-->

19 de junho de 2015

Salmito propõe que Castanhão mude nome para "Açude Paes de Andrade"

O ex-deputado falecido na quarta, 17, enquanto exercia interinamente a Presidência da República, assinou a ordem para o início das obras

Deputado Faleceu na Quarta-Feira

O presidente da Câmara Municipal,Salmito Filho (Pros), propôs nesta quinta, 18, que o açude Castanhão tenha seu nome modificado para açude Paes de Andrade. O ex-deputado falecido na quarta, 17, enquanto era presidente da Câmara e exercia interinamente a Presidência da República, assinou a ordem para o início das obras.

Grande parte das falas durante a sessão foi em homenagem a Paes de Andrade, que uniu situação e oposição nas homenagens. A sessão foi levantada em homenagem ao ex-deputado por sugestão do vereador Luciram Girão (PMDB).

CÂMARA

Em Brasília, onde Andrade foi enterrado, homenagens também foram feitas. A Câmara de Deputados aprovou a realização, no dia 8 de julho, de sessão solene em homenagem a Antônio Paes de Andrade, ex-presidente da Casa falecido na última quarta-feira, 18. A sessão foi um requerimento dos deputados cearenses Danilo Forte (PMDB),Domingos Neto (Pros) e Odorico Monteiro (PT).

Em homenagem a Paes de Andrade, a Câmara também aprovou luto oficial de três dias. Na noite da quarta-feira, o presidente da Casa,Eduardo Cunha (PMDB), resistia em paralisar os trabalhos, afirmando que não tinha obrigação regimental de fazê-lo. De acordo com o blog Expresso, do portal da revista Época, o deputado quer apressar a votação da reforma política. Enfrentaria pressão de correligionários, entre eles Eunício Oliveira - genro do ex-deputado falecido - pela suspensão dos trabalhos. De acordo com o site da Câmara, entretanto, os trabalhos estão mantidos.
Redação O POVO Online