-->

3 de maio de 2014

Contribuinte paga até R$ 7 mil a mais de Imposto de Renda



pesar do alívio anunciado pela presidente Dilma Rousseff de correção na tabela do Imposto de Renda (IR) em 2015, o contribuinte brasileiro está pagando de R$ 1.500 a R$ 7.384 a mais por ano para o Leão, fruto da defasagem na correção da tabela. A estimativa é do advogado tributarista Ilan Gorin, que leva em conta uma defasagem que já atinge 61,42%, entre os anos de 1996 e 2013, calculados pelo Sindicato Nacional dos Auditores da Receita Federal (Sindifisco).

As simulações feitas pelo tributarista a pedido do GLOBO valem para salários que variam de R$ 3.800 a R$ 15 mil mensais. Um contribuinte que recebe R$ 5 mil, por exemplo, teria 52,5% a menos de imposto retido na fonte, se não houvesse defasagem. Na prática, significa que ele desembolsaria R$ 6.825 a menos por ano ou R$ 525 por mês. Esses cálculos embutem descontos com dois dependentes e com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em valores de R$ 580 e R$ 418, respectivamente.

No caso de um contribuinte com salário de R$ 10 mil por mês, a parcela retida a cada ano seria 33,56% menor, o que significaria uma "mordida" de R$ 568 a menos por mês. No ano, a economia chegaria a R$ 7.384.

Na véspera do 1º de Maio, a presidente foi para a TV anunciar a correção da tabela do IR em 4,5% em 2015, entre outras benesses, como o reajuste do benefício do Bolsa-Família e a manutenção da política de valorização do salário mínimo. O alívio com a correção anunciada será de R$ 483,21 por ano para quem ganha de R$ 5 mil para cima.


Apesar de a correção tomar como base o centro da meta perseguida pelo Banco Central, a inflação oficial medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) está mais próxima do teto (de dois pontos percentuais para cima), em 6,15% nos últimos 12 meses terminados em março, segundo divulgado pelo IBGE.

A defasagem na tabela do IR, no entanto, foi maior dentro do período de governo do tucano Fernando Henrique Cardoso (1995-2002). Entre 1996 e 2001, não houve correção alguma da tabela, enquanto o IPCA acumulou alta de 45,68%.

Entre 2002 e 2013, a defasagem da tabela foi de 30,19%, já a inflação oficial acumulou variação de 110,49%. Foram dadas algumas correções pontuais, como a de 17,5%, em 2002. Seguida por nova pausa e novas correções em 2005, de 10% e, em 2006, de 8%. De 2007 a 2013, o percentual de correção ficou em 4,5% por ano.

— A defasagem de 61,42% tem dois terços até 2001 e um terço depois. É o acúmulo de defasagens ao longo do tempo. Faria sentido reajustar em pelo menos 6,5% a tabela em 2015. O governo deveria ser mais realista — afirma Gorin.

Na simulação do tributarista, o limite de isenção, caso não houvesse defasagem saltaria de R$ 1.868,22, previstos em 2015, para R$ 2.885. A renda limite na faixa sobre a qual incide alíquota de 7,5% sairia de R$ 2.799,86 para R$ 4.324. Na faixa seguinte, com alíquota de 15%, o novo limite superior ficaria em R$ 5.765, contra R$ 3.733,19, que passará a valer com a correção de 4,5%.


Defasagem rende R$ 28 bi ao governo

Segundo o vice-presidente do Sindifisco, Ayrton Bastos, um cálculo que levasse em conta a correção de 6,5%, significaria uma redução de cerca de 1 milhão de pessoas que foram incluídas na base de contribuintes da Receita em 2013. Bastos argumenta que desde 2007, quando a tabela começou a sofrer correções anuais de 4,5%, a inflação se manteve na banda superior da meta na maior parte das vezes: em cinco anos, esteve próxima de 6%.

O tributarista Gorin calcula que a defasagem do IR representa, somente em 2013, uma arrecadação adicional de R$ 28 bilhões aos cofres públicos, já descontadas a variação da inflação de 206% e a evolução do Produto Interno Bruto (PIB) do período de 60%.

O presidente executivo do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), João Eloi Olenike, vê uma injustiça na defasagem da tabela.

— É vergonhosa essa defasagem. Se fosse uma empresa, seria apropriação indébita — opina Olenike.

Ayrton Bastos vê disparidades no posicionamento do governo frente ao pacote de bondades. Segundo seus cálculos, se o governo optasse por repor as perdas de inflação em 2015, com uma correção de 6,5%, teria um gasto próximo aos R$ 2,2 bilhões que serão despendidos para se elevar em 10% os benefícios do Bolsa-Família.

Fonte: O Globo

Microsoft libera atualização para corrigir falha grave no Internet Explorer



A Microsoft anunciou uma atualização do Internet Explorer para corrigir a grave falha de segurança no navegador descoberta no começo desta semana.

A gerente geral de computação segura da empresa, Adrienne Hall, divulgou a notícia nessa quinta-feira, 1º, no blog oficial da companhia.

"A segurança de nossos produtos é algo que levamos incrivelmente a sério", diz o post.

O bug atingiu as versões de 6 a 11 do IE e permitiu que hackers tomassem controle total de sistemas infectados. O US-CERT, departamento do governo americano responsável pela segurança na internet, chegou a recomendar que os usuários do navegador deixassem de usar o programa até que a falha fosse corrigida.

Aos usuários que não habilitaram a atualização automática no Windows Update, a Microsoft recomenda a instalação manual.

A empresa oferece a atualização também para máquinas rodando Windows XP, apesar de ter encerrado o suporte ao software no começo de abril.

Fonte: Folha.comn

CBF interdita estádio em Recife após torcedor morrer ao ser atingido por vaso sanitário



O Arruda está interditado por tempo indeterminado. A decisão foi publicada no início da tarde deste sábado no site oficial da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O comunicado, assinado pelo diretor de competições da CBF, Virgílio Elisio, diz:
"Considerando o grave incidente ocorrido na noite de ontem no Estádio do Arruda e arredores, em Recife, após o encerramento da partida Santa Cruz x Paraná, válida pelo Campeonato Brasileiro da Série B, do qual resultou uma vítima fatal, a CBF, através das suas Diretoria de Competição e Diretoria Jurídica, vem pelo presente ato administrativo, interditar o Estádio do Arruda até que o processo relativo ao incidente seja apreciado pelo STJD.O presente ato também tem o efeito de representação da CBF junto ao STJD, para as medidas que se tornarem necessárias no âmbito do tribunal."
Por telefone, Virgílio Elísio falou com a reportagem do Superesportes. Segundo ele, a interdição é válida até o julgamento do Superior Tribunal de Justiça Desportiva. E pode deixar de ser válida, caso o tribunal opte por liberar o estádio. 


"Essa interdição é por tempo indeterminado. Até que o STJD se pronuncie formalmente sobre o caso. Enquanto isso, o Arruda ficará fechado. Se por acaso, o STJD decidir pela liberação do estádio, a CBF não terá nada a se opor. Mas a medida administrativa foi tomada", afirmou o dirigente.
"Vejo esse episódio com a maior tristeza do mundo. Um jovem de 26 anos que sai de casa para assistir a um jogo e é assassinado dessa forma.Já passou a hora de se dar um basta nisso", disse o diretor da CBF antes de perguntar ao repórter ser ele teria coragem de levar um filho ao estádio. Ao receber a resposta negativa, completou. "Pois é. A não ser para ficar tranquilo em um camarote. Para o meio da torcida ninguém leva. Estão acabando com o futebol", reconheceu.

Fonte: Diário de Pernambuco


Quase uma semana após a escultura do poeta Ascenso Ferreira, no Cais da Alfândega, área central do Recife, ser danificada, o monumento de Luiz Gonzaga, na Praça Visconde de Mauá, foi encontrada deitada no chão na manhã desta sexta-feira. A estátua pode ter sido alvo de vandalismo ou ter tombado por desgaste. Câmeras de segurança instaladas ao redor da praça, ao lado da Casa da Cultura, podem ajudar a esclarecer o que aconteceu.

Confeccionada pelo artista plástico Demétrio Albuquerque, a escultura teve a base destruída. No início da semana, a reportagem do JC verificou que o nariz da estátua estava danificado. Nesta sexta, com a queda, o rosto e a sanfona que o Rei do Baião segurava ficaram avariados. "Todas as estátuas deveriam ter manutenção anual, mas há três anos não se faz revisão nas esculturas do circuito. Semana que vem, irei entregar um relatório à Prefeitura sobre a situação delas", explicou o artista.

A escultura faz parte do projeto Circuito da Poesia, que homenageia expoentes da cultura pernambucana e tenta aproximar a história deles do público recifense. Além de Ascenso e Gonzaga, há estátuas de Manuel Bandeira e João Cabral de Melo Neto (Rua da Aurora), Mauro Mota (Praça do Sebo), Clarice Lispector (Praça Maciel Pinheiro), Capiba (Rua do Sol), Carlos Pena Filho (Praça da Independência), Antônio Maria (Rua do Bom Jesus), Chico Science (Rua da Moeda), Solano Trindade (Pátio de São Pedro) e Joaquim Cardozo (Ponte Maurício de Nassau).

Anualmente, a prefeitura gasta cerca de R$ 2 milhões para para recuperar monumentos, pontes e edificações públicas que sofreram ações de pixação e vandalismo.


Em nota, a Emlurb informou que enviará uma equipe ao local para colocar tapumes para interditar e proteger a estátua. Confira a íntegra da nota:

A Emlurb informa que enviará uma equipe ao local para colocar tapumes com a intenção de interditar e proteger a estátua de Luiz Gonzaga, que se encontra avariada. A Emlurb também informa que o artista que fez a peça, Demétrio Albuquerque, já está elaborando um orçamento para a recuperação da estátua, assim como as demais de sua autoria que compõem o "Circuito da Poesia". Após a aprovação do orçamento, a Emlurb irá providenciar os reparos. A Emlurb lamenta os atos de vandalismo que danificam o patrimônio público e esclarece que realiza ações de manutenção frequentes para o reparo de obras públicas na cidade, através de vistorias e informações repassadas pela população por meio do número 156. O órgão gasta aproximadamente R$ 2 milhões por ano para recuperar monumentos, pontes e edificações públicas que sofreram ações de pichação e vandalismo. A última intervenção para a recuperação de um patrimônio público aconteceu com a entrega da Ponte d’Uchôa.
O órgão conta com o setor de manutenção de monumentos, que possui uma equipe de cerca de 15 pessoas, entre restauradores, pintores e outros profissionais, encarregados dos serviços de restauro. A Emlurb esclarece que a manutenção das estátuas e monumentos é de responsabilidade do órgão, no entanto, a pichação ou qualquer outro dano são contravenções ao código penal previstas no artigo 163.
Art. 163 - Destruir, inutilizar ou deteriorar coisa alheia:
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.


Parágrafo único - Se o crime é cometido:
I - com violência à pessoa ou grave ameaça;
II - com emprego de substância inflamável ou explosiva, se o fato não constitui crime mais grave;
III - contra o patrimônio da União, Estado, Município, empresa concessionária de serviços públicos ou sociedade de economia mista; (Alterado pela L-005.346-1967)
IV - por motivo egoístico ou com prejuízo considerável para a vítima:
Pena - detenção, de 6 (seis) meses a 3 (três) anos, e multa, além da pena correspondente à violência.

Fonte: Jornal do Commercio

Helicóptero cai dentro do mar na Praia do Presídio, em Aquiraz


Um helicóptero com pelo menos 6 pessoascaiu dentro do mar, na manhã deste sábado (3), na Praia do Presídio, em Aquiraz, próximo ao Hotel Dom Pedro Laguna. De acordo com o Corpo de Bombeiros, 4 adultos e 2 crianças estavam a bordo da aeronave, entre elas, o vice-prefeito do município, Marquinhos Callou (PMDB).

Os passageiros foram socorridos por populares antes que o helicóptero submergisse. Segundo testemunhas, todos foram levados por um bugueiro ao hospital municipal de Aquiraz. 

A assessoria de comunicação da Prefeitura de Aquiraz afirmou que todos os tripulantes e passageiros passam bem e já estão em casa. Não houve registro de lesões graves no acidente.

Fonte: Diário do Nordeste


Pesquisa Sensus: Dilma tem 35%, Aécio, 23,7%, e Eduardo com 11%



Pesquisa Sensus divulgada neste sábado (3) indica que se as eleições fossem realizadas hoje, haveria votação em segundo turno. A presidente Dilma Rousseff (PT) teria 35% das intenções de votos, o senador tucano Aécio Neves (MG) teria 23,7% e o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) teria 11%, votos brancos e nulos e não sabe ou não respondeu, 30,4%. Juntos Aécio e Campos têm 34,7% dos votos, praticamente a mesma porcentagem de Dilma (diferença de 0,3%). A margem de erro é de 2,2%.

No cenário com outros presidenciáveis, Dilma registra 34%, Aécio 19,9%, Campos 8,3%, Pastor Everaldo (PSC) 2,3%, Randolfe Rodrigues (PSOL) 1,0%, Eymael (PDC) com 0,4%, Mauro Iasi (PCB) 0 3%, Levy Fidelix (PRTB) 0,1%, brancos e nulos e não sabem ou não responderam, 33,9%.

Nas projeções de segundo turno numa eventual disputa entre Dilma e Aécio, a petista aparece com 38,6% e o tucano com 31,9%. Se a disputa for contra Eduardo Campos, a presidente da República registra 39,1% e o ex-governador de Pernambuco, 24,8%.

A pesquisa traz ainda os índices de rejeição dos principais presidenciáveis. Do total de entrevistados, 42% afirmaram que não votariam em Dilma de jeito nenhum. Já a taxa de rejeição de Eduardo Campos ficou em 35,1%; e a de Aécio Neves, em 31,1%.


A pesquisa do Instituto Sensus, de Belo Horizonte, presidido por Ricardo Guedes, está registrada no TSE sob protocolo nº BR-00094/2014. A mostra foi realizada com dois mil entrevistados no período de 22 a 25 de abril, em todo o Brasil.

Fonte: Agência Estado

CBF interdita estádio após morte de torcedor atingido por privada

A CBF interditou no início da tarde deste sábado (42) o estádio do Arruda, em Pernambuco, palco de mais uma morte no futebol brasileiro. 
Na noite de sexta (2), o torcedor Paulo Ricardo Gomes da Silva, 26, morreu ao ser atingido por uma privada arremessada do anel superior do estádio após a partida entre Santa Cruz e Paraná, válida pela Série B do Campeonato Brasileiro. Outras três pessoas ficaram feridas, sendo uma em estado grave
O torcedor morto teve esmagamento parcial do crânio e fratura nas pernas. Segundo a polícia, Silva era integrante de uma torcida uniformizada do Sport, mas foi ao estádio tirar fotos de uma torcida aliada do Paraná. 
O torcedor morto teve esmagamento parcial do crânio e fratura nas pernas. Segundo a polícia, Silva era integrante de uma torcida uniformizada do Sport, mas foi ao estádio tirar fotos de uma torcida aliada do Paraná. 
A interdição do estádio foi definida pelas diretorias jurídica e técnica da CBF. O presidente do STJD, Flávio Zveiter, também vai interditar o estádio nesta tarde. 
O procurador do STJD, Paulo Schmitt, vai oferecer denúncia contra o time pernambucano nos próximos dias. O clube deverá ser enquadrado nos artigos 211 e 213 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva). 
O artigo 211 (deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infraestrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização) prevê multa e, quando for o caso, a interdição local até que sejam satisfeitas as condições de segurança exigidas. 
Já o artigo 213 (deixar de tomar providências capazes de prevenir ou reprimir desordens em sua praça de desportos), prevê multa e perda de mando de campo de um a dez jogos. O valor total das multas pode chegar a R$ 210 mil.
Créditos ao Diário do Nordeste.

Morre aos 83 anos Mãe Dináh




Na noite desta sexta-feira, 2, Benedicta Finazza, a conhecida Mãe Dináhmorreu em São Paulo aos 83 anos.
De acordo com informações do portal R7, a vidente foi internada na última quinta-feira, 1, com um quadro de infecção intestinal. De acordoo com o atestado de óbito a causa da morte foi uma infecção generalizada.
Ainda de acordo com a publicação, o corpo é velado neste sábado, 3, no Cemitério da Paz, no Morumbi, zona sul de São Paulo. O enterro está marcado para as 15h00min no local deste sábado, 3.
Mãe Dináh nasceu no bairro do Paraíso, na zona sul de São Paulo. Ela contava em entrevistas que desenvolveu a mediunidade desde os três anos. Nos anos 90 ficou famosa após supostamente prever o acidente aéreo que matou o grupo Mamonas Assassinas, em 1996.
Redação O POVO Online

Helicóptero cai dentro do mar na Praia do Presídio, em Aquiraz


Um helicóptero com 6 pessoas caiu dentro do mar, na manhã deste sábado (3), na Praia do Presídio, em Aquiraz, próximo ao Hotel Dom Pedro Laguna. De acordo com o Corpo de Bombeiros, 4 adultos e 2 crianças estavam a bordo da aeronave, entre elas, o vice-prefeito do município, Marquinhos Callou (PMDB).
Os passageiros foram socorridos por populares antes que o helicóptero submergisse. Segundo testemunhas, todos foram levados por um bugueiro ao hospital municipal de Aquiraz
A assessoria de comunicação da Prefeitura de Aquiraz afirmou que todos os tripulantes e passageiros passam bem e já estão em casa. Não houve registro de lesões graves no acidente.
Fonte: Diário do Nordeste

Helicóptero caiu agora lá no Aquiraz Seis tripulantes Dentro do mar Vôo turístico



C´reditos Alto Santo noticias.

Governo contesta críticas da oposição ao Bolsa Família

A definição do novo piso do Bolsa Família provocou mais um embate entre o governo Dilma Rousseff e os seus dois principais adversários na corrida presidencial.

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-governador Eduardo Campos (PSB-PE) criticaram a medida anunciada pelo governo, que aumentou o repasse mínimo às famílias de R$ 70 para R$ 77, com custo de R$ 4,4 bilhões até o final do ano que vem.

Em resposta, o governo classificou como "leviana" e "irresponsável" a sinalização dos oposicionistas, de que o reajuste é insuficiente para repor as perdas provocadas pela inflação desde o reajuste anterior, concedido em 2011.

Em queda nas pesquisas, Dilma anunciou o aumento de 10% do benefício em pronunciamento no 1º de Maio, quando também prometeu a correção da tabela do Imposto de Renda para 2015 e a manutenção da política de valorização do salário mínimo.

Ontem, o governo detalhou o aumento do Bolsa Família, informando que o valor médio dos benefícios recebidos pelas famílias do programa passará de R$ 152 para R$ 167.

O piso pago às famílias, que subirá para R$ 77, foi criticado por Aécio. Anteontem, ele disse que Dilma "mentiu" ao dizer que o aumento seria equivalente à linha da miséria estabelecida pela ONU e afirmou que o valor correto para isso seria de R$ 83.


Ontem, Aécio repetiu a crítica, mas evitou se comprometer com um reajuste maior do benefício, alegando que não tem como fazer isso sem conhecer a situação financeira do governo federal.

"Não estou no governo. Não estou administrando o caixa do governo", disse. "De mim, você jamais ouvirá uma irresponsabilidade de assumir qualquer compromisso antes de conhecer os números", afirmou mais tarde.

Campos criticou o fato de que a correção de 10% não contempla a inflação de 19,6% acumulada desde o último reajuste do Bolsa Família, em março de 2011. E disse que o programa deve ser reajustado por regras "claras, anuais e tranquilas" para não ser utilizado como "moeda eleitoral e dádiva do governante".

Um reajuste que contemplasse os objetivos mencionados pelos candidatos da oposição custaria quase o dobro do valor da correção anunciada até o fim de 2015.

O gasto adicional de R$ 1,7 bilhão previsto para este ano saltaria para R$ 3,2 bilhões com a sugestão feita por Aécio e a proposta de Campos.


Resposta

Escalada pelo governo para detalhar o reajuste do Bolsa Família, a ministra Tereza Campello (Desenvolvimento Social) criticou a conta feita por Aécio, centrada no critério das Nações Unidas de US$ 1,25 por dia como renda mínima para superar a pobreza. Os tucanos multiplicaram o valor pelo câmbio atual, chegando a R$ 83 por mês.

Campello afirmou que a conta é "leviana" e "irresponsável", porque os benefícios do programa não podem ser atrelados ao câmbio.

"Na véspera da eleição é que tem gente que está lembrando de discutir o Bolsa Família, mas tinha que fazer isso aprendendo a fazer a conta direito, sem dar chute e sem falar bobagem", disse.

O governo também usa o índice de US$ 1,25 por dia, mas não multiplica o valor pelo câmbio. São usados no cálculo critérios como poder de compra dos moradores do país e inflação do Brasil e dos Estados Unidos, entre outros.

A ministra também afirmou que alguns segmentos específicos do Bolsa Família tiveram reajustes superiores à inflação acumulada nos últimos três anos, somando mais de 40%.

Fonte: Folha.com

Cid abre o jogo a Dilma: seus candidatos ao Abolição são Izolda ou Leônidas

Vazaram novos detalhes da conversa do governador Cid Gomes e seu irmão Ciro com a presidente Dilma Rousseff na última segunda-feira (27) no Palácio do Planalto, em Brasília. Pela primeira vez, Cid abriu o jogo e confessou os nomes de seus preferidos à sua sucessão. Após rejeitar apoiar a candidatura do senador Eunício Oliveira ao Abolição, o governador cearense admitiu que seus prováveis candidatos são: a ex-secretária de Educação, Izolda Cela, e o ex-ministro dos Portos, Leônidas Cristino. O detalhe é que ambos são de Sobral. 

A presidente Dilma não se posicionou contrária a preferência de Cid por esses dois candidatos - Izolda e Leônidas - mas ponderou sobre a importância de manter sua base aliada no Ceará. Ciro e Cid asseguraram a Dilma que ela vencerá no Estado e terá uma ampla maioria contra seus dois principais adversários: Eduardo Campos e 
Aécio Neves. Dilma ouviu e não mais insistiu em pedir que o governador Cid votasse em Eunício para sucedê-lo.


Outro tema que Cid abordou com Dilma foi o nome que o PT irá apresentar como candidato ao Senado. O governador cearense quer que a presidente interfira na escolha e aponte um nome sem desgaste e que ajude a chapa a vencer às eleições. A presidente Dilma compreendeu essa declaração como um veto à candidatura do deputado José Guimarães. E no mesmo momento retrucou: "não tenho nada contra Guimarães. Ele pode ser o candidato do PT ao Senado". Era tudo que Cid não queria ouvir.
Créditos Ceará News.

Pesquisa ISTOÉ/Sensus aponta disputa acirrada entre Dilma e Aécio em eventual 2º turno



O levantamento ISTOÉ/Sensus realizado em 136 municípios de 24 Estados aponta que 7% dos votos separam Dilma de Aécio em um eventual segundo turno. Caso a eleição acontecesse hoje, a diferença entre os dois seria de 6,7%, tendo a presidente 38,6% e o senador mineiro 31,9% a situação de Dilma seria mais confortável: teria 39,1% contra 24,8%.

A pesquisa foi realizada com dois mil eleitores entre os dias 22 e 25 de abril e também revelou a alta taxa de rejeição. Hoje 42% dos eleitores afirmam que não votariam em Dilma de jeito nenhum. Eduardo Campos é rejeitado por 35,1% e Aécio Neves por 31,1%. 
A pesquisa ISTOÉ/Sensus também mostrou uma reprovação do governo e da forma como a presidente Dilma conduz a administração federal. Dos eleitores, 66,1% avaliam o governo como regular ou negativo e 49,1% desaprovam o desempenho pessoal da presidente. Metade dos eleitores (50,2%) acredita que o Brasil não está no rumo certo.
Ceará News.





Problemas com falta de vacina antitetânica persiste há quase um ano



A falta no estoque de vacinas antitetânica é um problema que persiste desde julho do ano passado e atinge não só as pessoas que sofrem um acidente, mas principalmente as gestantes. Um exemplo disso é o caso de Diego Sousa e sua esposa Aline Alves, que estava grávida. O casal percorreu diversos postos de saúde em Fortaleza, mas devido a falta das vacinas, Aline acabou tendo o filho sem ser vacinada, colocando em risco sua vida e a da criança. O problema foi enviado à Redação Web do Diário do Nordeste através da ferramenta VCRepórterno WhatsApp pelo número (85) 8948-8712.


No caso da família de Diego Sousa, sua esposa estava grávida, e devido a gestação eles procuravam pela dose do medicamento, já que nas gestantes a vacina antitetânica éobrigatória. Segundo Diego, eles foram em mais de 7 postos de saúde na Capital e Região Metropolitana. "Levei minha esposa no posto de saúde da Jurema, em dois do Parque Potira, em mais dois do Araturi, em todos do Conjunto Ceará, no Genibaú, no Centro, em vários eu procurei para que ela fosse vacina, pois estava grávida, mas não encontramos", relata.
De acordo com Diego, quando questionou sobre essa falta, os responsáveis alegaram que esse problema acontece em todo o Estado. "Eles ainda falaram que a demanda era grande e que existe até fila de gestantes esperando". 
A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que existe um problema com o fornecedor do produto. "O Instituto Butantan, responsável pela fabricação da vacina, está com dificuldades para produzir. Esse problema é no Brasil inteiro e ocorre  devido a falta de uma matéria prima ", disse a assessoria. 
Ainda segundo a Secretaria, os postos de saúde da Capital não estão sem a vacina e sim com um estoque reduzido, mas que continuam efetuando as vacinações. "Temos um número reduzido por causa dessa dificuldade no fornecimento, mas continuamos com as vacinações, principalmente nos casos de emergência, como acidentes graves e a vacinação de gestantes, essas são as prioridades". 
Instituto responsável por produção das vacinas está em obras
Procurada pela reportagem, o Instituto Butantan informou que a produção das vacinas DT (Difteria e Tétano) e DTP (Difteria, Tétano e Coqueluche) está temporariamente suspensa em virtude das obras que estão sendo realizadas para atender às exigências da Boas Práticas de Fabricação (BPF), nos termos das normas Anvisa. 
O Instituto afirma que os trabalhos estarão concluídos em 2015 e até lá o Ministério da Saúde suprirá a demanda por aquisição das vacinas junto ao Fundo Rotatório da Organização Pan-americana de Saúde (OPAS).
Ministério da Saúde afirma que enviou 125 mil vacinas para o Estado
A assessoria do Ministério da Saúde se pronunciou sobre o caso alegando que enviou à Secretaria Estadual de Saúde do Ceará 125,1 mil doses da vacina DT e que em caso de redução do estoque estratégico, a orientação é que as secretarias de saúde realizem o agendamento dos atendimentos para evitar desperdícios de doses.
Doença pode ocorrer de duas formas acidental e neonatal
O tétano é uma doença não transmissível e não é contagiosa, podendo ocorrer de duas formas: acidental e neonatal. No caso acidental pode ser evitado pelo uso da vacina DPT durante a infância e também com a vacina dupla adulto (dT) em adultos. Já o tétano neonatal pode ser evitado por meio da vacinação das gestantes durante a realização do seu pré-natal.
Diário do Nordeste

Estradas cearenses registraram 27 acidentes na última sexta

Quando chega a sexta-feira e com ela o fim de semana, a atenção redobra nas estradas. Só na última sexta-feira (2) as estradas que cortam o Ceará registraram 27 acidentes, com 10 pessoas feridas e uma morte.
Uma adolescente de 16 anos morreu em um atropelamento no km 33 da CE 040, no município de Aquiraz. A jovem estava atravessando a CE por volta das 12h30 quando um veículo Volkswagen Fox foi de encontro a ela. O condutor não conseguiu frear a tempo de evitar o acidente.
De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o proprietário do veículo não estava alcoolizado e portava o documento de habilitação em dia. Ele ficou no local e realizou os devidos procedimentos.
Créditos Diário do Nordeste.

Quadrilha interestadual é desarticulada no CE







Cinco homens, especialistas em extorsões mediante sequestro, foram presos na última quinta-feira (1º) em uma casa de luxo no bairro da Sabiaguaba, em Fortaleza. O grupo estava preparando o local para realizar mais uma ação criminosa. A família de um gerente de banco seria feita refém, de acordo com as investigações da Polícia Civil.

As prisões foram feitas pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) através de denúncias anônimas. As investigações contaram, ainda, com o apoio de agentes da Coordenadoria de Inteligência (Coin), da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).
Dentre os presos, estão dois paraenses, fugitivos do sistema carcerário do Estado do Pará. Além deles, foram capturados um paulista e dois cearenses.
Foram detidos os paraenses Francisco Alexandre Pinto de Lima, 36, o 'Cara de Peixe', e Sandro Moreti Alves Marçal, 40. A dupla estava na casa. Durante a abordagem, o restante da quadrilha fugiu em dois veículos. A Polícia conseguiu interceptar um deles, em um Corolla, onde estavam o paulista Francisco Éder Pereira da Silva, 31, e os cearenses Marcelo Emídio de Sousa, 32 e Leandro Vieira de Oliveira, 33. Pelo menos, mais um integrante do bando permanece foragido.
Os delegados Diego Barreto e Raphael Vilarinho, da DRF, explicaram que o grupo já havia agido no Pará e no Amapá. "Eles são especialistas em extorsão mediante sequestro. Os foragidos do Pará têm dois mandados de prisão em aberto", relatou Raphael Vilarinho.
Os paraenses lideraram uma fuga em massa do presídio onde estavam, disseram os delegados. "Eles conseguiram introduzir quatro pistolas .40 no presídio e comandaram a fuga de mais de 20 internos, trocando tiros com policiais e agentes penitenciários. São de altíssima periculosidade". Sandro, segundo Vilarinho, soma mais de 35 anos de prisão em suas condenações.
De acordo com a Polícia Civil, os cinco presos já respondem por extorsão mediante sequestro, porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e homicídio.
A casa de luxo, segundo as investigações, havia sido alugada utilizando o nome falso criado por um dos homens. Documentos falsos foram localizados na residência, além de munição de fuzil.
Em um dos cômodos, segundo explicaram os delegados, foi construído um cativeiro com isolamento acústico para abafar os gritos e pedidos de socorro das vítimas. "Eles iam ficar aqui no Ceará de um a dois meses para cometer diversos crimes. De quinta para sexta-feira eles iam sequestrar um gerente de um banco e a família dele", afirmou o delegado Raphael Vilarinho.
Ligação
Para a Polícia Civil, existe a possibilidade de uma ligação entre a quadrilha presa e as apreensões de armas de grosso calibre realizadas nos últimos dias. "A especialidade deles é a extorsão mediante sequestro, mas não está descartada a hipótese da quadrilha praticar outros crimes contra instituições financeiras como explosão. Nada está descartado", afirmou disse Diego Barreto.
Levi de Freitas
Repórter

DIÁRIO DO NORDESTE.

Ceará registra 1º óbito por dengue em 2014



Em boletim epidemiológico divulgado ontem, a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa), confirmou a primeira morte por dengue em 2014 no Ceará. O óbito foi registrado no dia 22 de abril, no município de Maracanaú, e é o único confirmado dentre 14 notificações de mortes por suspeitas da doença.

De acordo com o boletim, o Ceará apresenta atualmente 2.116 casos de dengue confirmados em 69 municípios, 232 a mais em relação ao que constava no informativo anterior, divulgado no último dia 25.

Tomando em consideração os casos de dengue com sinais de alarme, o número saltou de 17 confirmações em quatro municípios para 29, em nove cidades.

Em relação aos casos de dengue grave, o número aumentou de um para três, um deles representado pelo caso de óbito em Maracanaú. As outras duas confirmações foram feitas nos municípios de Pereiro e Juazeiro do Norte. Ambos os pacientes, entretanto, já foram curados.

O boletim atesta ainda que 35 municípios cearenses sofrem com infestação pelo Aedes aegypti, mosquito transmissor da doença. 69 municípios são apontados com casos de transmissão da dengue. A doença apresenta incidência de 105,22 casos para cada 100 mil habitantes do Estado do Ceará.

Os municípios com maior incidência de Dengue no Estado do Ceará foram Fortaleza, com 461 casos registrados, e Tauá, com 421 casos contabilizados.


Queda
Embora a primeira morte por dengue seja motivo de alerta contra a disseminação da doença no Estado, o número de óbitos caiu em 95% em relação a igual período entre janeiro e abril de 2013, quando o total de 21 mortes havia sido confirmadas. No Brasil, o número de mortes caiu 87% nos três primeiros meses deste ano, em comparação ao mesmo período de 2013. Entre janeiro e março de 2014, foram 47 óbitos no país, enquanto em 2013, 368 mortes foram notificadas nesses meses.

A Secretaria da Saúde do Ceará informa, por meio da assessoria de comunicação, que para o controle da dengue, prefeitos e secretários municipais de saúde devem garantir a continuidade das ações do controle focal do mosquito pelos agentes de endemias, realizar multirões de limpeza urbana e convocar a população a colaborar.

Classificação
Desde janeiro de 2014, por sugestão da Organização Mundial de Saúde (OMS), a dengue recebeu novas classificações, que especificam de forma mais adequada cada possível manifestação da doença.

A doença agora é classificada em dengue, dengue com sinais de alarme e dengue grave. Uma pessoa com duas ou mais manifestações como dor de cabeça, febre, náusea, vômitos, manchas avermelhadas na pele ou prova do laço positivas, é considerada como caso suspeito de dengue.

A dengue com sinais de alarme diz respeito ao paciente em que, no período de efervescência da febre, apresentar um ou mais dos seguintes sintomas: dor abdominal contínua, vômitos persistentes, acumulação de líquidos, sangramento de mucosas, dentre outros.

Já os casos de dengue grave são caracterizados por choque, sangramento grave ou comprometimento grave de órgãos como coração ou do sistema nervoso central.

Fonte: Diário do Nordeste

Cinquenta mil ingressos da Copa do Mundo são sorteados entre as cidades-sede

O governo federal sorteia neste sábado (3), 50 mil ingressos para jogos da Copa do Mundo para a população de baixa renda. Os ingressos foram doados ao governo pela Federação Internacional de Futebol (Fifa).

Os bilhetes serão sorteados entre alunos de escolas públicas das 12 cidades-sede dos jogos e para comunidades indígenas, por meio da Fundação Nacional do Índio (Funai).

De acordo com a Secretaria de Imprensa da Presidência da República, 901 escolas serão contempladas e há ingressos para todos os jogos do torneio.

O sorteio será realizado pela Caixa Econômica Federal (CEF), a partir de combinações de números geradas pelo resultado da extração da Loteria Federal.

A lista com o nome de todos os alunos sorteados, com os respectivos jogos, vai ser publicada antes do início dos jogos.

Ceará News

Dilma: ajuste no Bolsa Família e na tabela do IR reforça combate à pobreza


Depois de anunciar, em rede nacional de rádio e TV, o reajuste de 10% no benefício do Programa Bolsa Família e a correção de 4,5% na tabela do Imposto de Renda, a presidenta Dilma Rousseff disse que essas medidas reforçam o combate à extrema pobreza e “defendem a renda dos que vivem do seu trabalho”.
Por meio de sua conta pessoal no Twitter, Dilma avaliou que seu governo está alinhado com os direitos e as conquistas dos trabalhadores de classe média. “Um governo que dialoga com os empreendedores, especialmente os pequenos, e encontra caminhos para melhorar a vida dos que mais precisam”, escreveu a presidenta.
O anúncio, feito na última quarta-feira (30), em pronunciamento referente ao Dia do Trabalho (1º), foi criticado por líderes da oposição. Pela manhã, a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, disse que avaliar o aumento nos valores pagos pelo Bolsa Família com base em indicadores financeiros como a variação do dólar é “leviano e irresponsável”.
Já a manutenção do percentual de anos anteriores para a correção da tabela do Imposto de Renda Pessoa Física foi criticada por algumas entidades da área por estar defasada.
Dilma lembrou que as ações de combate à extrema pobreza não são de hoje. “A criação de 4,8 milhões de empregos desde 2011, a valorização do salário do trabalhador e a sistemática melhoria do Bolsa Família mostram que essa luta não começou só agora”, disse, também pelo Twitter.
Agência Brasil Roberto MOREIRA

Caso Bernardo: família vai à Justiça pedir novas investigações sobre morte da mãe



O advogado Marlon Adriano Balbon pretende protocolar na próxima terça-feira (5) um pedido na Justiça para que a Polícia Civil abra novas investigações sobre a morte de Odilaine Uglione Boldrini, mão do menino Bernardo Boldrini, 11 anos. O garoto foi encontrado enterrado em um matagal em Frederico Westphalen, cidade a 80 km da casa da família, localizada em Três Passos, no dia 14 de abril, dez dias depois de desaparecer.
Segundo Balbon, que representa a avó de Bernardo, Jussara Uglione, a família nunca se convenceu de que Odilaine cometeu suicídio, como concluiu o inquérito sobre o caso. Com a morte de Bernardo, os parentes querem acusar o pai do menino como um possível suspeito também do falecimento de Odilaine.
— Vou argumentar a partir das falhas no inquérito que já existe sobre a morte dela e pedir novas diligências no caso. A família acredita que ela foi assassinada e que o pai do Bernardo pode ser considerado um suspeito. Uma tomografia computadorizada foi feita em Odilaine, mas nunca anexada ao processo. Queremos rever as provas para esclarecer tudo.
Odilaine morreu com um disparo de arma de fogo em 2010, aos 32 anos, três dias antes de assinar a separação do pai do garoto, Leandro Boldrini, de 38 anos. Ela receberia R$ 1,5 milhão e uma pensão de R$ 10 mil por mês. Para a família, ela foi morta para não receber esse valor. No entanto, a investigação policial concluiu que ela se matou.
O pedido será protocolado no fórum da cidade de Três Passos. A Justiça não tem um prazo determinado para dar um parecer.
O pai de Bernardo, o médico Leandro Boldrini, a madrasta, a enfermeira Graciele Ugulini, e Edelvânia, amiga da madrasta, estão detidos desde o dia 14 de abril, quando o corpo da criança foi encontrado. Graciele confirmou em depoimento que fez a aplicação do medicamento Midazolam, mas que a morte do menino foi acidental. A amiga confessou que ajudou a esconder o corpo e ambas dizem que o pai não tem participação na morte. Para a polícia, Boldrini teria conhecimento do crime e quer apurar o que realmente cada um colaborou no caso. 
SITE PORTAL R7

Eunício compra a sede da Coelce para transformar em comitê de campanha


O senador Eunício Oliveira deu mais um sinal claro de que sua candidatura é pra valer. Eunício Oliveira comprou o prédio onde funcionou a sede da Coelce na área nobre do bairro da Aldeota, entre a Barão de Studart e a rua Silva Paulet.

“O terreno de 15 mil m2 ou 1 hectare e meio vai ser usado para o comitê central da campanha de Eunício”, contou o responsável pela transação que não revelou valores.

A compra do terreno  do prédio onde funcionou a sede da Coelce, foi a maior transação imobiliária de 2014 em Fortaleza.

A assessoria do senador confirmou a compra do terreno.

Fonte: Blog do Roberto Moreira no Diário do Nordeste


Torcedor morre atingido por vaso sanitário arremessado de arquibancada do Arruda



Uma morte trágica de um torcedor foi registrada após a partida entre Santa Cruz e Paraná na noite desta sexta-feira (2). Ele passava próximo ao Portão 6 do estádio Arruda, em Recife, quando foi atingido por um vaso sanitário atirado da arquibancada.
De acordo com informações, a vítima que veio a óbito de forma instantânea, era torcedor do Paraná. Ainda segundo relatos, uma briga entre as duas torcidas teria sido iniciada momentos depois de ser dado o apito final encerrando o confronto.

Pedras e bombas eram arremessadas durante o tumulto na Rua das Moças, principal via do entorno do estádio do Santa Cruz segundo relatos.

"A informação é que ele foi atingido pelo vaso sanitário quando passava por aqui na saída do estádio, em frente ao portão 6. Ainda não temos como identificá-lo", afirmou o capitão da polícia militar, Wilson Queiroz. 


Créditos ao Site MISÉRIA.