-->

20 de setembro de 2019

“Lourão do Crime”, de Monsenhor Tabosa, morre em confronto com a Polícia Militar

Procurado pela Polícia depois de várias ações delituosas na cidade de Monsenhor Tabosa, Ramon Alves Brandão, conhecido como o “Lourão do Crime”, foi morto durante confronto com policiais militares do 4º Batalhão do Choque. Segundo informações extraoficiais, o fato aconteceu na região do Cariri. As informações ainda são preliminares e a polícia deve fazer o comunicado de forma oficial a imprensa.

“Lourão do Crime” usou as redes sociais para dirigir graves ofensas e ameaças de morte a policiais militares do Comando de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio). Em áudio postado em aplicativos de celular, ele diz ainda que cometerá atentados contra o estado caso sua mãe e seu padrasto, presos pelos policiais, não sejam logo soltos. O bandido usa palavrões e ofensas graves aos policiais militares e diz que “inocentes” foram presos, se referindo a seus familiares detidos na última segunda-feira (10) naquela cidade. Com expressões vulgares, ele continua as ameaças aos PMs e diz “haverá sangue”.
Desde o último fim de semana, “Lourão do Crime” está sendo procurado naquela região do estado. As diligências se estenderam até a sua residência, onde a mãe e o padrasto foram detidos em poder de drogas.

Mais informações a qualquer momento

(A Voz de Sta. Quitéria)
Agora na Avenida D. Lina 1100

Polícia fecha clínica de aborto clandestino e prende idosa de 80 anos que mantinha local em Baturité

Local funcionava em cima de um restaurante, no Centro de Baturité.
Clínica funcionava em cima de um restaurante no Centro de Baturité
Paulo Sadat

 A polícia fechou nesta sexta-feira (20) uma clínica clandestina de aborto que funcionava em cima de um restaurante em uma movimentada avenida de Baturité, no Maciço de Baturité. Uma idosa suspeita de manter o local funcionando há cerca de 10 anos foi presa. Além da idosa, o marido dela foi autuado por posse ilegal de armas de fogo. 

A polícia investigada o casal há cerca de um mês e meio. A idosa chegou a admitir que realizou procedimentos abortivos no local no passado, mas negou que continuasse com a prática clandestina.


“Admitiu que no passado já houvera realizado alguns procedimentos abortivos, de forma que, atualmente, tinha parado. O que não ficou comprovado, haja vista o catatau de objetos apreendidos sob posse dela”, disse o delegado Joel Moraes.

abortos

Na residência do casal foi apreendido um revólver calibre 38 e uma garrucha artesanal do tipo socadeira, além de munição calibre 12. Além disso, os policiais encontraram diversos materiais usados nos procedimentos da clínica. 

Após a prisão, a idoso levada para a delegacia e se encontra à disposição da Justiça. O marido dela, de 73 anos, foi liberado após pagar fiança.

A defesa do casal nega a existência da clínica. “Não existe esse fator”, diz o advogado Aldenor Xavier.

Fonte; DN


MULHER É PRESA PELO RAIO POR TRÁFICO DE DROGAS EM TIANGUÁ

Uma mulher de 26 anos foi presa pelos policiais do CPRAIO durante operação de combate ao tráfico de drogas realizada na tarde da quarta-feira (18), em Tianguá. Os PMs averiguavam denuncias de que uma mulher estaria comercializando drogas em uma moto no percurso compreendido entre os Sítios Lages e Tianguazinho. Após patrulhamento no trecho mencionado nas denuncias, os PMs conseguiram localizar Gislene Alves dos Santos, a qual já possui antecedente criminal por tráfico de drogas. 

De acordo com informação dos PMs, ao perceber a aproximação do policiamento ela mulher tentou de livrar de uma quantidade de maconha. Ao ser questionada pelo restante da droga, ela levou os policiais a uma casa abandonada onde foi encontrado uma grande quantidade de maconha, crack, cocaína, balança de precisão e um revólver calibre 22. 
A mulher levou os policiais a uma casa abandonada onde foi encontrado uma grande quantidade de maconha, crack, cocaína, balança de precisão e um revólver calibre 22.

O material foi apreendido e a mulher foi conduzida a Delegacia de Tianguá, sendo apresentada ao Delegado Fábio da Silva Pessoa, que realizou a autuação por crime de tráfico de drogas. 

Reincidente 

Gislene já havia sido autuada por tráfico de drogas no dia 02 de março de 2017, quando a policia encontrou maconha, crack e outros objetos de procedência duvidosa em dois imóveis localizados no bairro Tianguazinho. Na ocasião três homens também foram presos.

(Ibiapaba 24 horas)


Moradores do barro Poço Redondo felizes com a chegada do calçamento


A imagem pode conter: céu, atividades ao ar livre e naturezaOs moradores do bairro Poço Redondo estão aguardando o inicio da obra de construção do calçamento da rua João Maciel Pereira, obra essa que foi dado ordem de serviço ni dia 2 de Agosto com um prazo de 45 dias para começar a obra, 49 dias já se passaram e ainda não foi iniciada a obra. a prefeitura colocou a placa para o inicio da obra e da um prazo de 150 dias para a conclusão da obra. o beneficio faz de emendas do ex; deputado Adail Carneiro.

Os moradores aguardam com ansiedade  o beneficio;
A imagem pode conter: céu, atividades ao ar livre e natureza
Obv; A placa do inicio da obra da praça da lagoa da caiçara foi colocada em 2015 com prazo de 180 dias  e ate agora a praça não foi concluída.  

Blog; Erivando Lima 

Russas CE plantão policial


RUSSAS PRISÃO POR TRAFICO DE DROGAS

No bairro Lagoa do Toco em Russas, JOSE ERNILSON DE LIMA JUNIOR, 19 anos, foi conduzido para DPC local, para prestar esclarecimentos sobre a posse de 4 papelotes de maconha e 4 papelotes de crack. O mesmo ainda tentou resistir fisicamente a ação policial, mas foi contido e levado para Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos legais.


ARACATI MORTE POR MAL SÚBITO

Por volta das 18h30min, na Localidade da Lagoa Funda, zona rural Aracati, FRANCISCO EDMAR BRAGA, 49 anos, estava fazendo uma refeição próximo a uma churrascaria, vindo a passar mal e a óbito, sem lesão pelo corpo, onde supostamente teve um mal súbito. FRANCISCO era morador de rua.

Blog; Erivando Lima

Os melhores PNEUS e Baterias de Russas
Rua; 25 de Agosto
Fale com Ricardo Amaral