gustavo, Vitinho, Luis Fernando, André Lima, Mazinho, Sávio, Gleidson, Lucas Mendes, Esquerdinha, Leanderson, Janeudo, Luis Soares e Edson Cariús

Técnico: Marcelo Vilar

Competição: Campeonato Brasileiro - Série D;
Local: Amigão, em Campina Grande (PB); 
Data: 9 de julho de 2018; Horário: 19h; 
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP);
Assistentes: Danilo Ricardo (SP) e Daniel Cataneo (SP)

Nome do jogo

Gleibson

O goleiro do Ferroviário fez uma defesa decisiva para o acesso aos 44 minutos do 2º tempo, em chute que foi buscar no ângulo

Red; DN

Jogo do Ceará contra o Sport será no Presidente Vargas


Torcida Ceará

A CBF divulgou, nesta segunda-feira (9), a mudança do jogo do Ceará contra o Sport de Recife - PE da Arena Castelão para o estádio Presidente Vargas. A partida está marcada para quarta-feira (18), às 19h.

A pedido da diretoria do Ceará, o jogo foi transferido para o PV, lugar onde o clube lutou, em 2015, contra a queda para a Série C. Bem menor que a Arena Castelão, a diretoria alvinegra espera que o estádio vire um "caldeirão" com a força da torcida nas arquibancadas para ajudar a equipe nesse retorno do Brasileirão.

Ao entrar em campo contra a equipe pernambucana, o Vovô estará completando 100 dias sem vencer. Com apenas 5 pontos em 12 jogos, a equipe alvinegra amarga a laterna da competição com 7 derrotas e 5 empates.

Veja a nota oficial no site da CBF.