-->

6 de agosto de 2018

STF pode julgar esta semana pedido de liberdade de Lula



O julgamento pode ocorrer na próxima quinta-feira (9), antes do registro da candidatura

   O Supremo Tribunal Federal (STF) pode julgar nos próximos dias o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele aguarde em liberdade o julgamento de recursos contra sua condenação na Operação Lava-Jato. Em função da condenação a 12 anos e um mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, Lula está preso na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba desde 7 de abril.

O julgamento pode ocorrer na próxima quinta-feira (9), antes de o PT registrar a candidatura de Lula na Justiça Eleitoral para concorrer à Presidência da República, fato que deve ocorrer no dia 15 de agosto, último dia previsto pela legislação eleitoral. 

> PT anuncia oficialmente a candidatura de Lula à Presidência

Na semana passada, após o relator do caso, o ministro Edson Fachin, defender celeridade para definir a situação jurídica de Lula antes das eleições, a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, responsável pela pauta do plenário, indicou nos bastidores que pode pautar a questão nesta semana. 

No entanto, diante da possibilidade de o caso ser julgado pelo plenário, e não pela Segunda Turma, como deseja a defesa do ex-presidente, os advogados podem desistir do recurso e o julgamento poderá ser adiado. De acordo com dois ministros do STF ouvidos reservadamente pela Agência Brasil, o tribunal deverá aceitar o recuo, caso a defesa confirme a desistência. 

Eleições 

O pedido de liberdade do ex-presidente também tem implicações na esfera eleitoral. Caso a defesa consiga suspender temporariamente a condenação e a soltura de Lula, o ex-presidente poderá concorrer livremente às eleições sem precisar de uma decisão que avalie sua inelegibilidade.

Com a confirmação da condenação na Lava-Jato na segunda instância da Justiça Federal, o ex-presidente pode ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que impede a candidatura de condenados pelos órgãos colegiados da Justiça. 

Se a decisão do Supremo for contrária à pretensão de Lula, o STF pode confirmar a inelegibilidade e levar o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a negar o registro de candidatura.

Desde junho, quando entrou com recurso na Segunda Turma da Corte, a defesa de Lula pretende que a Corte julgue somente a concessão de liberdade e tenta evitar que o plenário analise a questão da inelegibilidade para as eleições de outubro deste ano porque o ex-presidente ainda pode ser beneficiado por uma liminar e disputar as eleições caso tenha a candidatura barrada. 

No entanto, a inelegibilidade não é automática e a questão somente será analisada pelo TSE a partir do dia 15 de agosto, quando o PT pretende protocolar o pedido de registro da candidatura de Lula à Presidência da República nas eleições de outubro.

Recurso 

No dia 22 de junho, Fachin enviou pedido de liberdade do ex-presidente para julgamento pelo plenário, e não na segunda turma, como queria a defesa. Ao justificar o envio, Fachin disse que a questão deve ser tratada pela Corte por passar pela análise do trecho da Lei da Ficha Limpa, que prevê a suspensão da inelegibilidade “sempre que existir plausibilidade da pretensão recursal”.

No entanto, a defesa de Lula recorreu e afirmou que a análise da questão não foi solicitada. “O embargante requereu exclusivamente a suspensão dos efeitos dos acórdãos proferidos pelo Tribunal de Apelação para restabelecer sua liberdade plena. A petição inicial, nesse sentido, é de hialina [límpida] clareza ao requerer o efeito suspensivo para impedir a 'execução provisória da pena até o julgamento final do caso pelo Supremo Tribunal Federal'”, sustentou a defesa.

Condenação

Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex em Guarujá (SP) e teve a pena executada pelo juiz federal Sergio Moro após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça, conforme definiu o STF.

Red; DN


Suspeito de expulsar casal de condomínio é preso


José Walter

Em depoimento, o homem afirmou que deu a ordem de expulsão ao casal porque um parente da mulher seria integrante de uma facção criminosa rival

Um homem foi preso, na manhã desta segunda-feira (6), suspeito de expulsar um casal de um imóvel, localizado no Residencial Cidade Jardim, no bairro José Walter, durante o último fim de semana. De acordo com a Polícia Civil, ele era integrante da facção criminosa Guardiões do Estado (GDE) e, em depoimento, declarou que o motivo da expulsão foi em decorrância de uma disputa de território na região.

Durante uma diligência, um homem, identificado Glairton Pires Barbosa Filho, conhecido como 'Gordo', 23 anos, foi abordado. Com ele, foi encontrado as chaves do apartamento docasal que havia registrado um Boletim de Ocorrência (B.O) declarando que havia recebido uma ordem de expulsão. 

Em depoimento, 'Gordo' confessou que estava comandando as expulsões e afirmou que mandou o casal sair do imóvel porque um parente da mulher pertencia ao Comando Vermelho (CV), grupo rival. Na ofensiva, também foram encontrados drogas, uma quantia em dinehiro e uma balança de precisão, que estava escondida no banheiro, dentro de um vaso sanitário.  

O delegado-titular do 8° DP (José Walter), Breno Fontenele, pontuou que os investigadores tiveram a informação de que os criminosos estavam vendendo os apartamentos por cerca de R$ 15 mil reais, após expulsarem os moradores, que não podiam registrar queixa, pois, do contrário, seriam mortas. 

Ele ainda destaca que, por conta do fato, haverá um reforço policial na região, para evitar que a situação se repita. "Nós não vamos deixar que as facções criminosas tomem conta daqui, por isso vamos realizar um trabalho eficaz naquele local", finalizou

Autuação

Glairton Pires Barbosa Filho foi autuado em flagrante por integrar organização criminosa e tráfico de drogas. A Polícia Civil continuará investigando o caso, no intuito de captutar outros integrantes do grupo. 

Atualmente, as ocupações policiais ocorrem na comunidade Babilônia, no Jardim Castelão II; na do Gereba, no Novo Perimetral; do Jagatá, da Alameda das Palmeiras, da Maria Tomásia, do Residencial José Euclides Ferreira Gomes, no Lagamar, no Sossego (Quintino Cunha), no entorno da Lagoa do Urubu (Álvaro Weyne, Floresta e Padre Andrade), no Alto da Balança, no Vila Velha, na Praia de Iracema e no Dionísio Torres. Ao todo, são 16 bases de policiamento.

Red; DN


PM é baleado na Avenida Washington Soares


Motos

Foram presos dois homens suspeitos de participar do atentado contra o servidor

Um policial militar foi baleado durante uma tentativa de assalto, no início da tarde desta segunda-feira (6). O atentado aconteceu na Avenida Washington Soares. O servidor não estava em serviço. Ele foi socorrido consciente e não corre risco de morte.

Segundo a assessoria da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE), o servidor foi alvejado com dois disparos de arma de fogo, no braço e na região do rosto. Dois homens são suspeitos de participar da ação. A dupla foi presa e conduzida para o 13º Distrito Policial (Cidade dos Funcionários) e, em seguida, encaminhada para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A dupla foi detida por policiais militares, na Avenida Maestro Lisboa, quando tentavam empreender fuga. Os capturados foram identificados como Alcicleudo dos Santos Oliveira, de 19 anos, e Jordson Ferreira de Carvalho, 20. 

Com Oliveira e Carvalho foi encontrado um revólver, calibre 32, que teria sido utilizado para a tentativa de assalto. Ambos não tinham antecedentes criminais. 

A Polícia Militar ressaltou que, com objetivo de resguardar a privacidade do ferido, o nome da vítima não será revelado. O policial baleado segue internado no Instituto Doutor José Frota (IJF), sob observação.

Red; DN


Após 12 anos, Clodoaldo voltará a jogar pelo Fortaleza


clodoaldo

O ídolo Tricolor disputará a Fares Lopes pelo Leão

Ídolo do Fortaleza, Clodoaldo voltará a vestir a camisa do Leão 12 anos após ter deixado o clube. Com quase 40 anos, ele disputará a Taça Fares Lopes pelo time onde se destacou no mundo do futebol.

Clodoaldo chegou ao Fortaleza em 1998 e ficou conhecido nacionalmente pela sua facilidade de passar pelos marcadores e fazer vários gols. Idolatrado pela torcida, o baixinho incendiava as arquibancas cada vez que pegava na bola e partia em direção ao gol do aversário.

Em 2002, o atacante foi jogar no futebol europeu, atuando pelo Beira-Mar/POR, mas acabou voltando ao Fortaleza, onde ficou até o ano seguinte e foi emprestado ao Ituano/SP e Treze/PB, ambos em 2004.

Na Série A, em 2005, o baixinho se consagrou na história do clube. Apesar de não conseguir se classificar para a Sul-americana, a equipe garantiu a permanência na elite nacional no melhor ano do time na primeira divisão.

Mas nem tudo foram flores na relação do baixinho com o Fortaleza. Em 2006, após problemas com a então diretoria do clube, Clodoaldo se transferiu ao Ceará, ainda no campeonato estadual, deixando a torcida Tricolor revoltada.

Com o rendimento abaixo do esperado no clube alvinegro, acabou se transferindo para para o Potiguar/RN. No futebol cearense, o jogador tem passagens por equipes como Icasa, Guarany de Sobral, Horizonte, Quixadá, Nova Russas e Ferroviário.

Clodoaldo parou de jogar profissionalmente em 2016 pelo Juazeirense/MA, que disputava a quarta divisão nacional.

De volta ao passado

O último jogo de Clodoaldo pelo time profissional do Fortaleza foi na Série A de 2005, em partida contra o São Paulo. Na época, o Tricolor do Pici venceu o Tricolor paulista por 1 a 0, no antigo Castelão, com um golaço de cobertura do baixinho em cima do então goleiro Rogério Ceni, atual técnico do time do Pici.

Red; DN



Resultado de imagem para Fotos do deputado Ariosto Holanda

O professor Ariosto Holanda anunciou nesta segunda-feira que não é candidato à reeleição para a Câmara Federal, em palestra no Centro Vocacional Tecnológico (CVT) Manuel Dias Branco na abertura dos cursos patrocinados pelo Grupo M. Dias Branco. O evento contou com a participação de César Pinheiro, presidente da Companhia Docas do Ceará, à qual pertence o CVT; Renata Carvalho, coordenadora do CVT e o professor João Tavares, do IFCE.

As aulas serão iniciadas nesta terça-feira com dois cursos de soldagem; matemática, instalações elétricas prediais e inglês. Ariosto Holanda anunciou que aguarda a liberação de bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) para projeto financiado com recursos de emendas que colocou quando deputado, que possibilitarão a oferta de novos cursos.

O professor anunciou a intenção de procurar o Sebrae e BNB para iniciativas empreendedoras dos alunos após os cursos. O presidente da Companhia Docas, César Pinheiro disse que vai se emprenhar em conseguir apoio das duas instituições cujos presidentes são seus amigos.

Blog; Erivando Lima


Conheça lista dos 54 prefeitos do Ceará escolhidos com o título “Jumento Precioso”



Prêmio para ser eleito melhor prefeito custa R$ 1.480. No Fantástico, um repórter conseguiu eleger um burro -- um animal mesmo -- como gestor nota 10. Só precisou pagar a quantia exigida

o Ceará, 54 prefeitos foram agraciados com título de melhor gestor pela União Brasileira de Divulgação (UBD), mesmo reconhecimento que o “Jumento Precioso” recebeu depois de pagar R$ 1.480. O escândalo foi revelado ontem (5) no Fantástico.

O Ceará News 7 revela, com exclusividade, quem são os prefeitos que desembolsaram o dinheiro para receber tal prêmio. Só para ficar em alguns exemplos, tem Fortaleza, Caucaia, Maranguape, Sobral, Juazeiro do Norte, Barbalha, Crato, Alto Santo, Canindé, Tauá, Horizonte, Redenção, São Gonçalo, Russas, Itapipoca, Pedra Branca, Canindé, Eusébio e Iguatu.

Confira a lista completa disponibilizada no site da UBD





Em tempo

Na matéria do Fantástico, fica claro que muitos prefeitos usavam dinheiro público para pagar esse prêmio, além de custear as viagens para recebê-lo com grana dos contribuintes.

Em tempo II

O Ceará News 7 recebeu algumas fotos de gestores que foram homenageados.

Em Tauá, além do prefeito Carlos Windson, a então secretária de Educação do Município, Gertudes Mota, recebeu o título. Logo depois, foi afastada pela Justiça, após operação do Ministério Público que investigava corrupção.

Ceara News


Querido Filho, Grande Homem


A imagem pode conter: Edelvan Fernandes de Lima e Erivando Lima, pessoas em pé e chapéu

O grande homem é aquele que não perdeu a candura de sua infância.
(provérbio chinês)

Meu filho, espero que você nunca perca a sua inocência e pureza. Prevejo um futuro brilhante na sua vida, e prometo fazer tudo o que estiver ao meu alcance para que você se torne em um grande homem. No entanto, chegará uma altura em que você fará as suas próprias escolhas. Eu peço a Deus que Ele o guie em cada uma delas.
Nunca lutei para ser o...
Feliz Aniversário! Um abraço do seu pai que ama muito você!

Vacinação contra pólio e sarampo começa hoje



A iniciativa nacional objetiva imunizar crianças que têm entre 12 meses e 5 anos incompletos

Elaborada com o objetivo de criar uma reação no sistema imunológico, estimulando a produção de anticorpos e tornando aquela pessoa imune a algum tipo de doença, a vacina é considerada a forma mais fácil e barata de se evitar patologias. 
Pensando nisso, a partir desta segunda-feira (6), começa a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo, que se estenderá durante todo o mês de agosto, período em que é comemorado o 'Dia D', quando haverá uma mobilização em todo o País no que se refere à iniciativa, que visa fornecer uma dose da imunização para todas as crianças, entre um e cinco anos incompletos, mesmo aquelas que têm o esquema vacinal preenchido. 

No Ceará, a previsão é que pelo menos 95% das 509.183, ou, no mínimo, 483.724 meninos e meninas que estão na faixa etária entre 12 meses e quatro anos, 11 meses e 29 dias recebam a dosagem de forma homogênea. Em Fortaleza, a meta é, também, imunizar 95% do público-alvo, estimado em 138.317 mil crianças.

A ação tem o propósito de manter o estado de eliminação das doenças para evitar a reintrodução do vírus do sarampo, da poliomielite, da rubéola, e tentar reduzir a manutenção ou formação de bolsões de crianças que não foram vacinadas ou não obtiveram a devida resposta imunológica à vacinação, minimizando, desta forma, o risco de adoecimento.

Por esse motivo, as salas de imunização dos 110 postos de saúde de Fortaleza estarão disponíveis para realizar a aplicação das vacinas de forma indiscriminada, isto é, todas elas que estão dentro da faixa etária estabelecida serão imunizadas, mesmo as que já tomaram a dose em uma outra ocasião. 

Cobertura Vacinal 

Os responsáveis devem levar as crianças para receberem a vacina de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18h30, até o último dia de agosto. No terceiro sábado deste mês, dia 18, haverá uma mobilização nacional da campanha de vacinação, evento conhecido como ‘Dia D’. Começando a partir das 8h30 e indo até às 16h30, todos os postos de saúde da Capital estarão abertos, fornecendo a vacina para as crianças.

A coordenadora de imunizações da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Vanessa Soldatelli, afirma que a vacinação é fundamental para garantir a proteção das crianças. Ela ressalta, ainda, que os pais ou responsáveis devem estar atentos ao calendário para que os pequenos não fiquem sem receber a dose de imunização. 

“Tanto na rotina, quanto nas campanhas, precisamos da participação ativa deles, pois, se a criança segue o esquema vacinal, ficará protegida contra muitas doenças graves que ainda circulam no País e no mundo”, explica a coordenadora. 

Alerta

Nos Estados em que há registros de sarampo, a vacinação foi antecipada como uma forma de bloquear a circulação do vírus, já que, nos últimos anos, houve um surto da doença no País. Em 2015, foram registrados 211 casos no Ceará e mais três outros, dois em São Paulo e um em Roraima, que estavam relacionados ao surto ocorrido no Estado.

Surtos

De acordo com os últimos dados apresentados pelo Ministério da Saúde, atualmente, o País enfrenta surtos de sarampo em Roraima e no Amazonas, com registro de 314 deles confirmados até semana epidemiológica 23.

As ocorrências estão relacionadas ao intenso movimento migratório da Venezuela, país que enfrenta surto da doença desde julho de 2017.

O último caso de Poliomielite no Brasil ocorreu em 1989 e desde 1990 não são registrados casos da doença, que é grave, sendo responsável por danos irreversíveis para milhares de crianças no mundo.


Red; DN