-->

27 de novembro de 2018

SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO EM CRIMES É PRESO PELA PM DO CEARÁ COM DROGAS E MUNIÇÕES NA ZONA RURAL DE MOSSORÓ


Policiais do Comando Tático Rural (COTAR) do Estado do Ceará, prenderam na noite deste sábado, 24 de Novembro de 2018, um elemento de alta periculosidade com drogas e munições no Assentamento Vila Real na zona rural de Mossoró, na divisa do RN com o CE.
Carlos César Vieira Torre, foi preso em sua residência e com ele, os policiais encontraram quatro munições de pistola ponto 40, onde munições de fuzil 5.56, duas munições de fuzil 7.62, e uma certa quantidade de maconha e cocaína, e duas balanças de precisão. A prisão seu deu após uma denúncia anônima.
De acordo com a polícia, Carlos César pertence a uma quadrilha de carro forte que foi desarticulada na última sexta-feira (23), na localidade de Flores em Russas, no Ceará, onde sete assaltantes morreram em confronto com a PM.
Ainda de acordo com a polícia, o suspeito tinha a função de apoio logístico e reconhecimento da região, e que ainda cedia o local pós-fulga para que a quadrilha pudesse se esconder. Carlos César recebeu voz de prisão e foi conduzido para à Delegacia de Plantão para os procedimentos cabíveis.
Ele foi autuado por tráfico de droga e posse ilegal de munições de calibre de uso restrito, e foi encaminhado para à Cadeia Pública de Mossoró, onde está a disposição da justiça.

Red; Passando na Hora


POLÍCIA IDENTIFICA BANDIDOS QUE MORRERAM NO CONFRONTO DURANTE TENTATIVA DE ASSALTO A CARRO FORTE NO CEARÁ E PRENDE OITAVO ENVOLVIDO EM MOSSORÓ


A Polícia já identificou os setes bandidos que morreram na troca de tiros com forças da Segurança Pública na manhã da última sexta-feira (23), durante tentativa de assalto a um carro-forte na zona rural de Russas (a 163Km de Fortaleza). Além disso, prendeu no Rio Grande do Norte um oitavo envolvido com o bando. O homem detido é apontado como apoiador da quadrilha. Participava das ações criminosas na logística e escondendo os criminosos em sua propriedade rural.
Conforme as autoridades, a quadrilha era interestadual. Dela faziam parte bandidos do Ceará e Rio Grande do Norte. O grupo se especializou em atacar bancos e carros-fortes nos dois estados e tinha como principal rota de fuga a Chapada do Apodi. Ataques ocorriram, principalmente, em Municípios do Vale do Jaguaribe. A maior parte dos criminosos transitava entre São João do Jaguaribe, Limoeiro do Norte, Tabuleiro do Norte, Quixeré e Morada Nova.
Os sete bandidos mortos já identificados eram: Osiel Pinto de Sousa, o “Pio”, natural de Patu (RN); Orlando Barreto Júnior, o “Júnior Pipoca”, 29 anos, de Morada Nova (CE); Rérisson da Silva Ferreira, o “Brizola”, 29 anos, de São João do Jaguaribe (CE); Edson Ferreira da Silva, 26 anos, o “Lourinho”, de Tabuleiro do Norte (CE); Francisco Cláudio Pontes de Oliveira, 33 anos, de Ibicuitinga (CE); Gilberto dos Santos Monteiro,36 anos, natural de Alexandria (RN); e Francisco das Chagas Batista do Nascimento, 46, de Bonsucesso, na Paraíba (PB).
Prisão
No fim de semana, uma equipe do Comando Tático Rural (Cotar), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) da PM do Ceará, foi ao Rio Grande do Norte e ali prendeu o oitavo homem da quadrilha. Trata-se de Carlos César Vieira Torres, apontado como o responsável por dar guarida ao bando sempre após cada assalto praticado pelo grupo.
Na casa dele, localizada no Assentamento Vila Real, entre os Municípios de Baraúna e Na Zona Rural de Mossoró (Maísa), foram apreendidas drogas e munições de diversos calibres, incluindo de fuzis. O bando era formado por 11 criminosos e o chefe da quadrilha está foragido. Trata-se de Silvio Heleno, considerado de altíssima periculosidade e que é caçado em vários estados.

Fernando Ribeiro

Red; Passando na Hora


Aurora registra maior chuva desta terça-feira; choveu 76,5 milímetros


Resultado de imagem para Fotos de chuva

Previsão da Funceme é de nebulosidade variável com possibilidade de chuva isolada no Ceará

O município de Aurora, na Região do Cariri, registrou a maior chuva das últimas 24 horas, segundo boletim da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Segundoo órgão, choveu 76,5 milímetros. As precipitações aconteceram em pelo menos 31 municípios, desde 7h da segunda-feira (26) até as 7h de terça. O dado ainda pode ser atualizado. 

O morador Maxsual Batistabque mora no Centro da cidade registrou a chuva no município na madrugada desta terça-feira.

A segunda maior chuva foi em Lavras Da Mangabeira, com 75,0 milímetros. Foram registradas precipitações nas cidades de Várzea Alegre (43,6 milímetros); Acopiara (37,5 milímetros); Cedro (37,1 milímetros) e Jucás (32,0 milímetros).

Segundo o supervisor da Unidade de Tempo e Clima da Funceme, Raul Fritz, as precipitações se deram, principalmente, devido à atuação de uma Zona de Convergência de Umidade (ZCOU), que é uma banda de nuvens que costuma formar-se na região central do País nesta época do ano. Para esta quarta-feira (27), chuvas mais intensas devem ser registradas na porção sul do Ceará.

A Funceme prevê nebulosidade variável com eventos de chuva na região Jaguaribana, no Cariri e no Sertão Central e Inhamuns. Na faixa litorânea, há possibilidade de chuvas isoladas. Nas demais regiões, céu entre parcialmente nublado e claro. Já na próxima quarta-feira (28), é esperado nebulosidade variável com possibilidade de chuva isolada na faixa litorânea e na Serra da Ibiapaba.

Red; DN

PALHANO-CE ROUBO A COMERCIO E VEÍCULO


Dia 26/11/2018 (Segunda-feira), por volta das 07 h 20 min, na Av. José Francisco de Arruda, zona rural de Palhano-CE, dois indivíduos  (um loiro magro armado de um revolver e outro moreno baixo), que trafegavam em uma Saveiro prata, pararam em  frente do Mercadinho Novo, propriedade da CUSTODINA PEREIRA DA COSTA, residente no endereço supracitado, e roubaram R$2.000,00 do comércio, e na fuga levaram  também o VEÍCULO FIAT STRADA WORKING, cor branca, ano 2014/2015, placa PMI 3220 de Russas-CE. Os PPMM  NA VTR 1781, do Destacamento de Palhano, com o apoio da Força Tática de Russas, atenderam a ocorrência e se encontram em diligencias. Informo ainda que as vítimas foram orientadas a fazer o B.O na DRPC de Russas-CE.


ALTO SANTO-CE PRISÃO POR VIOLÊNCIA DOMÉSTICA


Dia 25/11/2018, por volta das 19 h, no Sítio Tibolo, foi vítima de violência doméstica a Sra. MARIA LAYANE COSTA GUIMARAES, natural de Rodolfo Fernandes-RN, residente na localidade de Jardim, onde a mesma foi agredida e lesionada pelo seu cônjuge, a pessoa de RAFAEL OLIVEIRA MAIA 34 anos, natural de Tabuleiro do Norte, residente na localidade de Jardim, Alto santo. O infrator foi conduzido pela composição da RP 1274  para a DRPC de Jaguaribe, para os procedimentos legais.


RUSSAS-CE ARROMBAMENTO SEGUIDO DE FURTO


Dia 26/11/2018 (Segunda-feira), por volta das 21 h, na Rua Coronel Perdigão Sobrinho, centro de Russas-CE, MATEUS SOMBRA, natural de Russas-CE, ao chegar a sua residência e adentrar, percebeu que foi vítima de arrombamento e furto, já que sua porta da cozinha tinha sido danificada e sumido R$ 2.000,00 (dois mil reais) em espécie, dois aparelho de celular, três relógios e dois vidros de perfumes. Os PPMM na VTR POG, atenderam a ocorrência. 


RUSSAS-CE TCO POR LESÃO CORPORAL DOLOSA


RUSSAS-CE TCO POR LESÃO CORPORAL DOLOSA DOS FATOS: 

Dia 26/11/2018 (Segunda-feira), por volta das 07 h 30 min, na Rua Aristóteles Nogueira, bairro Planalto, Russas-CE, foi vítima de agressão ISABELE LEÃO DE SOUSA 30 anos, natural de Russas-CE, amasiada, Manicure, a agressão foi praticada  por EDNARDO FERREIRA DA SILVA, vulgo “NARDINHO”36 anos, natural de Russas-CE, casado, Cabeleireiro, residente na Av. Coronel Araújo Lima, centro de Russas-CE.  Os PPMM, na VTR POG, conduziram ambos para a DRPC local, onde foi feito um TCO no Art. 129 (Lesão Corporal Dolosa) em desfavor de Nardinho.


Mulher nua é encontrada morta em matagal no Barroso


Uma mulher de aproximadamente 32 anos foi encontrada morta, na tarde desta segunda-feira (26), em um matagal na rua "B" do bairro Barroso. De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava nua e com cortes no rosto. Ela era conhecida na região como "chapeuzinho" e estava desaparecida desde a última quinta-feira(22).

Os exames periciais serão feitos para saber se a vítima sofreu violência sexual. A polícia informou que "chapeuzinho" era usuária de drogas e deixou dois filhos. 

O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) vai investigar o caso.   

Red; DN

Quadrilha é condenada a 172 anos de prisão por fraudes fiscais


Servidores públicos, empresários, contadores e um advogado foram julgados por participação em um esquema criminoso de corrupção que atingiu diversos órgãos públicos no Ceará

Uma organização criminosa investigada na Operação Estorno, da Polícia Federal (PF), sob acusação de fraude fiscal a diversos órgãos públicos no Estado, foi condenada a um total de 172 anos de prisão, pela 11ª Vara da Justiça Federal no Ceará. Entre os oito réus sentenciados estão servidores públicos, empresários, contadores e um advogado.

As penas individuais variaram de cinco anos e seis meses a 39 anos e cinco meses de reclusão. As condenações se deram pelos crimes de corrupção ativa e passiva, crime contra a ordem tributária, quadrilha, falsificação ou uso de selo ou sinal público, falsificação de documento particular, falsidade ideológica e tráfico de influência. A sentença foi proferida pela juíza federal substituta da 11ª Vara, Heloísa Silva de Melo.

A maior pena foi atribuída ao contador Edmilson Gomes Moreira, que, conforme a sentença, liderava o esquema criminoso. Segundo a investigação da PF e a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), Edmilson Moreira era proprietário de uma empresa de contabilidade e mantinha contatos com servidores de órgãos públicos, com o objetivo de solucionar dívidas fiscais e multas e liberar cargas e mercadorias apreendidas dos seus clientes, de forma ilícita.

Investigações

O contador teria corrompido o auditor da Receita Federal, Sérgio Silvestre de Oliveira, e a servidora do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), Maria do Socorro Rosas Lopes, que também prestava serviços à Receita. Conforme a sentença, o suposto chefe da quadrilha contaria com o auxílio do irmão, o advogado Severino Moreira Gomes, e dos funcionários da empresa dele, os contadores Edmilson Cleiton Rodrigues e Valdênio de Oliveira Mendes, no cometimento das fraudes fiscais.

A investigação identificou que dois empresários se beneficiaram do esquema criminoso: Antônio César Gomes da Silva, o 'Teda', e o italiano Tarcísio Montagna. Em um desses casos, no começo de 2006, o contador líder do esquema teria pago R$ 100 mil à servidora Maria do Socorro, para saldar uma dívida de R$ 1 milhão de uma empresa do ramo alimentício, de propriedade de 'Teda'. Já o italiano, também cliente do contador, teria declarado renda incompatível com as movimentações financeiras, entre 2004 e 2007, além de ser julgado por outras práticas criminosas.

A sentença traz que as defesas de Edmilson Moreira, Severino Gomes e Sérgio Oliveira alegaram inépcia da denúncia do MPF e falta de prova para condenar os clientes. Os representantes dos demais réus não foram localizados.

A Operação Estorno foi deflagrada pela PF em junho de 2009, após denúncias anônimas sobre os crimes, e demandou uma investigação que durou dois anos. Doze mandados de prisão temporária e 20 mandados de busca e apreensão foram cumpridos. As apurações apontaram fraudes na Receita Federal, na Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz-CE) e na Junta Comercial do Ceará e se estendem a outro processo criminal.

Red; DN