-->

15 de abril de 2019

Chefes de facção cearense são presos no Recife; um deles teve participação na Chacina das Cajazeiras

Os dois viviam em apartamentos de luxo no Bairro Boa Viagem, área nobre do Recife
A polícia civil do Ceará prendeu dois homens considerados chefes de uma organização criminosa cearense neste fim de semana no Recife, Pernambuco. Um deles foi denunciado pelo Ministério Público do Ceará por participação na chacina das Cajazeiras, ocorrida em janeiro de 2018.  

Os dois viviam em apartamentos de luxo no Bairro Boa Viagem, área nobre do Recife. Segundo a polícia, Francisco de Assis Fernandes da Silva, de 43 anos, o “Barrinha”; e Francisco Tiago Alves do Nascimento, 33 anos, o “Tiago Magão” usavam documentos e cartões com nomes falsos.  Dinheiro, carros de luxo, relógios de alto valor e anéis de ouro estão entre os artigos encontrados com os suspeitos.

'Anéis templários’ 

No apartamento de Barrinha, a polícia apreendeu R$ 13.803, 11 relógios de luxo e anéis de ouro. Um veículo e uma pistola 9 mm também foram apreendidos. 

Em depoimento, o suspeito disse à polícia que os anéis encontrados são considerados “anéis templários”, repassados para membros do conselho da facção criminosa, simbolizando a aliança entre eles. 

Denunciado como participante da Chacina das Cajazeiras, Barrinha era considerado um dos criminosos mais procurados do Estado até 2014, informou a polícia. Ele acumula 12 procedimentos policiais, incluindo sequestro, roubo e homicídio.  

Vida de luxo  

Tiago Magão foi preso no sábado (13). Segundo a polícia, ele se preparava para fugir após saber da prisão do comparsa. Além de viver em um prédio de alto padrão, o suspeito dirigia um veículo Fiat Toro. Com ele, a polícia encontrou cartões bancários e documentos com nomes falsos. Magão possui 11 antecedentes criminais por roubo, homicídio e tráfico de drogas. 

Os dois foram autuados em flagrante por integrar organização criminosa. Barrinha também vai responder por porte ilegal de arma de uso restrito e receptação. 

Red; DN 

Homicídio a paulada na zona rural de Russas CE

O fato aconteceu dia 14 ( Domingo ), na comunidade de Miguel Pereira do Mauro, foi vitima de agressões a paulada o senhor Jose Adauto da Costa idade não informada, segundo informações chegada ate a nossa reportagem o mesmo estava caminhando por uma estrada carroçável quando foi surpreendido por um elemento ate o momento não localizado, a policia já tem informação de quem praticou o crime,as buscas continuam no intuito de localizar.

Blog; Erivando Lima 

Homicídio a faca na comunidade de tourão em Russas CE


A imagem pode conter: 1 pessoa

O crime aconteceu na tarde de domingo 14 na comunidade de tourão no bairro Várzea Alegre no município de Russas. Foi assassinado a faca o jovem Francisco Natanael 25 anos com aproximadamente 8 perfurares. O delegado plantonista Dr; Fabio Amaral esteve no local apurando informações, segundo o delegado em entrevista na radio progresso  de Russas hoje pela manhã, informou que tinha uma linha de investigação e um promanável nome que seria o autor do crime;

Obs; Informação chegada a nossa equipe agora no período da tarde de que já se encontra recolhido o xadrez da DRPC o provável autor do crime;

Blog; Erivando Lima

Quixadá CE plantão policial

QUIXERAMOBIM TENTATIVA DE FURTO QUALIFICADO

Dia 14/04/2019, por volta das 05h15min, o Copom recebeu uma ligação dando conta de que um homem estava tentando furtar uma casa na Rua Paulo Sarasati, Bairro Monteiro de Moraes, Quixeramobim-CE, de pronto a composição da VTR 9331, fez deslocamento ao local e comprovou a veracidade da denúncia, segundo a vítima de nome F. B. M., brasileiro, casado, mototaxista, natural de Fortaleza-CE, residente na Rua Paulo Sarasati, Bairro Monteiro de Moraes, Quixeramobim-CE, informou que o acusado de nome F. M. L., brasileiro, solteiro, desocupado, natural de Quixeramobim-CE, residente no Bairro Planalto Sabonete, Quixeramobim-CE, tinha adentrado a sua residência subindo o teto e quebrado o telhado com intuito de furtar algo, o acusado ao ver a vítima tentou fugir mas sem êxito pois a população conteve o mesmo até a chegada da viatura, a população informou também que o acusado era conhecido como “Chiquinho” e que ele já havia praticado furtos no bairro anteriormente, a viatura com todas as evidências conduziu a vítima e o acusado para a delegacia regional de Quixadá para as medidas cabíveis, a autoridade policial presente delegado Luis Rodrigues Cavalcante Júnior autuou o acusado por Tentativa de Furto qualificado.



QUIXADÁ VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E DESACATO

Dia 14/04/2019, por volta das 10h30min, o COPOM foi informado de uma ocorrência de Violência Doméstica, na Avenida Edivardes Mendes de Carvalho, Bairro Campo Velho, Quixadá-CE. Foi acionado a composição da RP 9311, que foi ao local e constatou a veracidade da informação com a vítima a Sra. C. C. B. S., amasiada, do Lar, natural de Quixadá-CE, residente no Bairro Campo Velho, Quixadá-CE, que disse aos policiais que seu cunhado J. M. P. S., solteiro, aposentado, natural de Quixadá-CE, residente na Travessa Recreio, Bairro Erval, Quixadá-CE. Havia tentado lhe agredir fisicamente e havia lhe agredido verbalmente, proferindo injuria e palavras de baixo escalão, desacatou a composição policial chamando os de “safados”, “Vagabundos”, quando os policiais colhiam informações do fato, desta feita a composição policial proferiu voz de prisão e conduziu acusado e vítima para DRPC de Quixadá, onde o acusado, o SR. J. M. P. S., foi indiciado por haver infringido aos, Artigo 5, II, Artigo 7, I, Lei da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, Artigo 7, V, II, Artigo 129, C/C Artigo 14, II, Artigo 140, Artigo 147, Artigo 331, Código Penal, conforme Decreto-Lei 2848. Vale ressaltar que o acusado já responde a três Inquérito no Artigo 155 em conformidade com o Decreto-Lei 2848.



MORADA NOVA (SÃO JOÃO DO ARUARU) APREENSÃO POR ATO INFRACIONAL ANÁLOGO AO CRIME DE LESÃO CORPORAL

Dia 14/04/2019 (Domingo), por volta de 10h15min, a equipe da VTR 9153, DO SUB destacanento de policia de São João do Jaguaribe, foi procurada pela pessoa de M. J. S. que reside ao Sítio Aroeira, nos Patos, Distrito de Aruaru; a mesma informou aos policiais que foi agredida, neste endereço citado, pelo seu filho, identificado como D.  S. N., que é domiciliado à residência de sua genitora. A composição fez diligência à casa da vítima e, ao chegar ao local, visualizaram o menor, deitado em uma rede. Os policiais apreenderam o menor e informara que, inicialmente, o mesmo tentou resistir, entretanto, a equipe conseguiu imobilizar e o conduziu à Delegacia Plantonista de Russas, onde foi apresentado à Autoridade Policial, para serem adotadas as medidas necessárias.