-->

29 de abril de 2017

Sem Adail Carneiro, PP escolhe nova direção no CE

  Adail carneiro leva mais um tombo do PP. Apos querer entra no céu a força

Antônio José disse que a democracia reina na sigla, apesar de, segundo ele, Adail Carneiro querer "tomar o comando do partido pela nacional" ( Foto: Nah Jereissati )
00:00 · 29.04.2017 / atualizado às 00:47

Em convenção partidária realizada na manhã de ontem, em Fortaleza, a direção estadual do Partido Progressista (PP) escolheu o secretário da Regional VI da Prefeitura de Fortaleza, Antônio José, como novo presidente da legenda pelos próximos dois anos, enquanto o deputado federal Macedo passa a ser o vice. Ao Diário do Nordeste, o dirigente da sigla chegou a dizer que o deputado federal Adail Carneiro, único que não participou do encontro, quer tomar o comando da agremiação no Ceará "de forma ditatorial".

Além dos presidentes de diretórios, alguns membros das comissões provisórias e os cinco deputados estaduais estiveram presentes, além dos federais e de Padre Zé Linhares, ex-deputado federal e, agora, presidente de honra da sigla no Estado.

"Só quem não compareceu foi o Adail Carneiro, porque ele continua insistindo com essa ideia. Nunca conversou e nunca teve diálogo com os filiados do PP. Ele quer tomar o comando do partido pela nacional, em uma medida totalmente ditatorial, sem ouvir ninguém do partido", apontou Antônio José.

A convenção ocorreu de manhã, em um hotel na Capital, onde foram deliberadas as eleições dos membros do diretório estadual e dos suplentes, os delegados para a convenção nacional, a escolha do conselho fiscal e consultivo, de ética e filiação partidária, dentre outras pautas.

Padre Zé Linhares foi escolhido presidente de honra e Antônio José, que até pouco tempo era o vice-presidente, passou em definitivo para a presidência do partido. A direção atual termina mandato no próximo dia 9 de maio, e a eleita na sexta-feira (28) terá dois anos de direção.

Fazem parte da direção estadual do PP, a partir de agora, o deputado federal Macedo, como vice-presidente; e Paulo Henrique Lustosa, como secretário-geral. Na segunda vice-presidência está Eugênio Rabelo e o terceiro vice é Etevaldo Nogueira.

Renovação

Os deputados estaduais Lucilvio Girão, Bruno Pedrosa, Fernando Hugo, Leonardo Pinheiro e Walter Cavalcante participaram do encontro. O prefeito do Crato, Zé Ailton Brasil, estava em Brasília e não pode participar. Na convenção, Antônio José reforçou a vontade de "trazer novas caras para o partido", além de pessoas com experiência em algumas áreas, como empresários.

Uma das prioridades da legenda, segundo ele, é encontrar nomes para a disputa à Câmara Federal. No Estado, o grêmio já pensa em indicar novos nomes, como o do candidato derrotado a prefeito de Caucaia, Silvio Nascimento, que ficou em terceiro lugar na disputa do ano passado.

Macedo, por sua vez, destacou que a ordem da executiva nacional é "pisar no acelerador" e fazer o partido crescer nas bases regionais. O deputado disse não estar preocupado com qualquer tentativa de Adail Carneiro tomar a sigla para si, e afirmou que a tendência é que o conflito interno seja amenizado. A reportagem tentou ouvir Adail sobre as citações dos dirigentes, mas as ligações não foram atendidas.

   
Fonte DN