-->

4 de dezembro de 2015

Russas lidera ranking de homicídios no Vale do Jaguaribe pelo segundo ano consecutivo


Os municípios de Russas, Limoeiro e Tabuleiro do Norte lideram a estatística de homicídios no Baixo Jaguaribe. Russas e Limoeiro encabeçando a lista pelo segundo ano consecutivo, e Tabuleiro do Norte pulou de 8º para terceiro no ranking.

De janeiro até novembro deste ano a soma de assassinatos nessas três cidades representa 51,98% do total nos 19 municípios que compreende a 1ª e 4ª Cia de Polícia do 1º batalhão de Polícia Militar. Completam o top 5 das mais violentas as cidades de Quixeré(20) e Aracati(15).

No ano de 2014 Russas registrou 66, Limoeiro 38, e Aracati 23 crimes de homicídios, formando o top 3 de municípios do Vale do Jaguaribe com maior taxa de homicídios daquele ano.

São números preocupantes para a polícia e para os moradores das cidades de Russas, Limoeiro e Tabuleiro do Norte, no que se refere a homicídios. Cada um dos municípios registrou, respectivamente, 52, 26 e 23 mortes, representando 58,66% do total de 179 homicídios nos 10 primeiros municípios com maior taxa de assassinatos do Vale do Jaguaribe.

Russas lidera com o número assustador de 52 mortes até novembro deste ano. Um dos casos que chocou a população foi o assassinato do empresário e político Aureliano Ribeiro, ocorrido dia 3º de julho, no bairro Catumbela. O crime ocorreu quando o mesmo saia de sua residência para o trabalho na qual foi surpreendido por um indivíduo armado que efetuou vários disparos contra o mesmo que morreu a caminho do hospital.

Em segundo lugar na lista esta o município de Limoeiro do Norte, registrando 26 assassinatos no ano de 2015. O caso mais chocante foi o do triplo homicídio acontecido no mês de Junho, no bairro Santa Luzia onde vitimou o mototaxista Geovane Mardênio, o agricultor José Carlos e o comerciante Ozenildo José que foram alvejados a bala por dois indivíduos armados no interior de um bar.

Já o município de Tabuleiro registrou 23 assassinatos só este ano. O caso mais recente foi o da localidade de Campos Novos, zona rural de Tabuleiro, onde o jovem Luan da Silva Chaves foi assassinado com 10 disparos de arma de fogo dentro de sua residencia.

Único município a não registrar nenhum homicídio foi Potiretama, a cidade não registrou nos últimos 2 anos ocorrências dessa natureza no destacamento da 3ª Cia/1ºBPM.

RESUMO DOS HOMICÍDIOS REGISTRADOS NA ÁREA DO 1ºBPM - AIS - ANO DE 2015


RESUMO DOS HOMICÍDIOS REGISTRADOS NA ÁREA DO 1ºBPM - AIS - ANO DE 2014


Redação Blog Erivando Lima