-->

1 de fevereiro de 2017

Ex-presidiário é preso acusado de assassinar professora na cidade de Quixadá


A polícia prendeu no início da noite desta quarta-feira (01) o principal suspeito de ser o autor do assassinato da professora Socorro Gomes Ferreira, 48 anos.

O acusado é ex-presidiário e foi identificado como Ernandes Benjamim de Paiva, vulgo “Guelé”, 24 anos, natural de Quixadá. Ele foi preso na Rua do Corte, no Bairro Campo Novo. Quando a polícia chegou na residência do mesmo, ele tentou se evadir, mas foi capturado.

Apesar da pouca idade, Ernandes já possui uma extensa ficha criminal, responde a pelo menos 7 crimes, entre eles: Art. 129, Art.147, Art.330, Art. 331 do Código Penal Brasileiro. Ele estava preso em Quixeramobim e havia saído da cadeia recentemente, mais precisamente no mês de novembro.

Segundo informações de populares, o acusado estaria seguindo a vítima, quando avistou populares e tentou disfarçar, fingindo estar praticando cooper. Após despistar as pessoas, ele teria cometido o crime.

Ao ser preso, ele negou a autoria do assassinato, mas em seu pescoço foram encontradas diversas marcas de unhas, o que poderá comprovar sua participação no crime. Ele teria assassinado a vítima por estrangulamento.

A Polícia Civil continuará dando prosseguimento as investigações, para saber se “Guelé” teria agido sozinho ou teve a ajuda de algum comparsa para cometer o crime.

Fonte Mpnolitos ´post