-->

20 de dezembro de 2017

Russas fica de fora do Edital do MEC que oficializa implantação de cursos de Medicina no Interior do Ceará

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta sexta-feira (8), no Diário Oficial da União, Edital relacionando os municípios cearenses aptos a receberem cursos de Medicina. Conforme a divulgação oficial, foram selecionados Canindé, Iguatu, Itapipoca e Quixadá, tendo lideranças políticas, empresários e médicos desta última cidade se mobilizado pela inclusão do Município na lista de interessados na implantação do curso no Interior do Estado.

No início de agosto passado o presidente do Senado Federal, o cearense Eunício Oliveira, havia divulgado que o MEC autorizou a abertura de cinco novos cursos de Medicina no Ceará. As cidades contempladas seriam Crateús, Iguatu, Itapipoca, Russas e Quixadá, que disputava uma das vagas com o município vizinho, Quixeramobim. O anúncio foi feito no plenário do Senado.

Entretanto, conforme o Edital, um dos critérios estabelecidos foi o limite de participação de, no máximo, quatro municípios por unidade da Federação, tendo sido pré-selecionados aqueles de maior população, conforme estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2017, ainda dois municípios por Região de Saúde, respeitada a distância mínima de 50Km entre eles.

O período para adesão dos municípios ao Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle (Simec) será de 11 a 20 de dezembro. A verificação in loco da equipe de avaliação deverá ser realizada entre o dia 2 de janeiro a 9 de fevereiro de 2018. O resultado da inspeção será divulgado pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres) no dia 20 de fevereiro. O resultado final no Diário Oficial da União ocorrerá no dia 13 de março.

Diário do Nordeste