-->

24 de setembro de 2015

53 mortes em 4 dias desta semana no Ceará. Somente na quarta-feira foram 12 homicídios


Subiu para 53 o número de assassinatos no Ceará em apenas quatro dias. A quarta-feira (23) teve o registro de, pelo menos, 12 casos de homicídios e latrocínios no estado. Entre os crimes, um caso de assalto seguido de morte ocorrido no Município de Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

A sequência de crimes começou ainda pela manhã, por volta de 6h30, quando um jovem identificado por Alexandre de Jesus, 26 anos,  foi baleado e morto na esquina das ruas Lagoa Azul e Daniel Brun, no bairro Colônia, na zona Oeste da cidade. Ele era ex-presidiário e estava seguindo para o trabalho, quando passou a ser seguido pelos assassinos desde que saiu de sua residência, na Rua Rosa da Fonseca.  Alexandre recebeu vários tiros e faleceu na UPA do bairro.

Depois, por volta de 10h30, um vendedor ambulante foi assassinado em plena feira-livre no bairro Canindezinho, na Avenida Jardim Fluminense, no Grande Bom Jardim. A vítima, não identificada no local, tentava vender alguns objetos na feira e  teria discutido com o motorista de um veículo. Minutos depois, um jovem apareceu ali e disparou dois tiros na nuca do rapaz, que morreu de joelhos próximo de uma banca.

No começo da tarde, a Polícia registrou mais um assassinato. Desta vez, na Rua Frei Vidal, no bairro Tauape, onde Carlos Henrique da Silva Brito tombou sem vida depois de baleado.

Sequência de assassinatos

Quando a noite chegou, veio uma sequência de homicídios nos quatro cantos da Capital. Foram assassinatos que mobilizaram a Polícia para os bairros da Aerolândia, Luciano Cavalcante, Vila Velha e Santa Cecília, além de Maracanaú, Horizonte e Paraipaba, todos na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

Entre os mortos, um jovem identificado como Álisson Duarte Paiva, que foi baleado, por volta de 20 horas,  na Rua Santa Liduína, no bairro Vila Velha, durante  tiroteio entre duas gangues. O confronto armado envolveu integrantes das quadrilhas dos “Gafanhotos” e “V-3”, grupos armados ligados ao tráfico de drogas e que já foram os responsáveis por dezenas de assassinatos nos últimos anos.

Latrocínio

Em Paraipaba, um homem foi assassinado a golpes de faca. Já no Município de Horizonte ocorreu um latrocínio (roubo seguido de morte), tendo como vítima, Sulivann Costa da Silva, assassinado pro bandidos no bairro Lagoinha.  Na manhã de hoje, a Polícia Militar prendeu um suspeito desse crime.

Também na noite de ontem, um traficante de drogas já bastante conhecido da Polícia acabou morto. Tratava-se de José Lustênio Costa Pontes, executado a tiros em sua residência, na Rua Ivo Rebouças, no bairro Luciano Cavalcante. Já na Rua Larga, no bairro Aerolândia, outro jovem foi fuzilado por conta da "guerra" entre as quadrilhas daquele bairro e a do Lagamar. 

Foram registrados homicídios, ainda, em Maracanaú e na cidade de Sobral, totalizando 12 assassinatos em um único dia, quarta-feira (23).

Blog do Fernando Ribeiro