-->

13 de abril de 2016

Ladrões usam máscaras de idosos e roupa social para roubar joalheria


Dois homens se fingiram de idosos para assaltar uma joalheria em um shopping de Chapecó, no Oeste catarinense, na manhã de segunda-feira (11). De roupa social e máscaras realistas, que reproduziam rugas e a textura da pele do idoso, eles levaram objetos e dinheiro. Um terceiro aguardava do lado de fora para auxiliar na fuga. Os três homens foram presos.

Segundo a Polícia Civil, a ação demorou cerca de 8 minutos, por volta das 11h30. Os suspeitos entraram armados na joalheria, amarraram os funcionários, pegaram joias, relógios e óculos e fugiram. A polícia prendeu um dos homens horas depois, com objetos roubados, em Blumenau, no Vale do Itajaí.

Já na madrugada de terça (12), outros dois homens foram presos em uma casa no Loteamento Expoente em Chapecó, com outros objetos roubados, dois revólveres calibre .38, munições, além das máscaras de idosos e roupas utilizadas na ação.

Conforme a Polícia Civil, o grupo, natural de Blumenau, tem inúmeras passagens por roubo e outros crimes. Eles foram presos e encaminhados para o Presídio Regional de Chapecó.
Durante mais de 15 horas, os Departamentos de Investigação Criminal (Dic) de Blumenau, Chapecó e São Bento do Sul trabalharam na localização dos suspeitos, através do compartilhamento de informações e monitoramento.

Do G1