-->

3 de setembro de 2018

Prefeito de Quixadá anuncia exoneração em massa do secretariado



Na manhã desta segunda-feira (03), os secretários municipais de Quixadá que ainda estavam na gestão foram exonerados, a ação do gestor foi publicado no Diário Oficial do Município. Higo Carlos Cavalcante, secretário de cidadania não esperou pala exoneração, adiantou-se e pediu seu afastamento da pasta.

O prefeito João Paulo deve na manhã desta segunda-feira ainda anunciar seu novo secretariado, a uma expectativa também sobre os concursados que tem até hoje segundo recomendação judicial para se ter sua homologação anunciada. Chegou a informação a nossa Redação de que o mesmo havia recorrido a justiça e aguarda pronunciamento  da justiça.

SECRETÁRIOS EXONERADOS:

JULIANA CAPISTRANO CÂMARA – Secretária de Saúde.
JOSÉ AUDÊNIO MORAES DA SILVA – Secretário de Esporte e Juventude
MARIA ROSILENE BURITI LIMA – Secretária de Desenvolvimento Social
PEDRO FELIPE DIOGENES BAQUIT -Secretário Des. Econômico e turismo.
JOSÉ KLEBER BEZERRA JÚNIOR – Secretário de Agricultura.
APARECIDO HILDENIO ALVES DUTRA – Secretário de Planejamento e finanças.
MAÍRA MARQUES DIAS – Secretária de Administração.
JOSÊNIA FRANÇA – Secretária de Educação.
RAUL DE SANTA HELENA MATIAS – Diretor Geral da UPA.


BLOG; ERIVANDO LIMA / DIÁRIO DE QUIXADÁ


Três homens são presos com carga roubada avaliada em R$ 30 mil em Messejana



Três homens foram presos em flagrante, no último dia 23 de agosto, no bairro Messejana, na Capital, por receptação de carga de café roubada. Antônio Lemos Rabelo, de 42 anos, Manoel Bento Guimarães Neto, 48, e Jackson Arruda da Silva, 25, foram detidos por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC) quando descarregavam a mercadoria, avaliada em R$ 30 mil, em um comércio da região.

Segundo o titular da DRFVC, Adriando Felix, o comerciante Antônio Lemos teria comprado a carga para pagar uma dívida a Manoel Bento, também comerciante. Ambos foram indiciados por receptação qualificada. Já Jackson Arruda estava transportando a mercadoria em um veículo roubado e com placa clonada. Ele foi autuado por receptação de veículo roubado e adulterado e por receptação de carga. O motorista era o único que já tinha passagem pela polícia, por porte ilegal de arma de fogo.

Um outro comerciante identificado como Francisco José Pontes da Silva, de 49 anos, teria intermediado a venda da mercadoria com Antônio. Ele foi autuado por receptação qualificada, mas não foi preso porque não estava no local no momento do flagrante. Francisco José já responde a outros cinco processos criminais por receptação e um por estelionato.

Ainda conforme o delegado, a mercadoria foi roubada no dia 17 de maio, em Messejana, por uma quadrilha especializada em roubo de carga. A ordem teria partido de dentro do presídio.

A principal suspeita da Polícia, segundo Felix, é que Francisco José tem contato direto com a quadrilha e por isso conseguiu acesso à carga. O delegado ressalta que os comerciantes Antônio Lemos, Manoel Bento e o motorista Jackson Arruda não fazem parte da quadrilha que roubou a carga.

A mercadoria e o veículo apreendidos foram restituídos aos proprietários.

Red; DN

Eles gostam da população ou é mesmo do saco de onça com peixe ?

É impressionante como pessoas  que se dizem lideranças entre eles ( vereadores, suplentes de vereadores, etc; ) passam o tempo todo falando que estão trabalhando pela sua cidade mintas das vezes a realidade é outra é só bafo de boca. Russas tem sofrido bastante com a falta de um representante na Assembleia Legislativa, pois aqueles que foram eleitos contando com os votos do povo russano, mais que nada fizeram pela cidade de Russas. Depois de 4 anos voltam para novamente enganarem  ou tentar enganar a sociedade russana. 
O mais incriável é que pessoas que se dizem defensores do povo volta a dar apoio a esses que na fazem pela cidade de Russas.

Obs; será que realmente gostam do russano ou da sacola de onça com o saco e peixe ? 

Blog; Erivando Lima 

   

Alta do diesel preocupa setores do Ceará e deve elevar preços



Mal iniciaram a recuperação dos efeitos negativos da greve dos caminhoneiros, encerrada há três meses, setores produtivos cearenses já estão novamente preocupados com o quadro de possíveis paralisações. A alta de mais de 13% do diesel pela Petrobras na última sexta-feira (31) agravou a situação de impasse entre a categoria e o governo. Cientes dos desgastes, indústria e comércio alertam que o encarecimento do frete, ocasionado pelo aumento diesel, deve elevar os preços dos produtos.

"Obrigatoriamente esses aumentos vão ser repassados aos consumidores. A alta do diesel acaba onerando uma série de pontos, como a logística dos produtos e os custos industriais. Isso também reduz o poder aquisitivo da população. Um ponto interessante que vale destacar é que parte substancial do preço dos combustíveis se deve aos impostos", explica o economista da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), Guilherme Muchale.

Red; DN

LIMOEIRO DO NORTE-CE APREENSÃO DE MENOR POR ROUBO


LIMOEIRO DO NORTE-CE APREENSÃO DE MENOR POR ROUBO

Ontem dia 02/09/2018 (Domingo), por volta das 14 h 45 min, foi recebido denúncia pela equipe da VTR RAIO 037, de que um indivíduo havia praticado um roubo na Rua Sabino Roberto, próximo a Praça do Patronato, o mesmo foi localizado, com o produto do roubo no Conj. Estrada das Flores, próximo à ARENINHA, periferia de Limoeiro do Norte-CE, momento em que foi dada a voz de prisão, tratando-se do menor, de 17 anos, estudante, residente no Conj. Estrada das Flores, quadra “G”, 27, Limoeiro do Norte-CE, que foi conduzido a DPC de Russas-CE, para as providências cabíveis. 


RUSSAS-CE ACIDENTE DE TRANSITO


RUSSAS-CE ACIDENTE DE TRANSITO DOS FATOS: 

Ontem dia 02/09/2018 (domingo) por volta de 19 h 20 min, foi vitima de acidente de transito a Sr ANTONIO RODRIGUES DE SENA solteiro, agricultor, natural de Jaguaretama, residente no Sítio Parelhas, Zona Rural de Russas  e a Srª VALDENRA DA SILVA PEREIRA, solteira, agricultora, natural de Russas, residente na Rua Raimundo Nonato De Lima, Alto Do Velame, Russas)  que as vitimas estavam em uma moto HONDA/CG 125 FAN KS, de cor preta, de placa NUZ-8747,  conduzida pelo ANTONIO RODRIGUES DE SENA  quando foi colhida por um veiculo de características não anotadas, onde o condutor do veiculo evadiu-se sem prestar socorro as vitimas, que sofram algumas escoriações e foram socorridas por uma equipe de Socorristas do SAMU , e compareceu uma equipe do DEMUTRAN , bem como a viatura RP 1661  estiveram no local dando apoio às equipes do DEMUTRAN e SAMU. 


Juiz proíbe propaganda de Eunício com Lula, Camilo e Cid


Image-0-Artigo-2448036-1

Embora nas ruas o senador Eunício Oliveira (MDB), que busca reeleição, faça campanha com o governador Camilo Santana (PT) e com o também candidato ao Senado Cid Gomes (PDT), no horário eleitoral gratuito em rádio e televisão ele não pode mais utilizar as vozes, imagens ou os nomes do petista e do pedetista, assim como do ex-presidente Lula (PT). A proibição foi determinada em decisão liminar do juiz eleitoral José Vidal Silva Neto, atendendo a pedido de liminar ajuizado pela coligação "Tá na hora de mudar", formada por PSDB e PROS.

Na representação ajuizada contra a coligação "A força do povo", formada por MDB, PHS, Avante, Solidariedade, PSD, PSC, Podemos e PRB, e também contra o próprio senador Eunício Oliveira, os advogados da coligação PSDB-PROS sustentam que, em vídeo exibido no primeiro dia de propaganda eleitoral em rádio e televisão, o emedebista e a coligação "utilizaram imagens de candidatos de coligação adversária, deixaram de apresentar janela com intérprete de libras e legenda partidária, além de mostrarem cenas externas sem a presença do candidato".

O juiz também determinou que Eunício e a coligação se abstenham de veicular cenas externas sem a participação pessoal do candidato e, ainda, propaganda sem janela de libras e sem legenda partidária. Em caso de descumprimento, o magistrado fixou multa diária de R$ 10 mil, sem prejuízo de outras sanções legais cabíveis. Ele determinou a notificação dos representados sobre a decisão, para que apresentem defesa no prazo legal. O pedido de liminar foi deferido no último sábado (2).

Na decisão, o juiz argumenta que a análise dos artigos 53-A, 54 e 58 da Lei das Eleições, em conjunto com o artigo 242 do Código Eleitoral, "é capaz de gerar a conclusão" de que a presença de Camilo, Cid e Lula no programa de Eunício "caracteriza-se como irregular". Além disso, José Vidal Silva Neto diz que "a apresentação de imagens de candidatos que não pertencem ao mesmo partido e nem ao menos estão coligados gera confusão nos eleitores".

A assessoria de Eunício Oliveira informou ao Diário do Nordeste que o senador ainda não foi notificado sobre a decisão. Na prática, embora esteja em coligação governista diferente da que reúne Camilo Santana e Cid Gomes, o emedebista é aliado do governador e faz campanha com o petista e o pedetista.

Red; DN