-->

15 de dezembro de 2019

PM de 28 anos é morto com tiro de fuzil na cabeça em blitz

Ele e colega perseguiram carro que não parou no bloqueio policial.
Na cidade de Piracicaba, interior de São Paulo, uma abordagem policial terminou em tragédia neste sábado (14). O soldado da PM Vinicius da Silva de Melo, de 28 anos, morreu com um tiro de fuzil na cabeça durante o serviço.
Ele e seu colega, que acabou ferido, começaram uma perseguição contra um carro que não parou na blitz. O veículo suspeito acelerou, mas foi impedido de continuar porque colidiu com outros dois carros.

Nesse momento, o atirador saiu do carro com um fuzil calibre 762 e deu vários disparos contra a viatura policial. Depois ele entrou numa área de mata, mas foi perseguido por policiais que chegaram como reforço. O suspeito foi morto no local.

Segundo o major Marlon Niglia, porta-voz da PM de Piracicaba, o suspeito é Sérgio Gomes Samad. Ele transportava fuzis, colete à prova de balas e explosivos.

– Há um registro em vídeo que mostra que o suspeito foi ferido, pois é possível ver uma mancha de sangue em seu braço – explicou.

Red; Sobral 24 horas

Fundo eleitoral deve ficar em R$ 2 bi, após repercussão negativa

Na bancada cearense, há divergências em relação à existência e o reajuste do valor repassado para financiar as campanhas eleitorais
Diante da repercussão negativa do anúncio de R$ 3,8 bilhões para o Fundo Especial de Financiamento de Campanhas, o relator do Orçamento do Governo Federal de 2020, deputado Domingos Neto (PSD), admitiu que deverá encaminhar uma proposta abaixo do valor reajustado no relatório orçamentário que deverá ser entregue, até hoje, na Comissão Mista de Orçamento, no Congresso Nacional.

Estou procurando os líderes e presidentes de partido pedindo para construir consenso em manter no valor proposto de R$ 2 bilhões na proposta do Bolsonaro"
"A gente está vendo uma pressão nas redes sociais muito grande, então já tem mais gente se posicionando contra o aumento. A tendência é que eles mudem o voto", afirmou o deputado federal Capitão Wagner (Pros).

O objetivo, agora, é convencer os partidos que, com a redução de valor, eles perdem recursos para a disputa eleitoral do ano que vem.

A demanda, segundo Domingos Neto, é dos partidos. Documento assinado por presidentes do Progressistas, MDB, PT, PSL, PL, PSD, PSB, Republicanos, PSDB e SD pediam o remanejamento de recursos de emendas impositivas no valor de R$ 4 bilhões para o custeio das eleições.

A proposta, que estava fixada em R$ 3,8 bilhões, segundo Domingos, tentava restabelecer a possibilidade de crescimento no valor do recurso.

O relator se refere aos esforços do Palácio do Planalto de deixar o valor em cerca de R$ 2 bilhões para 2020. Os parlamentares, em sessão do Congresso Nacional, derrubaram, no fim de novembro, o veto presidencial que impedia o reajuste no valor.

Entre os senadores cearenses, Cid Gomes (PDT) e Tasso Jereissati (PSDB) votaram pela derrubada, enquanto Eduardo Girão (Pode) se posicionou a favor do veto. Entre os deputados federais, apenas Capitão Wagner (Pros), Roberto Pessoa (PSDB) e Célio Studart (PV) mantiveram o veto.

"O pleito dos partidos era restabelecer os cortes", disse Neto, anteriormente ao recuo, ao comentar que o "corte" do Governo chegava a R$ 1,8 bilhão.

Ainda de acordo com o relator, o aumento dos valores não impactaria em áreas importantes para o País, como saúde e educação. Parte dos deputados e senadores que é contra o aumento utilizou desse argumento para tentar derrubar a matéria.

"Isso (aumento) vem dos lucros dos dividendos (das estatais), uma receita que não estava prevista da receita original. Não é de cortes de outras áreas. Ele vem de uma receita nova que não estava prevista", diz o relator.

Criado em 2017, o Fundo para financiar as disputas eleitorais é constituído de emendas de bancada e renúncia fiscal economizada com o fim da propaganda nas emissoras de rádio e de TV. Agora, com a adaptação no texto, de acordo com Domingos Neto, o financiamento virá de emendas de bancada e lucros dos dividendos das estatais. Do total, cerca de R$ 1,3 bilhão é oriundo das emendas de bancada.

Bancada

O deputado federal Eduardo Bismarck (PDT) defende que o ideal é que o Fundo de fato não retire recursos de áreas importantes para o País, mas que o repasse dos valores para as campanhas eleitorais é um método que fortalece o processo democrático.

A campanha precisa ser feita, e quanto menos influência do poder econômico externo, melhor", diz. No entanto, de acordo com o pedetista, é preciso dar condições equivalentes para todos os candidatos. "Tem que haver uma distribuição igualitária dos recursos dentro da coligação"
Bismarck admite que esse pode não ser ainda o modelo ideal de financiamento, e que por isso o Parlamento tem feito e deve continuar fazendo constantes modificações para ajustar no modelo mais próximo do ideal.

"A gente está avançando sobre a legislação. Desde que acabou o financiamento privado, não achamos ainda um modelo perfeito, mas acho que a tendência é que fique só financiamento público".

Levantando a bandeira nas redes sociais contra a existência do Fundo, o senador Eduardo Girão (Podemos) tem criticado a possibilidade do aumento do recurso.

Somos contra o aumento do Fundo Eleitoral para R$ 3,8 bilhões. Isso é mais do que dobrar o dinheiro que sai do bolso do contribuinte hoje para financiar campanhas políticas. Os recursos dos nossos impostos devem ser destinados para áreas prioritárias de atendimento à população brasileira, como saúde, educação e segurança", escreveu o cearense.
Quem também aproveitou o momento para condenar a política de financiamento público para as eleições municipais de 2020 foi o deputado federal Roberto Pessoa (PSDB). O tucano, que não assinou o documento pedindo o aumento nas receitas para o custeio da eleição, disse que o Fundo Eleitoral é "absurdo total". "Quem quiser ser candidato que gaste o seu dinheiro e que os partidos resolvam. Cadê a saúde, segurança, educação", questionou. A matéria precisa ir a plenário ainda neste mês.

Red; DN


Polícia Federal já apreendeu mais de R$ 220 mil em notas falsas no Ceará

A maioria das notas falsas são compradas em redes sociais e enviadas por correspondência pelos Correios, segundo a PF.
A Polícia Federal (PF) apreendeu R$ 227.075 em notas falsas, no Ceará, em 2019, até o dia 12 de dezembro. Em todo o ano passado, foram R$ 89.540, o que representa um aumento de 153,6% no ano corrente. Após o fechamento dos dados, solicitados à PF pelo Sistema Verdes Mares, mais cédulas falsas já foram retidas por policiais federais no Estado.

Em unidades, o número de notas apreendidas cresceu de 1.173, em todo o ano de 2018, para 7.617, no ano atual, o que significa um aumento de 549,3%. A intensificação da atividade dos criminosos e da reação da Polícia Federal representou também um aumento em ocorrências de flagrantes (de 11 para 20, em um ano) e em suspeitos capturados (de 15 para 23).

O chefe substituto da Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários (Delefaz), delegado federal Leonardo Pordeus Barroso, revela que “hoje, com a facilidade por Internet e com a diminuição do custo de impressoras e equipamentos de informática, o cidadão, sem gastar muito, consegue fabricar cédulas em casa, com boa qualidade e capaz de enganar o cidadão desatento”.

De acordo com o investigador, a maioria das notas falsas são compradas em redes sociais e enviadas por correspondência pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conhecida como Correios. A reportagem questionou à empresa sobre o uso do serviço de correspondência para práticas ilícitas e as medidas de segurança adotadas, mas não obteve resposta até o fechamento desta matéria.

Sete ocorrências registradas neste mês

Somente neste mês de dezembro, já foram sete ocorrências de moeda falsa registradas pela PF. Na última sexta-feira (13), uma encomenda postal foi apreendida com 20 notas falsas de R$ 50, o que totaliza R$ 1 mil, em Fortaleza, mas ninguém foi preso. Na quinta-feira (12), um paraense de 34 anos foi detido com 45 notas de R$ 20, ou seja, um total de R$900, na agência dos Correios de Tejuçuoca.

No dia anterior (11), um jovem de 19 anos também foi preso pela PF em uma agência dos Correios, no bairro Monte Castelo, na Capital, na posse de duas encomendas postais, que continham 12 cédulas falsas de R$100 e uma de R$20, o que soma R$1.220. Outros cinco suspeitos foram capturados em quatro abordagens, nos dias 2 e 6 deste mês.

Segundo o chefe substituto da Delefaz, no período de fim de ano, a falsificação de notas se intensifica, com o intuito de utilizar em festas. “O comércio mais formal está mais atento para esse tipo de crime. Um caixa de banco dificilmente vai ser vítima, porque tem o treinamento. Agora, um comércio de rua, de festa, uma barraca de praia, que têm um grande fluxo e uma baixa atenção naquele momento, são as maiores vítimas”, compara.

O perito criminal federal, da PF no Ceará, Virgilio Mathieson Tavares, afirma que o público em geral precisa conhecer a moeda nacional. Tavares recomenda que as pessoas acessem o site do Banco Central ou instalem o aplicativo Dinheiro Brasileiro, desenvolvido pelo BC, que explicam detalhadamente cada mecanismo de segurança de todas as cédulas de real e auxiliam na comparação de uma nota suspeita com um modelo autêntico.

(Diário do Nordeste)


Quixada CE plantão policial


IBICUITINGA PRISÃO POR TRÁFICO DE DROGAS

Dia 14/12/2019 (sábado), por volta de 00h, a VTR que estava patrulhando quando recebeu uma denúncia anônima via 190 dando conta de uma movimentação estranha em uma residência e que nesse local estaria acontecendo tráfico de drogas na rua Jose Damasceno, que conseguiram localizar a residência suspeita e ao se aproximarem do local avistaram em determinado momento 02 pessoas em uma motocicleta entregando um dinheiro a uma mulher que saiu na porta ; que os policiais abordaram os elementos e com eles foram encontrados 05 trouxas de Cocaína e que no momento da abordagem os moradores da casa se evadiram pela parte de trás da casa, mas foram, detidos pelos policiais; que na residência foram encontrados 59 pedras de ´´crack´´ embaladas e acondicionadas que estavam em baixo da cama, bem como 18 trouxas de Cocaína; que com as 05 trouxas totalizou 23 unidades de Cocaína, que foram apreendidos 7,60 g de crack, 4,80 g, 03 celulares, os abordados na moto foram identificados como sendo L. A. N. N., segundo como sendo J. E. N. S., os moradores da residência que tentaram se evadir foram identificados como sendo  A. I. S. S.,  e F. I. V., que também foi identificado D. D. A. J., que foram levados para Delegacia de Russas e para serem autuados. 

PEDRA BRANCA PRISÃO PELA LEI MARIA DA PENHA

Dia 14/12/2019, por volta das 10h20m, compareceu a este Destacamento Policial Militar, a senhora de nome R. R. M., relatando que seu companheiro de nome J. H. F. S., teria lhe agredido com empurrões e um cabo de vassoura, então, a composição de serviço fez deslocamento até a residência do infrator, onde ao chega a residência acima mencionada, o mesmo empreendeu fuga, pelo quintal e pulando muros, até se esconder em uma outra residência, deitado em uma rede, onde foi localizado e preso pela equipe de serviço, e conduzido a Delegacia de Polícia Civil de Senador Pompeu para a realização do flagrante do Ato Infracional, pois o mesmo ainda é menor de idade, ficando assim a disposição da Justiça.

IRAPUAN PINHEIRO AMEAÇA E VIOLÊNCIA DOMESTICA

Dia 14/12/2019 a composição da VTR, foi acionada pela senhora F. S. M., que informou que seu ex companheiro a tinha violentado e a ameaçado, de posse das informações fomos ate o local em um  sitio na cidade de IRAPUAN PINHEIRO e encontramos o senhor N. S. R. N. chegando ao local do acontecido, o acusado foi visto em um BAR onde foi dado voz de prisão no mesmo e conduzido ate a delegacia de senador Pompeu, onde foram ouvidas as partes e o o senhor N. sendo autuado por ameaça e violência doméstica. 

QUIXADÁ ACIDENTE DE TRANSITO/ QUEDA DE MOTOCICLETA.

Dia 15/12/2019, por volta das 02h30min, na rua Juscelino Kubitschek, próximo a rotatória para a cidade de Morada Nova, o R. A. F., transitando em uma motocicleta veio a cair depois de perder o controle da mesma, ele se chocou com o meio fio, e sofreu uma lesão na cabeça e um ferimento na perna esquerda, a VTR, foi acionada pelo Copom, e quando chegou ao local a motocicleta já havia sido removida dali, sendo que a vítima foi socorrida em uma ambulância do SAMU para a UPA, onde foi atendida. Aparentemente a vitima não corre risco de morte.

QUIXADÁ ACIDENTE DE TRANSITO/ QUEDA DE MOTONETA.

Dia 15/12/2019, por volta das 05h10min, na rua Professor Júlio Holanda, bairro Alto São Francisco, o A. C. S. O., conduzindo uma motoneta Yamaha/ de cor azul, ano 2014, veio a cair depois de perder o controle da mesma, se chocando com a calçada de uma residência, e sofrendo ele algumas escoriações, a VTR, compareceu no local de onde acionaram a ambulância do SAMU, para socorrer a vítima e conduzi-la a UPA.

Fonte; PMCE
Blog;Erivando Lima