-->

27 de julho de 2019

Jovem mãe de dois filhos é assassinada a tiros quando trabalhava vendendo tênis

Ana Tainara foi morta com um tiro na nuca no Conjunto Jereissati 3, em Maracanaú.
Subiu para 121 o número de mulheres assassinadas no Ceará em 2019. A mais recente vítima era uma jovem de apenas 20 anos, mãe de duas crianças de 1 e 3 anos de idade. Ela foi morta, a tiros, no fim de manhã desta sexta-feira (26), em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O caso está sendo apurado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que tem duas linhas de investigação.

Ana Tainara Matias Duarte estava trabalhando no calçadão do Conjunto Jereissati 3. Ela vendia calçados e no momento do crime carregava um saco com vários pares de tênis, segundo informou a Polícia. De repente, um homem se aproximou de Tainara e disparou um único tiro em sua cabeça. A bala atingiu a nuca da jovem, que caiu morta no asfalto, enquanto o atirador fugia do local em uma motocicleta pilotada por um comparsa.

A Polícia informou que o crime pode estar relacionado às atividades comerciais da vítima, uma disputa por espaço para vendas no local do crime. Outra linha de investigação aponta para um suposto feminicídio (passional).

Outro crime

Um flanelinha foi assassinado, a tiros, na tarde de ontem (26), no bairro Presidente Kennedy, na zona Oeste de Fortaleza. De acordo com a Polícia, a vítima, identificada apenas por Vando, foi atingida por vários tiros disparados por um homem que estava em uma bicicleta.

Policiais do DHPP estiveram no local em busca de informações e souberam que o rapaz estava trabalhando naquele local há cerca de quatro meses, logo após a morte do pai. (CN7)

Fonte; Sobral 24